0 Canadian Inside Passage! - Blog da Ana - 1000 dias

Canadian Inside Passage! - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Canadian Inside Passage!

Canadá, Prince Rupert, Port Hardy

Nascer-do-sol esplendoroso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

Nascer-do-sol esplendoroso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá


Hoje pegamos o ferry as 13h em Prince Rupert em direção ao porto de Port Hardy, em Vancouver Island. Finalmente tivemos um dia ensolarado, céu azul e condições perfeitas para passarmos as próximas 10 horas nos decks externos curtindo a paisagem e procurando as nossas tão esperadas baleias!

Céu azul na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá

Céu azul na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá


Nosso ferry na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

Nosso ferry na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá


O vento estava frio e ficar lá fora não era uma tarefa fácil, então o Rodrigo resolveu olhar pela janela e direcionou os esforços dele para o árduo trabalho de todos os dias, escrevendo e organizando as fotos do blog. Eu, que já estou sempre atrasada mesmo, resolvi aproveitar o sol, o vento frio e a paisagem fantástica da Inside Passage canadense rodando pelo ferry e fazendo novos amigos.

As primeiras luzes da manhã no nosso ferry na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

As primeiras luzes da manhã no nosso ferry na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá


Não demorou muito encontrei um grupo com as mesmas intenções. Dois irmãos que vivem no norte de Vancouver Island, o primeiro lenhador profissional, o mais novo técnico em uma madeireira. Ele sabe o tipo de fibra, o padrão dos galhos, a qualidade e a precificação de todas as madeiras. Jovens e apaixonados pela sua terra vinham descrevendo a paisagem, sabiam decor e salteado o caminho, as montanhas, as ilhas e cachoeiras. Esta foi a segunda vez que vieram para Prince Rupert, Terrazas e o norte da British Columbia para pescar nos grandes rios que banham a região. Os salmões já haviam passado, mas as trutas estavam correndo e pelo jeito fizeram a festa dos dois irmãos pescadores.

Céu azul na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá

Céu azul na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá


Junto deles conheci outros dois canadenses, um deles tem um lodge que oferece tour para visualização de ursos, ao norte de Prince Rupert. Ele já foi beachcomber, recolhia troncos de árvores nas praias para vender, uma prática que já foi muito comum nas praias da British Columbia. O litoral da região é repleto de árvores que foram arrancadas e tratadas naturalmente pela mãe natureza, segundo ele um bom cedro vermelho ou sitka spruce que foi “selado” pelo mar é uma das madeiras de melhor qualidade que se pode encontrar, e melhor, o único trabalho é transportar! Com ele viajava um jovem escalador que vai fazer uma viagem para o Brasil, o plano é escalar a via mais difícil do Cristo Redentor! Os dois estão a caminho de Tofino, pois foram contratados para construir uma cabana nos arredores das hot springs. Eles nos convidaram para um camping selvagem, com direito a picles de kelps, ostras, clams frescas e outras iguarias do mar. Vamos ver se conseguirei convencer o maridão, que é aventureiro, mas tem uma preguiça sem igual para acampar!

Muitas cachoeiras na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá

Muitas cachoeiras na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá


A cada vale o sol se revelava e nos esquentava entre os intervalos de sombra das montanhas. Por trás dos vales, um lago alpino formado pelo degelo das montanhas, nevadas no inverno, verdinhas no verão. Estes lagos que são casas para salmões e trutas também são um dos segredos dos lenhadores desta área. Em cada lago eles fechavam grandes diques e os usavam para armazenar a madeira retirada dos arredores do lago. Quando a produção estava pronta, explodiam o dique e a enxurrada fazia o transporte dos troncos corredeira abaixo, até o mar. Lá embaixo elas eram agrupadas em uma grande rede e arrastadas pelo barco sem nem precisar sair de dentro d´água! Acredito que essa técnica ainda seja utilizada para produções de pequena escala. A indústria madeireira começou na região apenas para dar estrutura às cidades que foram construídas durante o gold rush, às companhias pesqueiras e fábricas de enlatados. Mais tarde com o desenvolvimento do sistema de transporte ela cresceu e se tornou uma das mais fortes aqui nessa região.

Muitas cachoeiras na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá

Muitas cachoeiras na Inside Passage entre Prince Rupert e Port Hardy, na Vancouver Island, sul da British Columbia, no Canadá


Nada melhor do que aprender em um bate papo de boteco, no caso, de ferry boat. Adoro socializar com locais para aprender um pouco mais sobre a cultura, as preferências, a geografia e a história do lugar. A viagem passou em um piscar de olhos, enquanto eles descreviam a paisagem e contavam as suas experiências e histórias, quando vimos já era hora de dormir.

O dia começa maravilhoso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

O dia começa maravilhoso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá


Acordei um pouco antes das 7 da manhã e fui atraída pela luz rosada que eu vi pela janela. Toda encasacada, subi ao 7° andar do navio e vi uma das cenas mais especiais de toda a viagem: o nascer do sol na Inside Passage. Os primeiros raios iluminavam as baías, as ilhas e os pássaros, que já dançavam sobre as águas em busca do café da manhã. Meus olhos sonolentos já estavam atentos em busca das almejadas baleias. Um casal de holandeses me disse ter visto uma 15 minutos antes de eu aparecer, talvez uma orca! Mas ela estava longe, eles não tinham certeza.

O exato momento do nascer-do-sol na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

O exato momento do nascer-do-sol na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá


Os raios dourados aos poucos foram dando forma e cor para a paisagem, as baleias resolveram não competir com o espetáculo do astro rei e logo retornei para nosso canto quentinho do barco para acordar o meu amado. Café da manhã e não demorou muito para o capitão nos avisar que estávamos aportando em Port Hardy. Que viagem esse último grande trecho de ferry me reservava! Finalmente senti estar curtindo intensamente cada minuto da paisagem, da cultura e da viagem. Aqueles pequenos momentos que fazem a experiência única, que ficará para sempre na memória.

Nascer-do-sol esplendoroso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

Nascer-do-sol esplendoroso na Inside Passage, chegando à Port Hardy, na Vancouver Island, no Canadá

Canadá, Prince Rupert, Port Hardy, British Columbia, Inside Passage, BC Ferries

Veja todas as fotos do dia!

Quer saber mais? Clique aqui e pergunte!

Post anterior Canal de mar em frente à trilha de Metlakatla, na área de Prince Rupert, na British Columbia, oeste do Canadá

Metlakatla e a Wilderness Trail

Post seguinte Baleia usa nadadeiras para empurrar peixes para a sua boca aberta, durante passeio de barco em Telegraph Cove, na Vancouver Island, na Columbia Britânica, costa oeste do Canadá

As Baleias de BC

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 19/10/2012 | 18:35 por Naira Amorelli

    Ana, que fotos lindas!! Parabéns!!
    Estou super feliz acompanhando a viagem de vocês.
    Continuem nesta ótima viagem!!
    Beijocas.

    Naira

    Resposta:
    Eba, que honra ter você aqui Naira! Seguimos juntas e sempre que tiver dicas nos mande, por favor! Viagem e roteiro que fazemos literalmente on the move! rsrs! Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet