0 No Meio do Caminho Havia um Huemul - Blog do Rodrigo - 1000 dias

No Meio do Caminho Havia um Huemul - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

No Meio do Caminho Havia um Huemul

Chile, Coyhaique, Puerto Rio Tranquilo

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile


Depois da nossa visita ao Valle Los Exploradores, ontem de tarde e hoje de manhã, nós voltamos para a Carretera Austral para retomar nosso rumo ao norte. Foi a nossa despedida do majestoso lago General Carrera, um dos maiores do continente, o mesmo onde estão as Capillas de Marmol e por onde entramos vindos da Argentina, no primeiro dia do ano. O lago estava lindo como sempre, principalmente em um dia ensolarado como hoje.

A caminho de Puerto Rio Tranquilo, de volta à Carretera Austral e ao lago General Carrera, no sul do Chile

A caminho de Puerto Rio Tranquilo, de volta à Carretera Austral e ao lago General Carrera, no sul do Chile


A caminho de Puerto Rio Tranquilo, de volta à Carretera Austral e ao lago General Carrera, no sul do Chile

A caminho de Puerto Rio Tranquilo, de volta à Carretera Austral e ao lago General Carrera, no sul do Chile


Dessa vez, nós entramos na pequena Puerto Rio Tranquilo para almoçar. De frente ao lago, vários restaurantes e também os quiosques das agências que levam os turistas de barco às Capillas de Marmol. Uma linha de produção! Mas a concorrência ajudar a manter os preços mais baixos, imagino...

Em Puerto Rio TRanquilo, agências oferecem tours de barco até as Capillas De Marmol, no lago General Carrera, no sul do Chile

Em Puerto Rio TRanquilo, agências oferecem tours de barco até as Capillas De Marmol, no lago General Carrera, no sul do Chile


Por fim, estrada novamente. São cerca de 220 km até Coyhaique, a principal cidade da região de Aysén, no Chile. Os primeiros 150 km da estrada são de rípio, um dos piores que encontramos na Carretera Austral. Depois, a partir da pequena vila de Cerro Castillo, vamos reencontrar o asfalto, o primeiro desde que entramos no Chile. Quase todo o trecho asfaltado da Carretera Austral está nas cercanias de Coyhaique, ao sul e ao norte da cidade.



O trecho mais bonito da estrada hoje foi justamente na região de Cerro Castillo, já no asfalto. A montanha tem a forma de um grande castelo e por isso tem esse nome. Toda a área ao redor dela foi transformada em uma Reserva Nacional a são inúmeras as possibilidades de trekking na região, desde pequenos caminhos até uma trilha de três dias e duas noites que chega perto da crista da montanha. Para se atingir o cume de 2.675 metros de altitude, são necessários equipamentos e conhecimentos técnicos de escalada.

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile


Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile


Deixamos essa imponente montanha para trás, tristes por não termos tempo para passar alguns dias por ali. Atualmente, a nossa corrida é para chegar a Pucón, na região dos lagos, até o dia 13 desse mês. É quando vai ocorrer uma famosa prova de triatlo na cidade em que vai participar um primo meu. Queremos muito ver a prova. Aliás, é o mesmo primo com quem viajei para o Chile 22 anos trás e estivemos nessa mesma Pucón, onde subimos o vulcão Villarica. Já estamos combinados de subir o mesmo vulcão novamente. Vai ser joia! Enfim, nosso tempo está bem corrido (para variar!), pois além de percorrer o resto da Carretera Austral, ainda queremos passar alguns dias na ilha de Chiloé, antes de seguirmos para a região dos lagos, um pouco mais ao norte.

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile


Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, passando pela região da Reserva Nacional do Cerro Castillo, no sul do Chile


O trecho final da viagem, depois que o Cerro Castillo ficou para trás, não prometia muito. Ledo engano! Um carro parado no acostamento adiante de nós denunciou que algo ocorria por ali. Nós diminuímos a velocidade, apuramos os olhos e encontramos o motivo, ali bem perto da estrada: um huemul! Finalmente, um huemul!

Um Huemul macho, os únicos com chifre, na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, no sul do Chile

Um Huemul macho, os únicos com chifre, na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, no sul do Chile


Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile


Desde que viajamos pelo sul da patagônia andina argentina que tentamos encontrar esse elusivo cervo andino que se encontra em grave perigo de extinção. Calcula-se que sua população original tenha diminuído em quase 99% nesse último século. Além da perda de parte do habitat natural, o huemul sofre agora concorrência de uma espécie invasora, os veados vermelhos trazidos da Europa para satisfazer os amantes da caça. O huemul é bem menor que seu primo europeu, pesa cerca de 90 kg e seu dorso não chega a um metro de altura.

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile


Um Huemul macho, os únicos com chifre, na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, no sul do Chile

Um Huemul macho, os únicos com chifre, na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, no sul do Chile


O huemul que vimos e fotografamos na estrada é um macho adulto. É bem fácil de perceber isso porque as fêmeas da espécie não têm os elegantes chifres que os machos ostentam com tanto orgulho. Para nossa sorte, ele se deixou fotografar por mais de um minuto, mais preocupado com a relva verde de que se alimentava do que com as lentes curiosas apontadas para ele. É muito mais comum vê-lo de longe, principalmente nas trilhas que se aproximam das montanhas e encostas rochosas. Mas mesmo nesses ambientes não é fácil encontrá-los. Por exemplo, nós passamos vários dias caminhando na região de El Chaltén, na Argentinam e em Torres del Paine, aqui no Chile, e não vimos nenhum deles. Hoje, lá estava um deles, a poucos metros da Carretera Austral, em seu trecho asfaltado! Que belíssima surpresa! Que ótima maneira de terminar a primeira metade da nossa temporada aqui na região de Aysén!

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile

Na Carretera Austral, a caminho de Coyhaique, encontrando um solitário, tímido e arisco Huemul, no sul do Chile

Chile, Coyhaique, Puerto Rio Tranquilo, Montanha, Bichos, Patagônia, Carretera Austral, huemul, Cerro Castillo

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior O belíssimo Valle Los Exploradores, perto da Carretera Austral, região de Puerto Rio Tranquilo, no sul do Chile

Valle Los Exploradores e Laguna San Rafael

Post seguinte Delicioso jantar feito pela Ana acompanhado de bom vinho em nosso chalé em Coyhaique, a maior cidade ao longo da Carretera Austral, no sul do Chile

Um Tempo em Coyhaique

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet