0 Andrés Carne de Res - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Andrés Carne de Res - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Andrés Carne de Res

Colômbia, Bogotá

Saindo do famoso Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Saindo do famoso Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia


O programa de hoje era ir, no início da tarde, para um famoso (talvez, o MAIS famoso) restaurante da Colômbia, o "Andrés Carne de Res". Combinamos com o Angelo dele passar em casa lá pelas três da tarde. Segundo ele disse ontem, para conseguir entrar no restaurante, só chegando bem cedo.

Com a Clara e a Amelie em Bogotá, na Colômbia, antes de ir no Andrés Carne de Res

Com a Clara e a Amelie em Bogotá, na Colômbia, antes de ir no Andrés Carne de Res


O Andrés Carne de Res original fica em Chia, uma pequena cidade a uns 30 min de Bogotá. Nasceu para atender os camioneiros que ali passavam, rumo ou vindos do norte da Colômbia. A sua carne e a sua comida foram ficando cada vez mais famosos, atraindo cada vez mais gente. Ao dono, Andrés, foi aproveitando a fama para investir no restaurante, atraindo cada vez mais gente das classes média e alta e, em seguida, turistas também. O restaurante acabou se tornando um verdadeiro complexo, com lojas, estacionamentos, pistas de dança e um ambiente e arquitetura que já fazem valer a viagem.

Com o Douglas e a Clara no Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Com o Douglas e a Clara no Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia


Além disso, claro, a comida continuou excelente. O resultado é casa cheia todos os 4 dias que abre na semana. Mas na quinta, hoje, é seu dia mais tranquilo. Chegar no meio da tarde é meio "exagerado". Só que o Angelo teve uns problemas na empresa e não pode vir assim tão cedo. O resultado foi que eu pude trabalhar bastante até o meio da tarde, enquanto a Ana se divertia com a Amelie. E aí, já de noite, convidamos o casal que nos trata como se fôssemos irmãos, o Douglas e a Clara, para irem conosco ao Andrés. Eles aceitaram, deixamos a Amelie na casa da mãe da Clara e fomos para Chia, onde chegamos no famoso restaurante perto da 10 da noite.

Até bruxa tinha no Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Até bruxa tinha no Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia


Foi um programa muito gostoso, literalmente. Comida maravilhosa e muita dança, de salsa à rumba, passando por rock, lambada e samba na pista de dança. A decoração extremamente minuciosa e vintage do restaurante é realmente, como nos haviam dito, umas das grandes atrações. Só faltou ver aquele lugar bombando, como costuma ser nos finais de semana. Aí, seriam umas 500 pessoas, e não as 100 que lá haviam hoje. Em compensação, seria mais difícil ir embora num horário civilizado, como nós fomos. Afinal, amanhã temos vôo para Aruba. O táxi vai passar em casa às 11 da manhã e ainda temos de arrumar tudo para a viagem. Assim, chegar em casa por volta da três foi uma boa pedida. Mas, fica o conselho: quem passar por Bogotá num final de semana, quiser comer bem, ver gente bonita e alegre e tiver um pouco de dinheiro para gastar, vá ao Andrés Carne de Res!

Decoração vintage do Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Decoração vintage do Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Colômbia, Bogotá, Chia

Veja todas as fotos do dia!

Quer saber mais? Clique aqui e pergunte!

Post anterior Peça de ouro exposta no famoso e impressionante Musel del Oro, em Bogotá, na Colômbia

O Incrível Museu del Oro

Post seguinte Em direção ao Caribe pela terceira vez nesses 1000dias (em Bogotá - Colômbia)

De Volta ao Caribe!

Blog da Ana Até bruxa tinha no Andrés Carne de Res, em Chia, próximo de Bogotá, na Colômbia

Andrés Carne de Res

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 15/12/2012 | 09:43 por maria

    Só tem um comentario:



    EU TAMBÉM QUERO IR!!!!!!!!!!!!!!!

    Resposta:
    Oi María

    Se tiver a chance, vá mesmo! Muito bom!

    Abs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet