0 Ambientando-se - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Ambientando-se - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Ambientando-se

Paraguai, Asunción, Jesús, Villarrica

A bela igreja de pedra da época dos jesuítas, em Villarrica - Paraguai

A bela igreja de pedra da época dos jesuítas, em Villarrica - Paraguai


Aos poucos, vamos nos ambientando no novo país. No começo tudo é novidade, estradas, paisagens, pessoas, língua, cultura, comida. Mas não demora muito e as coisas vão se encaixando, vamos formando uma imagem, uma lógica, a gente se acostuma com o ritmo do dia, com as marcas que vemos nas placas e luminosos, com as cédulas do dinheiro, com o valor do dinheiro, com o custo das refeições, etc...

Sentimento patriótico no dia da semifinal da Copa América (em Villarrica - Paraguai)

Sentimento patriótico no dia da semifinal da Copa América (em Villarrica - Paraguai)


Engraçado é que são os pequenos gestos que nos fazem sentir cada vez mais integrados à nova realidade. Coisas como abastecer o carro pela primeira vez, pagar pedágio na estrada, entrar numa farmácia, ouvir as músicas e notícias tocadas nas rádios locais.

Fiona em Villarrica - Paraguai

Fiona em Villarrica - Paraguai


Hoje amanheceu bastante chuvoso a assim continuou o resto do dia. Até desistimos de passar num bonito Parque Nacional aqui perto de Villarrica, no nosso caminho até o aeroporto em Assunción. Uma pena, pois tínhamos ouvido falar muito bem de Ybycui, cheio de trilhas e cachoeiras. A vantagem foi poder dormir um pouco mais. Depois, voltamos à igreja de pedra que tínhamos visto ontem, de noite. Imagem já familiar que nos fez sentir em casa.

Vendedor de frutas em Villarrica - Paraguai

Vendedor de frutas em Villarrica - Paraguai


Compramos frutas na rua enquanto admirávamos bandeiras paraguaias espalhadas por todas as ruas. Além da Copa Améria, o que tem fortalecido o patriotismo por aqui é a comemoração do bicentenário do país, este ano. A independência foi ploclamada em 1811, sem guerra. Os paraguaios queriam se livrar ao mesmo tempo dos espanhóis e dos argentinos, que viam o país como uma província deles.

As famosas 'chipas' paraguaias (em Villarrica - Paraguai)

As famosas "chipas" paraguaias (em Villarrica - Paraguai)


Depois, ainda antes da viagem, abastecemos o carro (falando nisso, a marca Petrobrás é bem forte por aqui) e paramos numa "Chiperia". Para minha surpresa e alegria, como bom mineiro que sou, descobri que "chipas" se parecem com pão de queijo. Já virei fã, hehehe!

Chegando ao aeroporto em Asunción - Paraguai

Chegando ao aeroporto em Asunción - Paraguai


Por fim, viagem para o aeroporto, cruzando a periferia de Asunción. Fomos levar a Patrícia que retornava hoje à Curitiba. Nossa, parece que foi ontem que a própria Patrícia nos levou ao aeroporto de Curitiba, bem no início da viagem, quando fomos para o Caribe pela primeira vez nesses 1000dias. Início de Abril do ano passado. Podem checar nos arquivos! Ela teve de acelerar, já que estávamos bem atrasados. Hoje, foi o contrário, nós a levamos e tínhamos todo o tempo do mundo. Despedidas calorosas, memórias e fotografias conjuntas e estávamos sós novamente, eu e a Ana. Mas foi uma semana e tanto! Até a próxima, sogrinha querida!!!

Despedida calorosa entre mãe e filha no aeroporto em Asunción - Paraguai

Despedida calorosa entre mãe e filha no aeroporto em Asunción - Paraguai


Hora de achar hotel em Asunción. Em plena época da Expo-Paraguay, o maior evento do país, não foi tarefa fácil. Mas, com a ajuda Centro de Informações do aeroporto, conseguimos o último quarto num hotel jóia, o Portal del Sol, no distrito onde estão shoppings, restaurantes e vida noturna da cidade. Muito bem instalados, já podemos planejar o dia de amanhã, quando pretendemos explorar o centro dessa bela cidade às margens do rio Paraguay.

O Itaú sabe falar guarani! (em Asunción - Paraguai)

O Itaú sabe falar guarani! (em Asunción - Paraguai)

Paraguai, Asunción, Jesús, Villarrica,

Veja todas as fotos do dia!

Participe da nossa viagem, comente!

Post anterior A Fiona enfrenta muita terra e barro em estradas no interior do Paraguai

Rally Paraguaio

Post seguinte O Panteão dos Heróis, em Asunción - Paraguai

Um Dia em Asunción

Blog da Ana Sentimento patriótico no dia da semifinal da Copa América (em Villarrica - Paraguai)

Fuerza Paraguay!

Comentários (3)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 08/11/2012 | 13:46 por eu

    que boa reportagem,gostei muitoooooooooo!

    Resposta:
    Olá Leo

    Legal que vc tenha gostado!

    Abraços

  • 22/07/2011 | 11:39 por Lurdes

    bom dia viajantes,Ana dá uma olhada no jardim por mim pk quando estive neste hotel tinha várias orquideas,achei lindo e o hotel bom ,um bom passeio Lurdes

    Resposta:
    Oi Lurdes!
    As orquídeas estavam lá e deixamos um beijo para elas em seu nome! Realmente, o hotel é muito gostoso!
    O passeio em Asunción foi ótimo e agora, já estamos em pleno Chaco paraguaio!
    Abs

  • 22/07/2011 | 10:21 por Guto Junqueira

    Valeu, Rodrigo e Ana! Boa cobertura do Paaguai até o momento, principalmente das Missões. Estive em Assunção há três anos, peguei um calorão, andei pelo centro, vi manifestãções dos sem-terra paraguaios e também o bem protegido Palácio do Governo. Abraços, Guto

    Resposta:
    Oi Guto
    E aí, de partida para o Maranhão com a família?
    Acabo de colocar o post sobre Asunción. Friozinho gostoso e palácio do governo em reformas. Não vi os sem-terras, mas havia muitos sem-tetos acampados na Plaza Uruguaya, ao lado da estação de trens.
    Gostamos muito da capital paraguaia, do seu povo, sua comida e cerveja (a pilsen)
    E também do The Cure, de noite. Fez-me lembrar muito dos seus tempos de ECA!
    Abs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet