0 De Cara Limpa no Texas Alemão - Blog do Rodrigo - 1000 dias

De Cara Limpa no Texas Alemão - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

De Cara Limpa no Texas Alemão

Estados Unidos, Texas, Fredericksburg

De cara limpa após sessão em barbearia de Fredericksburg, no Texas, nos Estados Unidos

De cara limpa após sessão em barbearia de Fredericksburg, no Texas, nos Estados Unidos


No início das nossas viagens pelos Estados Unidos, em Abril do ano passado, passamos rapidamente pelo Texas, o maior estado americano depois do Alaska. Foi uma passagem rápida, de raspão, lá pela ponta norte. Já contava nas nossas estatísticas, mas na prática, nem valia. Só tínhamos visto o estado pelas janelas da Fiona. Agora, chegou a hora de olhar um pouco mais de perto e com mais calma. Escolhemos o Texas para ser nosso último estado nessa passagem pelo Tio Sam. Daqui, bye bye, voltamos para o México e para o mundo latino.

Entardecer nas intermináveis planícies do Texas, nos Estados Unidos

Entardecer nas intermináveis planícies do Texas, nos Estados Unidos


O que lembrávamos daquela rápida passagem eram as intermináveis planícies e as longas retas na estrada. Assim, não foi difícil reconhecer o estado assim que entramos nele, as mesmas retas infinitas. Uma curiosidade: pelos mais de quarenta estados que passamos por no país, é aqui que o limite de velocidade é o mais alto. São 80 milhas, praticamente 130 quilômetros por hora. Jogue encima disso aquelas 10 milhas que os guardas dão de folga e podemos voar por aqui. Acho que é a maneira que encontraram para as retas passarem mais rápido...

Igreja de Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos

Igreja de Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos


Nossa viagem era até Austin, a capital do estado. Mas no caminho, paramos também em Fredericksburg, a cidade que nos pareceu mais interessante na nossa rota. Apesar dos 1000dias serem “apenas” nas Américas, a gente se sente bem perto da Europa também, quase como se ela fizesse parte do caminho. Afinal, Portugal está presente no Brasil e a Espanha em toda a América Latina. A Inglaterra está em várias ilhas do Caribe além, é claro, de EUA e Canadá. A França também se faz presente no Caribe, na nossa vizinha Guiana Francesa, e em parte do Canadá. Aliás, no Caribe também estão presentes dinamarqueses e suecos (pouca gente sabe disso...), sem esquecer dos holandeses (Suriname e ilhotas do Caribe). Enfim, praticamente toda a Europa ocidental. Dos grandes países, faltam Itália e Alemanha.

A influência alemã continua forte em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos

A influência alemã continua forte em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos


Faltam mesmo? Nem tanto. Italianos são tem muito bom gosto e sabem viver a vida. São donos de centenas de pousadas espalhadas em paraísos ao longo da costa do continente. Desde Jericoacoara ou Búzios até o México e Caribe. Sem falar dos restaurantes, que estão presentes em todo o continente. E os alemães? Bem, esses não têm muitos restaurantes ou pousadas. Mas eles fundam cidades inteiras! Em lugares insólitos como o interior do Brasil (Blumenau), do Chile, do Paraguay (Filadelfia) e também do Texas!

Uma deliciosa padaria alemã em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos

Uma deliciosa padaria alemã em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos


O nome da cidade é uma homenagem ao famoso príncipe da Prússia e ela foi fundada e colonizada por alemães que fugiam das convulsões sociais que atormentavam a sua terra natal no meio do século XIX. Por aqui, mantiveram seus costumes, arquitetura e comida. Até a língua foi mantida, pelo menos durante as primeiras gerações. Hoje, caminhando pela cidade, é fácil ver sinais escritos em alemão, além de boas padarias, deliciosos apfel strudels e igrejas que parecem saídas da Baviera. Foi uma excelente ideia ter parado por lá e nossos estômagos agradecem!

Luta contra o controle de armas em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos

Luta contra o controle de armas em Fredericksburg, cidade de origem germânica no Texas, nos Estados Unidos


Além disso, o que vimos também foi uma tradicional barbearia. Justamente o que eu estava procurando faz tempo. O simpático descendente direto de alemães, ainda com seu sotaque característico, me deixou de cara limpa, enquanto a Ana se divertia com os cartazes espalhados pela loja que defendiam o direito de carregar armas. Essa é uma questão sensível aqui no Texas, um estado conservador. Com a exceção de Austin, que parece ser de outro estado, apesar de ser a capital do Texas, um plebiscito aqui certamente teria como resultado a total liberdade de portar armas. Uma cultura que vem desde a época da guerra de independência do México. Todos assuntos muito interessantes que certamente tratarei nos posts durante a nossa estadia por aqui. Por hora, de cara limpa e cabeça leve, rumo à Austin!

Pronto para fazer barba e cabelo em barbearia tradicional de Fredericksburg, no Texas, nos Estados Unidos

Pronto para fazer barba e cabelo em barbearia tradicional de Fredericksburg, no Texas, nos Estados Unidos

Estados Unidos, Texas, Fredericksburg,

Veja todas as fotos do dia!

Participe da nossa viagem, comente!

Post anterior Caminhando com o grupo na parte inferior da caverna em Carlsbad Caverns National Park, no sul do Novo México, nos Estados Unidos

Fantásticas Cavernas - 2a Parte

Post seguinte Com a Lu Misura, depois de mais uma revisão internacional da Fiona, agora com 120 mil Km (em Austin, capital do Texas, nos Estados Unidos)

Austin, a Capital e a Ilha do Texas

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet