0 Mont-Tremblant - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Mont-Tremblant - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Mont-Tremblant

Canadá, Parc National du Mont-Tremblant, Ottawa

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares


Não há canadense da parte leste do país que não conheça a região do Mont-Tremblant. Se não esteve por lá pessoalmente, certamente já ouviu muito falar e tem amigos que frequentam. Mas boa parte dessa fama vem do inverno. Mont-Tremblant, está entre as mais altas montanhas desse lado do país, e é a mais famosa e concorrida estação de esqui nas cercanias das grandes metrópoles de Montreal e Toronto.

Placa de boasvindas na entrada do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Placa de boasvindas na entrada do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


Só que agora estamos em pleno verão e não há vestígio de neve aqui por perto, nem mesmo no alto das montanhas. Mas o Parc National du Mont Tremblant não vive só do inverno. Ao contrário, atrai milhares de amantes da natureza também no verão. Eles vem atrás de suas trilhas e caminhos por entre as montanhas, seus rios encachoeirados e os grandes lagos que, nessa época do ano, formam praias propícias aos esportes náuticos ou simplesmente a um bom banho.

visitando cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

visitando cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


Depois do cansativo e intenso dia de ontem, hoje acordamos meio tarde e viemos para cá com uma certa preguiça. No caminho, grandes hotéis e resorts que ficam lotados no inverno, dezenas de pistas de esqui logo ali atrás, descendo as montanhas da cordilheira Laurentides. Agora no verão, sem a neve, só podemos ver aquelas faixas de terra descendo a encosta por entre as árvores e, ali perto, a fileira de cadeirinhas paradas, esperando a primeira nevasca.

visitando cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

visitando cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


A entrada do parque e os estacionamentos estavam muito mais concorridos que no parque de ontem. É o preço da fama. No Centro de Visitantes, diversos excursionistas, dos 12 ao 60 anos, tratavam de conseguir seus papéis que lhe permitiriam acampar nos diversos campings do parque. Esse tipo de atividade, trekking por trilhas de parques nacionais, é infinitamente mais popular aqui na América do Norte do que no Brasil. São famílias inteiras ou grupos de amigos que vem passar o fim de semana no meio da natureza e usufruir da ótima estrutura dos parques, ao invés de se enfurnar em shoppings, bares ou na frente do computador. Muito legal!

Caminhando no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Caminhando no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


Para nós, que só tínhamos algumas horas no parque, não era preciso burocracia. O guarda-parque, de forma mais titubeante que a excelente guarda-parque de ontem, nos apontou algumas possibilidades no mapa de trilhas do Mont-Tremblant e para lá fomos nós, no nosso turismo-relâmpago através da exuberante natureza de Quebec.

Rio cheio de corredeiras no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Rio cheio de corredeiras no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


Ao contrário de ontem, hoje deixamos a trilha mais longa para o final e começamos esquentando nossas baterias em trilhas mais curtas. Mas foi só darmos os primeiros passos por entre a floresta e respirar o ar puro das montanhas que a preguiça ficou para trás, substituída pela energia própria de um lugar maravilhoso como esse. Bastou uma rápida olhada no mapa de trilas do parque para perceber que, também aqui, seriam necessárias semanas de explorações. Realmente, não deve ser um lugar chato de se viver, se pudéssemos pular os seis meses de temperaturas polares...

Rio cheio de corredeiras no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Rio cheio de corredeiras no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


As primeiras duas trilhas foram para ver cachoeiras, ou “Chutes”, como chamam por aqui (já tínhamos aprendido isso em Guadalupe!). Primeiro, a Chute du Diable, no rio de mesmo nome, com águas bem escuras. Eram dezenas de pessoas fazendo a pequena caminhada que chega até um mirante de onde se observa a queda d’água. Ali, não se pode nadar, mas ao longo do caminho ao lado do rio, aí sim, nas diversas piscinas naturais que se formam. Mas nós estávamos mais no pique de andar do que nadar e seguimos para a próxima trilha, Chutes Croches. Menos vistosas que a Chute du Diable, também eram menos concorridas. Na verdade, mais corredeiras do que cachoeiras. O que nos impressionou aqui foi a verdadeira teia de trilhas e caminhos de bicicleta que encontramos. Todas muito bem cuidadas e sempre com alguém a percorrê-las.

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares


Com tanta gente fazendo exercício, ficamos até mais animados para fazer a Trilha du Corniche, que nos levava para o alto de uma montanha com uma belíssima vista dos arredores, montanhas em frente e o grande Lac Monroe abaixo de nós. Apesar de em menor número, também aqui encontramos outros andarilhos. Entre eles, um casal com seu filho de seis anos, enfrentando os quase 200 metros de desnível do caminho, além da filhinha de apenas um, que seguia na mochila nas costas do pai. Começam cedo, aqui no Canadá!

Mirante em trilha no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Mirante em trilha no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá


Depois das fotos e piquenique lá encima, voltamos para o vale e seguimos para uma das praias do lago. Foi só o tempo de dar uma olhada e não nos animarmos a nadar entre a pequena multidão, para nos decidirmos a seguir viagem. Afinal, ainda queríamos chegar à Ottawa, a capital do país.

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares

A magnífica vista do Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá, vista do alto de uma das trilhas mais populares


E assim fizemos. Bem no final do dia, já estávamos entrando na periferia da cidade. Ali, paramos no estacionamento de um McDonald’s para aproveitar a internet de graça e, rapidamente, via PriceLine, a Ana encontrou um hotel para nós no centro da cidade, para onde a Fiona e o GPS nos levariam com um pé nas costas. Viva a tecnologia! Meia hora mais tarde e já estávamos confortavelmente instalados na capital do país, prontos para um dia de explorações urbanas amanhã. E assim, de cidade para parque para cidade, vamos conhecendo um pouco do enorme Canadá...

Cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Cachoeira no Parc National du Mont -Tremblant, na província de Quebec, no Canadá

Canadá, Parc National du Mont-Tremblant, Ottawa, trilha, cachoeira, Parque

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Um dos muitos lagos no Parc National de La Mauricie, província de Quebec, no Canadá

Parc de La Mauricie

Post seguinte A Ana participa de aula de Ioga em frente ao prédio do Parlamento, em Ottawa, capital do Canadá

O Momento Mágico

Blog da Ana Os lagos e magníficas paisagens do Parc National de La Mauricie, província de Quebec, no Canadá

La Mauricie e Mont Tremblant

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet