0 Tarzan e os Saltos Espetaculares - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Tarzan e os Saltos Espetaculares - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Tarzan e os Saltos Espetaculares

México, Puerto Escondido, Acapulco

O incrível salto mortal de 25 metros de altura em La Quebrada, em Acapulco, no México

O incrível salto mortal de 25 metros de altura em La Quebrada, em Acapulco, no México


A viagem de hoje foi bem mais longa que a de ontem. Com um agravante: fomos alertados por diversas pessoas que não deveríamos viajar no escuro de maneira nenhuma! As estradas de Guerreiro, onde está a cidade de Acapulco, têm péssima reputação de segurança. Pela costa do estado entra boa parte da cocaína vinda da Colômbia em rota para os Estados Unidos. Vem por mar até aqui e segue por terra até o Tio Sam. Um lugar estratégico assim é muito disputado pelos poderosos e sangrentos cartéis de droga mexicanos. Seguindo a tradição milenar mexicana, aqui eles adoram cortar as cabeças de suas vítimas, para depois expô-las em lugar público, como demonstração de poder e para assustar rivais, policiais e o público em geral.

Acapulco, no México

Acapulco, no México


Acapulco, tão famosa por atrações bem mais sadias antigamente, hoje também é conhecida por essa batalha sangrenta e pelas cabeças que vivem aparecendo por aí. Felizmente, os donos dessas cabeças geralmente são membros desses cartéis e não turistas incautos. Pelo sim e pelo não, resolvemos enfrentar os quase 400 km de estradas entre Puerto Escondido e Acapulco durante o dia, sem fortes emoções e chegamos à chamada Pérola do Pacífico ainda durante a tarde, com tempo suficiente para duas das grandes atrações da cidade.

Hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México

Hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México


A primeira foi encontrar e nos instalar no hotel Los Flamingos, também conhecido como hotel do Tarzan. Acapulco foi visitada e deixou muito impressionado em 1920 o Príncipe de Gales, futuro rei da Inglaterra, Eduardo VIII. Ele voltou para o velho continente falando muito bem das belezas da cidade. Com uma propaganda dessa, não demorou muito para que a nobreza europeia passasse a frequentar a cidade. Logo após a 2ª guerra mundial, foi a vez da “nobreza” americana, no caso, os ricos e famosos de Hollywood, tornarem a cidade o seu point de verão. Gente como Elizabeth Taylor, Frank Sinatra e John Wayne batia o ponto por ali. Até John e Jackye Kennedy resolveram passar em Acapulco sua lua de mel.

A piscina predileta do Tarzan, no Hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México

A piscina predileta do Tarzan, no Hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México


Tarzan, Jane, Boy e Chita, no hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México

Tarzan, Jane, Boy e Chita, no hotel Los Flamingos, em Acapulco, no México


Alguns gostaram tanto que resolveram ficar. O mais conhecido deles é Johnny Weissmiller, o primeiro e eterno Tarzan da época do cinema em preto e branco. Em sociedade, construiu um hotel no alto de um morro de frente ao mar, com uma vista fantástica. Aí se hospedavam seus amigos hollywoodianos. A cidade e seus hotéis perderam nas últimas décadas o glamour que tinham anteriormente, boa parte do seu público agora preferindo as praias de Cancun, mas mesmo com um ar decadente, o hotel Los Flamingos continua lá, todo decorado com fotos antigas de gente famosa, a maior parte delas com Weissmuller no seu auge, vestido de Tarzan, acompanhado da Jane ou da Chita. Muito legal e completamente vintage! Outra coisa que logo chamou a minha atenção foi a grande piscina que o Tarzan frequentava. Para quem não sabe, o excelente nadador, além de ganhar a medalha de ouro nas Olimpíadas, foi o primeiro homem da história a nadar os 100 metros livres abaixo da marca mágica de um minuto! Não naquela piscina, claro! Mas imaginá-lo nadando ali foi joia!

Belíssimo pôr-do-sol em Acapulco, no México

Belíssimo pôr-do-sol em Acapulco, no México


A outra atração que queríamos muito ver era o penhasco conhecido como La Quebrada. Para quem é um pouco mais velho e tem boa memória, o programa dominical da Globo Esporte Espetacular mostrava, durante a sua apresentação na década de 70, entre várias cenas de esporte, um homem escalando as pedras de um rochedo e saltando lá de cima, de ponta, no mar. Eu nunca me esqueci dessas cenas mágicas que assistia todos os domingos, quando criança. Pois é, foram filmadas aqui!

Escalando La Quebrada, em Acapulco, no México, para o mais famoso salto do mundo

Escalando La Quebrada, em Acapulco, no México, para o mais famoso salto do mundo


Desde a década de 30 que garotos de Acapulco, numa competição de hombridade, disputavam que era capaz de saltar mais alto desses rochedos que formam uma estreita garganta, apenas sete metros de largura e pouco mais de 4 metros de profundidade, quando a onda entra. Pois bem, nesse lugar o rochedo forma vários trampolins naturais, alguns com mais de 30 metros de altura! Os saltos deve ser no momento certo, quando a onda esta entrando na garganta e a profundidade aumenta, senão é morte na certa! Essas competições começaram a atrair pessoas que queriam ver os saltos e um dia alguém teve a brilhante ideia de começar a cobrar por isso.

Os 35 metros de altura de La Quebrada, em Acapulco, no México

Os 35 metros de altura de La Quebrada, em Acapulco, no México


Desde então, o que era uma disputa virou em espetáculo, atraindo milhares de pessoas há gerações! Cinco vezes ao dia quase uma dezena de garotos acapulquenhos escalam as rochas, oram no Altar de Nossa Senhora Guadalupe lá encima e, para deleite e tensão dos turistas presentes, saltam acrobaticamente lá de cima, de alturas de 25 a 35 metros. Um espetáculo de perícia impressionante! Dão cambalhotas no ar e entram como um míssil na água para serem aplaudidos logo em seguida, quando reaparecem na superfície.

Oração antes do salto de 34 metros de La Quebrada, em Acapulco, no México

Oração antes do salto de 34 metros de La Quebrada, em Acapulco, no México


Foto antes do salto de 34 metros de altura em La Quebrada, em Acapulco, no México

Foto antes do salto de 34 metros de altura em La Quebrada, em Acapulco, no México


Assistimos ao espetáculo das 21:30 e eu me rendi à condição de fã incondicional, coisa rara de acontecer. Tive o perfeito flashback daquelas aberturas do Esporte Espetacular de 35 anos atrás, só que agora estava ali, ao vivo e à cores. Vou até procurar no You Tube para ver se ainda encontro as cenas. Mas as cenas reais, estas gravamos e fotografamos. Incrível! Só faltou saber se o Tarzan saltou de lá alguma vez. Ela gostava de saltos, pelo menos nos filmes. Será?

A Ana com os herois saltadores de La Quebrada, em Acapulco, no México

A Ana com os herois saltadores de La Quebrada, em Acapulco, no México

México, Puerto Escondido, Acapulco, La Quebrada, Tarzan

Veja todas as fotos do dia!

Faz um bem danado receber seus comentários!

Post anterior Fim de tarde bem gostoso na praia de Zicatela, em Puerto Escondido, na costa de Oaxaca, no litoral Pacífico do México

La Escondida

Post seguinte Chegando à gigantesca Cidade do México, a capital do país

Cidade do México

Blog da Ana Acapulco, no México

Acapulco Dourada

Comentários (4)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 10/01/2013 | 15:48 por Paulinha Ribas

    Ah já vi a resposta aqui embaixo.
    Sábia Ana, que coloca limites em idéias malucas! Rs rs

    Resposta:
    Oi Paulinha

    A Ana está mesmo sempre me reprimindo, hehehe!

    Beijos

  • 10/01/2013 | 15:46 por Paulinha Ribas

    E vc saltou?

    Resposta:
    Oi Paulinha

    Nem que eu quisesse. Aqui, só para os "profissionais"...

    Beijos

  • 31/01/2012 | 22:45 por Mario Sergio

    Então Rodrigo, queria ver o seu salto. Grande abraço, do amigo da onça.

    Resposta:
    Hehehhe

    Eu queria saltar, mas sua filha não deixou!!! A culpa foi dela!

    Um grande abraço!

  • 28/01/2012 | 17:11 por Mauricio Oliveira

    Caramba, esses carinhas são loucos, rsrs
    É mto altooooooooooooooooo!!!
    Adorei o post, ficou irado! ;)

    Resposta:
    Olá Mauricio

    Se vc gostou do post, imagino como gostaria de ver os saltos, ao vivo! É mesmo incrível. Os caras são impressionantes. Olhando dali de perto, dá para ver que é muito mais alto do que as fotografias parecem mostrar! E tem de ser no timing perfeito, senão vai faltar água!

    Abs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet