1 Punta Gallinas - Blog da Ana - 1000 dias

Punta Gallinas - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Punta Gallinas

Colômbia, La Guajira

Meio de transporte na península de La Guajira, na Colômbia

Meio de transporte na península de La Guajira, na Colômbia


Acordamos com os primeiros raios da manhã, a noite fria do deserto dava espaço a mais um dia quente e ensolarado na península de La Guajira. Um banho frio para acordar e um desayuno típico com arepa de farinha e ovos mexidos e estávamos prontos para colocar o pé na estrada novamente!

Café da manhã na península de La Guajira, na Colômbia

Café da manhã na península de La Guajira, na Colômbia


Café da manhã com o Marco e a Elisiana, nossos amigos italianos, num rancho no norte da península de La Guajira, na Colômbia

Café da manhã com o Marco e a Elisiana, nossos amigos italianos, num rancho no norte da península de La Guajira, na Colômbia


Enquanto nos preparávamos para sair, várias mulheres e crianças chegavam ao rancho, que servia de base para o atendimento de dentistas que vieram da capital. Eles vêm uma vez ao mês ou mais, trazem todo o consultório móvel e atendem as famílias wayuus da região. Lindo trabalho!

sertão do Brasil? Não! Península de La Guajira, na Colômbia

sertão do Brasil? Não! Península de La Guajira, na Colômbia


A mais bela e sábia das árvores, na península de La Guajira, na Colômbia

A mais bela e sábia das árvores, na península de La Guajira, na Colômbia


Despedimos de Elisiana e Marcos com promessas de visitas, no Brasil e na Itália, para mostrarmos o melhor de nossa terra aos nossos novos amigos! Eles partiram de barco pela Baía Hondita e nós de Fiona rumo à Punta Gallinas, a ponta mais ao norte da América do Sul!

Braço de mar ao lado de nosso rancho na península de La Guajira, na Colômbia

Braço de mar ao lado de nosso rancho na península de La Guajira, na Colômbia


No caminho mais deserto, caatinga, praias e finalmente o Oceano Atlântico, mais conhecido por aqui como Mar do Caribe. A praia deste litoral é rodeada por corais, as areias graúdas tem forma de pequenos grãos de arroz e o mar revolto faz o espetáculo de splashes nos arrecifes.

A Fiona no topo da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia

A Fiona no topo da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia


Exatamente no ponto mais ao norte da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia

Exatamente no ponto mais ao norte da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia


O marco geográfico está sinalizado por um farol que mais parece uma antena e uma construção caindo aos pedaços, que ao menos possui um simpático mapa em pintura livre para nos lembrar aonde viemos parar.

O farol que marca o início da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia

O farol que marca o início da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia


1000dias chega à Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, o ponto mais ao norte da América do Sul

1000dias chega à Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, o ponto mais ao norte da América do Sul


Tina e Marcos acabavam de chegar por ali para o seu café da manhã. Tiveram muito vento no acampamento na praia de Baía Hondita e acabaram saindo mais cedo do que imaginavam. Agora sim nos despedimos do casal de aventureiros suíços, eles seguirão para o sul via Bucaramanga, enquanto nós iremos cruzar para a Venezuela, mas algo me diz que nossos caminhos ainda irão se cruzar!

O Marco e a Tina saboreiam seu café da manhã na sombra do farol de Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, ponto mais ao norte da América do Sul

O Marco e a Tina saboreiam seu café da manhã na sombra do farol de Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, ponto mais ao norte da América do Sul


Começamos o nosso caminho de volta, passamos novamente pelo mirante da Bahía Honda e suas ilhas e algumas horas depois chegamos à cidade de Cabo de la Vela. Uma comunidade de pescadores que vive em suas casas e pátios internos para se proteger do vento que sopra constantemente nas águas rasas deste litoral. Estes mesmos ventos atraem praticantes de kite e windsurfe, a baía rasa tem as condições perfeitas para o esporte.

O mar azul de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia

O mar azul de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia


Os wayuus sabem disso e já vemos mais estrutura turística por aqui, algumas pousadas e restaurantes simpáticos que servem PFs deliciosos de peixe fresco (o de hoje foi barracuda), arroz, patacones e pepinos, especialidades da culinária local.

Nossos guias, Edwin e Alex, na península de La Guajira, na Colômbia

Nossos guias, Edwin e Alex, na península de La Guajira, na Colômbia


Lutando contra o vento e o calor, nos refrescamos no mar e logo estamos prontos para conhecer o cartão postal da região, o Pilón de Azúcar. Uma montanha de uns 150m de altura estrategicamente localizada entre praias e baías com uma das vistas mais lindas da península.

A incrível beleza da paisagem vista do topo do Pilón de Azucar, perto de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia

A incrível beleza da paisagem vista do topo do Pilón de Azucar, perto de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia


O Pilón de Azúcar tem um significado muito especial pra os wayuus, que acreditam que as nossas almas quando morrem passam por ali. Talvez por isso no topo esteja a estátua da Virgem (não me pergunte qual delas), na interessante mistura da cultura local com a religião dominante neste povo desde os tempos coloniais.

Imagem da Virgem no topo do Pilón de Azucar, perto de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia

Imagem da Virgem no topo do Pilón de Azucar, perto de Cabo de La Vela, litoral ocidental da península de La Guajira, na Colômbia


A nossa jornada à Punta Gallinas chegou ao fim e agora podemos responder: o que o ponto mais ao norte da América do Sul tem de especial? O caminho para chegar até lá. As pessoas, a cultura, as paisagens e uma América diferente de tudo o que já vimos e que como sempre continua a nos surpreender.

Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, o ponto mais ao norte da América do Sul

Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia, o ponto mais ao norte da América do Sul

Colômbia, La Guajira, off road, Punta Gallinas, Cabo de la Vela, Pilón de Azúcar, Wayuus

Veja todas as fotos do dia!

Participe da nossa viagem, comente!

Post anterior As paisagens grandiosas da península La Guajira, na Colômbia, no extremo norte da América do Sul

La Guajira e os Wayuus

Post seguinte Já estamos na Venezuela!

Venezuela: del pueblo para el pueblo!

Blog do Rodrigo Exatamente no ponto mais ao norte da América do Sul, em Punta Gallinas, península de La Guajira, na Colômbia

Punta Gallinas, Aqui Começa a América do Sul

Comentários (2)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 12/01/2018 | 17:09 por Luis Pedreira

    Ana, bacana sua reportagem. Vocês viram alguém chegando até Cabo de la Vela de carro convencional ? Sei que não tem marcação de estrada, mas o piso é ruim ? Obrigado.

  • 24/03/2016 | 13:24 por mary

    amei seu blog
    as fotos me levaram numa viagem top
    onde o corpo nao comparece mas a alma resplandece d felicidade,
    abraço continue postando imagens d lugares show!!!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet