0 32km nas Montanhas do Grand Teton! - Blog da Ana - 1000 dias

32km nas Montanhas do Grand Teton! - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

32km nas Montanhas do Grand Teton!

Estados Unidos, Wyoming, Grand Teton National Park

O belo Cascade Canyon, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

O belo Cascade Canyon, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Seis horas da manhã e o sol começa a aquecer a paisagem fria do final de agosto no Grand Teton National Park. Saímos de Jackson em direção ao parque com café da manhã, sanduíches e 4 litros de água na mochila, câmera e mapa na mão, prontos para um dia de 32 km trekking.

O sol nasce no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

O sol nasce no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


O Paintbrush e o Cascade Canyon são dois trekkings bem procurados entre os day hikers no Grand Teton. Ambos incluem uma trilha de nível moderado a difícil, porém com paisagens e vistas recompensadoras! Difícil é encontrar pessoas que topem atravessar os dois cânions em um mesmo dia, fazendo um grande looping que cruza montanhas e a grande Paintbrush Divide até o Cascade Canyon.

No frio da manhã, início da caminhada no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

No frio da manhã, início da caminhada no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Quando saímos para uma caminhada para trilhas menos frequentadas já vamos psicologicamente preparados para lidar com as situações mais adversas como chuva, frio, bolhas nos pés, cansaço ou até um encontro com um urso, afinal estamos entrando no seu habitat!

Algumas árvores antecipam o Outono na nossa trilha no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Algumas árvores antecipam o Outono na nossa trilha no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


A caminhada começou a pouco mais de 2.000m de altitude às margens do String Lake, onde deixamos a Fiona estacionada. Cruzamos outros trekkers, cada um seguindo o seu caminho e o seu ritmo. Alguns iriam apenas até o Holly Lake, outros dariam a volta no Jenny Lake e poucos seguiriam para um programa mais longo.

Um castor no meio de nossa trilha no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Um castor no meio de nossa trilha no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Caminhamos os primeiros 10 km subindo o Lower Paintbrush Canyon, uma subida leve e constante, cruzando o rio por pontes e com vistas maravilhosas dos lagos que deixávamos para trás. Entrando no cânion entre as imensas montanhas rochosas vemos o rio de degelo descendo o vale. Perto de um desses tivemos um encontro inesperado, um alce macho, lindo, estava ao lado da trilha!

Um grande alce pasta tranquilo no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Um grande alce pasta tranquilo no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Encontro com um alce na trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Encontro com um alce na trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Ele comia algumas plantas e nem nos deu muita bola. Tiramos várias fotos e só quando o Rodrigo tentou se aproximar para sair em uma foto ao lado dele foi que o moose deu um grunhido do tipo “sai pra lá!”. Depois de quase 10 minutos ali sozinhos com o moose, fotografando e observando o imenso animal e seus lindos chifres, foi que seguimos morro acima. Totalmente empolgada comentei com uma hiker que cruzamos vindo em direção contrária que ela encontraria um moose. Ela, tranquilamente, respondeu “e vocês encontrarão um urso!” Seguimos empolgados e ansiosos, queríamos vê-lo, mas sem surpresas! Conseguimos manter um bom ritmo e chegamos ao Holly Lake (2.880m de altitude) em pouco menos de três horas. Um vento danado e água super gelada nos fez decidir seguir e adiamos o banho no lago.

Chegando ao Holy Lake na nossa trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Chegando ao Holy Lake na nossa trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


O lago lá embaixo, já subimos bastante na nossa trilha através do Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

O lago lá embaixo, já subimos bastante na nossa trilha através do Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Dali, rumo à Paintbrush Divide! Logo no início do caminho já cruzamos um veadinho saltitante que logo fugiu e se enfiou na floresta, mas nada de urso. Continuamos subindo com a trilha um pouco mais íngreme e eu mais lenta. Depois de muito tempo quase ao nível do mar o organismo ainda não teve tempo para se acostumar com a altitude. Saímos dos 2.000m, passamos do nível dos gelos e glaciares e chegamos aos 3.268m com um sol lindo, frio e muito vento!

Atravessando trecho de gelo, já quase chegando ao ponto mais alto da trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Atravessando trecho de gelo, já quase chegando ao ponto mais alto da trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


O ponto mais alto da trilha de 32 km pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

O ponto mais alto da trilha de 32 km pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Do ponto mais alto da trilha vemos o topo da cadeia de montanhas mais próximo, temos uma vista espetacular para os dois cânions, além de vários lagos de degelo. Uma parada para o almoço e as bolhas no pé já começaram a incomodar. Tanto tempo de verão e chinelo que os pés desacostumaram ao tênis.

Ponto mais alto da trilha, a 3.250 m de altitude, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Ponto mais alto da trilha, a 3.250 m de altitude, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Uma vez no alto, o caminho agora é para baixo! Um longo zigue-zague costeando a montanha nos levou dos mais de 3.200m de altitude aos 2.753m no Solitude Lake. Um lago belíssimo que acabou de descongelar do último inverno. A água congelante foi um alento para os pés e as bolhas, mas nadar ali, nem pensar!

Começando a longa descida no nosso giro pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Começando a longa descida no nosso giro pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Lake Solitude, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Lake Solitude, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Neste lago começa o rio que corta o Cascade Canyon, margeando o rio descemos todo o vale florido com a vista mais clássica do Grand Teton, pico que empresta seu nome ao parque. No caminho conhecemos o casal de estudantes de medicina, também apaixonados por viagens e natureza, Melissa e Erin. Os dois sortudos vinham logo atrás de nós e perto do Holly Lake encontraram o nosso urso prometido! Nós não o vimos por pouco!

Uma trilha que mais parece um jardim, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Uma trilha que mais parece um jardim, no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Daqui seguimos caminhando juntos, com muitas histórias e experiências engraçadas. Enquanto eles nos davam dicas da terra dos ursos, nós contávamos as nossas aventuras pela América e assim os 12 km de trilha cânion abaixo passaram muito mais rápido. Ainda fizemos um pequeno detour para conhecer o Inspiration Point e a Hidden Falls, dois pontos bem conhecidos, de trilhas mais curtas e de fácil acesso por barcos que cruzam o Jenny Lake com dezenas de turistas todos os dias.

Nossos companheiros no final da trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Nossos companheiros no final da trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


A 'Hidden Waterfall', no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

A "Hidden Waterfall", no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


O último trecho da trilha na margem oeste do Jenny Lake parecia não ter fim! Um encontro com um veadinho destemido no começo dessa trilha foi bacana, mas depois foram quase 4 km rodeados por uma floresta nova, cheia de troncos queimados, que apesar da bela vista do lago, só pensávamos em chegar ao carro! Ainda fomos até lago, dar um tchibum para ativar a circulação sanguínea nas águas geladas do String Lake!

No final da nossa trilha, um último encontro com a fauna do Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

No final da nossa trilha, um último encontro com a fauna do Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Banho merecido no lago, após 32 km de trilhas pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Banho merecido no lago, após 32 km de trilhas pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


À noite só tivemos forças para caminhar até o Million Dollar Cowboy Bar, no centro de Jackson. Estava bem agitado, cheio de jovens descolados, mas por incrível que pareça só jantamos e logo despencamos na cama para uma noite merecida de descanso.

Chegando ao Holy Lake na nossa trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Chegando ao Holy Lake na nossa trilha pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos


Completamos em aproximadamente 10 horas os 32 km de montanhas, vales, rios e lagos do grande loop. Fizemos novos amigos e vimos o nosso primeiro dos “big five” americanos, o moose! Faltou o urso, nós não o vimos, mas com certeza ele nos viu!

Estados Unidos, Wyoming, Grand Teton National Park, trilha, Montanha, Trekking, parque nacional, Natureza, Hiking, Paintbrush Canyon, Cascade Canyon

Veja todas as fotos do dia!

Quer saber mais? Clique aqui e pergunte!

Post anterior As montanhas mais altas são iluminadas pelo sol que nasce no Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Grand Teton National Park

Post seguinte A fabulosa Grand Prismatic Pool, no Yellowstone National Park, em Wyoming, nos Estados Unidos

Yellowstone em 3 dias

Blog do Rodrigo Começando a longa descida no nosso giro pelo Grand Teton National Park, no Wyoming, nos Estados Unidos

Twenty Miles

Comentários (4)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 03/03/2016 | 00:42 por Luis

    Ola Ana... Encontrei o post de vcs e gostaria de uma ajuda! Estamos indo para o Grand Teton agora em Maio. Eu tinha planejado fazer o loop q vcs fizeram, porem no sentido oposto (saindo de Jenny Lake)! Saberia me dizer se eh uma boa ideia?? Ou fazer oq vcs fizeram eh a melhor escolha?? Sei q em Maio ainda vai ter um pouco de neve, entao nao sei qual sentido eh mais viavel! Vcs usaram os shuttle boats?? Onde estacionaram?? Se puderem sjudar.... Obrigado!

  • 03/03/2016 | 00:39 por Luis

    Ola Ana... Encontrei o post de vcs e gostaria de uma ajuda! Estamos indo para o Grand Teton agora em Maio. Eu tinha planejado fazer o loop q vcs fizeram, porem no sentido oposto (saindo de Jenny Lake)! Saberia me dizer se eh uma boa ideia?? Ou fazer oq vcs fizeram eh a melhor escolha?? Sei q em Maio ainda vai ter um pouco de neve, entao nao sei qual sentido eh mais viavel! Vcs usaram os shuttle boats?? Onde estacionaram?? Se puderem sjudar.... Obrigado!

  • 15/05/2013 | 09:51 por Bruno

    Oi Ana,
    peguei uma reserva em Jackson mesmo,num Super 8, estou tranquilo com o seu depoimento. Em Yellowstone ficarei no Old Faithful Inn!!!! Contagem regressiva!!! Toda essa viagem ( Wyoming/Blue Ridge ) nasceu da leitura dos seus posts e do Rodrigo!

    Resposta:
    Sensacional!!! Eu queria muito ter ficado lá no Old Faithfull Inn mas quando chegamos já estava lotado... =( O Super 8 vai ser tranquilo, você vai adorar. O bar country na frente da praça tem umas noites com música ao vivo e uma galera dançando que são bem legais! Aproveite muito, tire muuitas fotos e mande para nós depois! =) Beijos e boa viagem!

  • 21/04/2013 | 02:13 por Bruno

    Olá! Vcs se hospedaram em Jackson Hole? Recomendam? Muito longe pra ir e vir do parque? Obrigado!

    Resposta:
    Olá Bruno! Sim! Nos hospedamos em Jackson e é tranquilo para ir ao parque, pouco menos de 30 minutos em uma estrada linda. As hospedagens do parque são práticas mas tem a desvantagem da alimentação, meio bandejão. A cidade é bonitinha e vc tem mais opções de restaurantes, pubs, etc. Nós chegamos na altíssima temporada e sem reserva, então ficamos em dois hotéis diferentes, um na estrada a uns 5km da cidade, Elk Refuge Inn, era mais carinho, mas é quase um apartamento com cozinha e uma pequena sala. Mais baratex, bem simples, mas aconchegante foi o Kildo Motel, bem no centro, duas quadras da praça. Ele também oferece cabanas maiores se você quiser mais espaço.

    Lá no Yellowstone acho que vale mais a pena, pois o parque é tão grande que vc ganha muito tempo ficando dentro do parque. Reservando com antecedência vc deve achar algumas tarifas de 75 a 90 dólares. O Old Faithful Inn é o hotel mais antigo e é lindo, de frente para os geisers e tem um restaurante ótimo.

    Nossa, rever tudo isso tá me dando uma vontade de voltar!!! Rsrs!
    Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet