2 Celebrando Nosso Giro na Islândia - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Celebrando Nosso Giro na Islândia - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Celebrando Nosso Giro na Islândia

Islândia, Reykjavik

Delicioso jantar no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia

Delicioso jantar no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia


Depois de sete dias intensos pelo país, quase 2 mil quilômetros de estradas ao redor da ilha, incontáveis cachoeiras, fontes termais, geleiras, caminhadas por montanhas e vulcões e até um mergulho em águas geladas, era a hora de comemorarmos tudo isso. Nada melhor que um bom restaurante na capital Reykjavik seguido por algumas cervejas em um pub da moda na cidade.



Tratamos de tirar a mão do bolso e investir num bom restaurante. Até então, exceto por um delicioso almoço em Myvatn, nossas refeições por aqui tinham se limitado a cafés da manhã nos hostels, lanches corridos na estrada, alguma torta em pequenos cafés. Um vinho aqui ou ali numa noite fria, comprados em supermercados. Afinal, o ritmo de viagem era frenético, muita coisa para se ver e fazer em pouco tempo. Mas não hoje! Depois de percorrermos as atrações do Golden Circle, voltamos à capital ainda com a luz do dia e tratamos de achar um bom restaurante. Para mais tarde, já tínhamos marcado encontro com o Kevin, nosso simpático e excelente guia de mergulho na fenda que divide a América da Europa. Agora, ele seria nosso guia na night de Reykjavik.

Degustando taça de vinho no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia

Degustando taça de vinho no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia


Delicioso jantar no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia

Delicioso jantar no Perlan, restaurante giratório de arquitetura moderna em Reykjavik, capital da Islândia


O restaurante escolhido foi o Perlan, que em islandês quer dizer “Pérola”. É uma construção moderna, toda envidraçada e que fica no alto de uma colina próxima do centro da cidade. Para melhorar, as mesas ficam em uma plataforma giratória. Assim, durante toda a refeição, temos excelentes vistas da cidade e da baía onde ela está localizada.

Delicioso jantar no Perlan, restaurante famoso em Reykjavik, capital da Islândia

Delicioso jantar no Perlan, restaurante famoso em Reykjavik, capital da Islândia


Normalmente, é preciso reserva para comer lá, mas como chegamos bem cedo, encontramos mesa. A gente, no nosso visual “mochileiro”, destoava um pouco do público presente, mas não importa, fomos logo pedindo vinho e entrada. O negócio era aproveitar aquela oportunidade única. E assim foi, um verdadeiro e saboroso banquete!

Nossa maravilhosa sobremesa no Perlan, famoso restaurante de Reykjavik, capital da Islândia

Nossa maravilhosa sobremesa no Perlan, famoso restaurante de Reykjavik, capital da Islândia


A vista estava mesmo magnífica, principalmente com as luzes de final de tarde. A comida também, até o fechamento com chave de ouro de uma sobremesa de dar água na boca, principalmente para quem gosta tanto de frutas como eu! Acompanhado de bom vinho, tudo era festa. Enfim, valeu cada centavo investido. Nossas aventuras nesse incrível país mereciam isso.

Vista de Reykjavik, capital da Islândia, do alto do restaurante giratório Perlan

Vista de Reykjavik, capital da Islândia, do alto do restaurante giratório Perlan


Vista de Reykjavik, capital da Islândia, do alto do restaurante giratório Perlan

Vista de Reykjavik, capital da Islândia, do alto do restaurante giratório Perlan


Em seguida, voltamos ao nosso hotel, deixamos o carro por lá e encontramos o Kevin na portaria. Caminhamos juntos para o centro e ele nos levou num delicioso pub irlandês. Para quem não conhece, os irlandeses se parecem com latinos, são animados, festivos, acolhedores. E assim era o pub, muita gente se confraternizando. Juntos, tomamos algumas Guinness (amo!!!) e outras cervejas irlandesas que ele conhecia. A conversa foi sobre mergulhos, sobre a vida na Islândia, sobre a história conjunta de irlandeses e islandeses. Enfim, foi muito gostoso. A melhor última noite que poderíamos ter nesse país. Amanhã, ainda tem um passeio rápido pela cidade e depois, direto para o aeroporto e para Orlando, nos EUA, onde nos espera a saudosa Fiona!

A catedral luterana de Reykjavik, capital da Islândia

A catedral luterana de Reykjavik, capital da Islândia

Islândia, Reykjavik, Arquitetura, comida

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior Assistindo à erupção do geiser Strokkur na área de Geysir, parte do Golden Circle, na Islândia

Aonde Nasceram os Gêiseres

Post seguinte Bairro tranquilo de Reykjavik, na Islândia

Despedida da Islândia

Comentários (2)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 15/04/2015 | 20:07 por Paulo Vasconcelos.

    Desculpe-me, mas a catedral que vocês se referem aqui e que tem uma foto aqui, foi construída entre 1948 e 1986 e é Luterana e não Anglicana. Estou escrevendo de Reykjavik neste momento e ainda hj estive visitando a catedral.

    Resposta:
    Oi Paulo

    Vc está certíssimo! Muito obrigado pela correção. Não sei aonde eu estava com a cabeça! De certo, em uma outra ilha, mil quilômetros mais ao sul. Onde já se viu "anglicano" aqui na Islândia!

    Obrigado novamente e, se vir outra besteira, me avise para eu corrigir

    Um grande abraço e aproveite muito esse lindo país!

  • 13/06/2014 | 20:00 por mabel

    Olá Rodrigo e Ana, é este o restaurante que a reportagem da Globo mostrou.

    Abraços

    Resposta:
    Oi Mabel

    Quer dizer que nós e a Globo temos o mesmo gosto, hehehe!


    Bjs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet