0 Sete Cidades e a 15a Capital - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Sete Cidades e a 15a Capital - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Sete Cidades e a 15a Capital

Brasil, Piauí, Teresina, Piripiri (P.N. Sete Cidades)

A famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

A famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Amanhecemos na pequena Piripiri, bem ao lado do Parque Nacional de Sete Cidades. Logo cedo estávamos cruzando aquela mescla de cerrado e caatinga, vegetação bem verdinha nessa época de chuvas apesar do forte calor que sempre domina a região. Rapidinho vencemos os pouco mais de 20 km, no conforto da Fiona, para a sede do parque, criado em 1961.

Dirigindo no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Dirigindo no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Ali encontramos a Carminha, nossa guia para conhecer as trilhas e caminhos do parque. Apesar de estar tudo muito bem sinalizado, o acompanhamento de um guia é obrigatório. Isso ajuda a evitar o depredação que vinha ocorrendo antes desse "procedimento".

Formação rochosa no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Formação rochosa no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


O parque nos lembrou bastante o Parque Estadual de Vila Velha, no Paraná. Formações rochosas, fruto da erosão milenar do vento e da água e também de outra, que opera numa escala ainda maior, dos milhões de anos: os movimentos da crosta terrestre. O resultado são torres de pedra em diversos formatos e "cascas" de pedras que lembram tartarugas gigantes e tatus de aparência pré-histórica.

O Arco do Triunfo, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

O Arco do Triunfo, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Esse cenário singular vem atraindo gente há milênios de anos e, segundo alguns, povos de muito longe. Teorias um tanto "exóticas" afirmam ser as Sete Cidades resquícios da passagem de fenícios ou de vikings pelo interior do Piauí. Outros dizem que as pinturas rupestres mostram claramente a visita de seres de outros planetas pela região. O mais provável mesmo é que povos nômades que habitavam o nordeste brasileiro entre 10 e 5 mil anos atrás usavam as astranhas formações rochosas como ponto de apoio e local de rituais nas suas passagens por aqui. O mesmo povo que também frequentava a Serra da Capivara, das Confusões, do Catimbau, Lajedo do Pai Mateus e a Pedra do Ingá. Era uma região movimentada, esse interior nordestino nesse tempo...

Placa informativa, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Placa informativa, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Pinturas rupestres no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Pinturas rupestres no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Enfim, as formações rochosas estão divididas em sete áreas do parque, muitas delas bem próximas entre si. São as "Sete Cidades". Entre as formações mais famosas estão a Pedra da Tartaruga, os Mapas do Brasil, o Arco do Triunfo, o Dedo de Deus e a incrível Biblioteca, minha preferida. Por cerca de duas horas caminhamos entre e sobre elas. Entre uma "cidade" e outra, seguíamos no ar condicionado da Fiona. Dentro de cada cidade (visitamos cinco), enfrentávamos o calor de trinta e poucos graus.

Bela paisagem vista do alto do mirante no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Bela paisagem vista do alto do mirante no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Admirando a paisagem do Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Admirando a paisagem do Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Tudo visitado e fotografado, voltamos para Piripiri, para nosso hotel California, onde tínhamos deixado nossas roupas para lavar. E assim, de roupas bem limpinhas, viajamos mais 160 km até a capital do estado, Teresina. É a décima quinta capital que passamos, aqui no Brasil.

A 'Biblioteca', no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

A "Biblioteca", no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


O sempre presente 'Dedo de Deus', no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

O sempre presente "Dedo de Deus", no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Para vir até aqui, fizemos um belo desvio no nosso rumo. Mas não queríamos deixar para trás a capital menos visitada por turistas no nordeste. É a única que não fica no litoral, cidade planejada e construída na metade do séc. XIX. Chegamos no finzinho do dia e deixamos para fazer turismo amanhã. Mas aproveitamos a noite de sábado para ver um pouco do seu agito.

Concurso de Rainha 3a idade do Carnaval , em Teresina - PI

Concurso de Rainha 3a idade do Carnaval , em Teresina - PI


Fomos jantar num dos restaurantes mais conhecidos, o Favorito, e de lá para um pub bem movimentado, o Planeta Diário. Entre um e outro, uma rápida passada no Jockey Club, onde acontecia o concurso de rainha do carnaval da terceira idade. Entre os jurados, a eterna Elke Maravilha. Foi divertido! Jóia mesmo foi o pub, onde duas bandas com vocalistas mulheres deram um verdadeiro show durante a noite e madrugada, nos propiciando lembranças e momentos que para sempre guardaremos na memória. Só a noite de de hoje já fez valer esse desvio de 160 km. Amanhã, durante o dia, o que vier é lucro!

No bar Planeta Diário, em Teresina - PI

No bar Planeta Diário, em Teresina - PI

Brasil, Piauí, Teresina, Piripiri (P.N. Sete Cidades), Parque

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior Reverenciando a Cachoeira do Frade, em Ubajara - CE

Cachoeira do Frade

Post seguinte Monumento no encontro dos rios, em Teresina - PI

Em Teresina

Blog da Ana Formações rochosas no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Sete Cidades

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 03/07/2015 | 00:37 por Nery

    lindas suas fotos! tb amei o lugar, e escrevi no meu blog. dá uma passada lá. abraço

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet