0 O Vento - Blog da Ana - 1000 dias

O Vento - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

O Vento

Bahamas, Long Island - Stella Maris

Mar no resort Stella Maris, em Long Island - Bahamas

Mar no resort Stella Maris, em Long Island - Bahamas


O vento geralmente não faz parte das nossas preocupações diárias na cidade. Os arranha-céus não nos deixam espaço nem mesmo para notá-lo na maioria do tempo. No Brasil acredito que não são muitas as regiões em que o vento chegue a ser um fator que altere a rotina diária da cidade ou das pessoas. Há apenas dois verões é que temos acompanhando os ciclones subtropicais em Santa Catarina, que além dos ventos de 130km/h, trazem consigo muita chuva, inundações e destruição.

A temporada de furacões na costa da Flórida e no Caribe já é muito conhecida. Todos os anos passam por aqui furacões de todas as intensidades, que fazem estragos absurdos, Lili foi o último que mais deixou rastros aqui nas Bahamas. As casas e pousadas já são construídas prevendo esta época do ano. As telhas são diferentes, planas e bem presas à sua estrutura de sustentação. As janelas possuem uma proteção reforçada do lado de fora. Quando o período dos ventos se aproxima, todos já sabem que devem se preparar, cortar as árvores que estão mais fracas e sem sustentação, recolher para um local protegido tudo o que possa voar, as portas e janelas devem ser praticamente lacradas com tábuas pregadas na batente. A rotina das pessoas é completamente alterada, mas todos já sabem como lidar com isso.

Uma coisa que sempre me chama atenção em São Paulo é como o trânsito faz parte das conversas corriqueiras da população. E isso faz todo o sentido, pois é algo que faz parte da rotina e altera muito o dia-a-dia das pessoas. Por isso você encontra rádios que só falam sobre o trânsito, diversas ferramentas que ajudam as pessoas a terem mais informação. A diferença é que essa alteração foi feita pelo homem e hoje já possui vida própria. Nós não conseguimos voltar atrás, portanto precisamos encontrar alternativas e soluções paliativas para o problema que nós mesmos construímos.
Aqui é diferente, o vento faz parte da vida dos caribenhos. O homem não tem como controlar quando, como ou em que direção ele deve soprar. Todos sabem percebê-lo e dizer qual é o vento que está chegando ou quando ele deveria ir embora. Se for um vento de nordeste, não fica difícil saber qual é a parte da ilha que está protegida.

Estamos lidando com o vento a mais ou menos cinco dias. Ele não aparece nas fotos, mas com certeza faz com que tenhamos que alterar as nossas rotinas. Deixamos de mergulhar, deixamos de aproveitar as praias, pois mesmo com sol o vento gelado nos desencoraja de entrar no mar ou ficar lagarteando, aqui acho que a expressão seria iguanando, já que é o réptil mais numeroso na ilha. Ficamos sempre à mercê do vento.

Mar no resort Stella Maris, em Long Island - Bahamas

Mar no resort Stella Maris, em Long Island - Bahamas



Por outro lado, com vento nós também estamos conhecendo as ilhas de uma forma diferente. O vento altera as paisagens, o mar fica mais ondulado, as árvores mais curvas, as dunas de areia se movem com mais rapidez. Fica mais fácil imaginar este cenário na época de tornados ou furacões e também a tristeza que eles trazem consigo, levando casas e destruindo as cidades.

Chegamos à Long Island em um pequeno avião que veio balançando com o vento e fomos direto para Stella Maris, nosso hotel resort. Um dos poucos hotéis na ilha e com certeza um dos únicos deste tipo que iremos ficar, já que além de caros não fazem o nosso estilo de viagem. Amanhã vamos mergulhar, se o vento deixar. Vamos à praia, se o vento deixar. Vamos ver se Kaikias, deus do vento nordeste, nos dará uma trégua para podermos aproveitar.

Placas dentro do resort Stella Maris, em Bahamas

Placas dentro do resort Stella Maris, em Bahamas

Bahamas, Long Island - Stella Maris, Praia

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Pousada Bahama House Inn

Detalhes do Rei

Post seguinte Lion-fish, intruso nas águas caribenhas. Photo by Rainer Meyer.

Observador de peixes

Blog do Rodrigo Mar no resort Stella Maris, em Long Island - Bahamas

Bem Vindos a Long island

Comentários (3)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 29/09/2011 | 21:54 por Rodrigo

    Que mulher mais linda...... nossa foi bater e paixonar..... tod respeito amigo mais a trate sempre muito bem, pois ela é uma parte do céu que caiu e todos nós achavamos que era mais uma estrela cadente... abraços

    Resposta:
    Obrigada Rodrigo, fico lisongeada! Ele cuida bem de mim, mas é sempre bom lembrar o maridão, né? afinal, depois de 500 dias juntos... rsrsrs!
    Beijos
    Ana

  • 20/04/2010 | 01:47 por Ana Biselli

    Os ventos são muito fortes, mas não sei dizer a velocidade exata... mas não pudemos ir pelas embarcações, pq realmente embaixo tb duvido que mude alguma coisa. Beijos!

  • 19/04/2010 | 11:40 por Paula Ribas

    fiquei curiosa sobre a velocidade dos ventos na região. É só porque a água fica turva (se é que isso é possível nesse lugar) que vocês não podem mergular ou tem + algum motivo?

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet