1 Sete Cidades - Blog da Ana - 1000 dias

Sete Cidades - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Sete Cidades

Brasil, Piauí, Teresina, Piripiri (P.N. Sete Cidades)

Formações rochosas no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Formações rochosas no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


O Parque Nacional das Sete Cidades está localizado próximo à cidade de Piripiri, no interior do Piauí e no mês de junho deste ano ele completará 50 anos de fundação. Um monumento natural formado há milhões de anos pela ação da natureza, erosão, ventos e água. As formações possuem o aspecto de casco de tartaruga, como as que vimos no parque do Catimbau, porém em maior número e concentração.

A famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

A famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Pesquisadores antigos defendiam a teoria de que as formações rochosas seriam ruínas fenícias. Rochas areníticas desenhadas em formatos de tartaruga, elefante, cachorro e tantas outras quanto pudermos imaginar. São sete agrupamentos de rochas, cada cidade possui suas esculturas naturais: O Beijo, Três Reis Magos, Mapa do Brasil já visitados há mais de 5 mil anos pelos homens pré-históricos que passavam por esta região.

A mão de seis dedos, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

A mão de seis dedos, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Pinturas rupestres pertencem à tradição agreste e são similares às encontradas no Lagedo Soledade, mãos carimbadas e algumas formas de contagem e desenhos geométricos. Ainda não foram feitas escavações no local, porém há potencial, já que pinturas chegam a tocar o chão, o que sugere que há mais história escondida por trás daquela camada de terra ali depositada.

Pinturas rupestres no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Pinturas rupestres no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Do mirante podemos ver todo o complexo das Sete Cidades e a vegetação, que segundo Carminha, nossa guia, é verde quase o ano todo, já que a região possui muitas nascentes. Ao lado do Centro de Visitantes mesmo existe uma piscina “natural” utilizada pelo hotel e por alguns turistas mais afoitos. A piscina em si não é natural, mas sim a água dela que brota em um olho d´água vizinho. Nós mesmos queríamos nos refrescar, mas a pressa nos fez passar esta, que estava lotada de estudantes do Maranhão que vieram visitar o parque.

Visitando o Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Visitando o Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Carminha também me fez uma boa propaganda das Opalas, pedra semi-preciosa encontrada apenas em minas aqui no Piauí, na cidade de Pedro II e na Austrália. A Opala é uma pedra furta cor e por isso pode ser trabalhada em diversas cores, predominando o azul e o branco. Quase não compro souvenirs, pois não temos como carregá-los. Por isso o meu ponto fraco são os artesanatos pequenos e que vou usar muito, como um brinco de opala! Rsrsrs! Afinal, onde mais vou encontrar um destes? Rsrsrsrs!

Com a nossa guia, Carminha, na famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Com a nossa guia, Carminha, na famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Saímos de Piripiri com roupas lavadas e prontos para uma viagem de 2 horas até Teresina, um “pequeno” detour no nosso roteiro. Chegamos e logo nos localizamos na cidade. Teresina é uma cidade planejada, cortada por dois rios, Poty e Parnaíba, acaba sendo mais fácil mesmo. Fomos direto para o Ibis básico, garantia de uma boa cama e um bom chuveiro, estamos precisando. Como hoje não havíamos almoçado, pouco depois saímos para jantar na super rede de restaurantes e Churrascaria Favorito. Impressionante, no mapa que peguei no hotel tem uns 5 Favoritos só na Zona Leste! Nunca vi isso nem em São Paulo! (não contam franquias como Mc Donalds!)

Explorando o Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Explorando o Parque Nacional de Sete Cidades - PI


Depois do jantar, decidimos dar uma voltinha a pé pela zona leste, vimos um botecão com música sertaneja, não muito no nosso gosto musical. Demos a volta no quarteirão e acabamos caindo no Jóquei Clube, onde estava tendo o pré-carnaval animadíssimo! Era a eleição do rei e da rainha do carnaval da terceira idade! Várias senhorinhas vestidas de passistas e outras fantasias carnavalescas, todas entre 60 e 80 anos e com muito samba no pé! A Elke Maravilha estava no júri, aquela peça de sempre, foi a primeira a mudar o voto para a senhorinha mais engraçada e menos provável, que estava com uma peruca de balões de festa! Hahaha! Acabou ganhando uma senhorinha linda, 71 anos, passista perfeita de escola de samba.

Concurso de Rainha 3a idade do Carnaval , em Teresina - PI

Concurso de Rainha 3a idade do Carnaval , em Teresina - PI


Bem, vamos procurar a nossa turma, continuamos andando. Subimos alguns quarteirões e chegamos finalmente ao Água de Chocalho, bar com música e comidas regionais, forró, etc. Lotado e com uma longa fila de espera. Acabamos indo para o Planeta Diário, um pub que nos foi indicado no hotel e por um novo amigo da fila do Chocalho. O pub tem o nome inspirado no jornal do Superman, o “Daily Planet”.

No bar Planeta Diário, em Teresina - PI

No bar Planeta Diário, em Teresina - PI


Fizemos um “esquenta” na parte de fora do bar, vendo o movimento e sentindo o clima dos jovens teresinenses. Povo animado, o lugar lotou já era mais de meia-noite quando entramos e estava tocando uma banda ótima Mary Jane, se não me engano. A mulher manda muito bem! Uma presença de palco fenomenal, tem pinta de estrela. Depois um DJ e outra banda com uma cantora ótima, músicas bem escolhidas. Nos divertimos demais! Mesmo assim confesso, que não é nenhum Nós & Elis, mas essa história eu conto para vocês amanhã.

Palco do Planeta Diário, em Teresina - PI

Palco do Planeta Diário, em Teresina - PI

Brasil, Piauí, Teresina, Piripiri (P.N. Sete Cidades), trilha, Parque Nacional de Sete Cidades

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior

Canyoning em Ubajara

Post seguinte O Restaurante Flutuante, em Teresina - PI

DistanTeresina

Blog do Rodrigo A famosa Pedra da Tartaruga, no Parque Nacional de Sete Cidades - PI

Sete Cidades e a 15a Capital

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 19/12/2012 | 17:32 por jefferson

    Bom dia, sou professor do município de Sítio Novo-RN, e realizei junto com a professora Elizete da UFRN, um vídeo sobre o castelo do meu amigo Zé dos Montes, que fica no distrito da Serra da Tapuia. Gostaria que o Sr.º divulgasse em seu blog, pois é muito acessado e é uma forma de divulgar as belezas que Sítio Novo possui.
    video está no yuo tube com o nome de: o homem e seus castelos ntsc
    trabalho na escola Médici e nas sextas na José Machado, sou professor de Geografia.

    muito obrigado!

    de: Jefferson André Lima de Souza
    prof. Elizete Arantes

    Resposta:
    Olá Jefferson, muito bacana o vídeo! Vou ajudar a divulgar nas nossas redes sociais!
    Abs!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet