2 De Palermo Para San Telmo - Blog do Rodrigo - 1000 dias

De Palermo Para San Telmo - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

De Palermo Para San Telmo

Argentina, Buenos Aires

Restaurante em San Telmo, bairro tradicional de Buenos Aires, na Argentina

Restaurante em San Telmo, bairro tradicional de Buenos Aires, na Argentina


Acordamos hoje para nossa última manhã no charmoso bairro de Palermo, em Buenos Aires. Nosso café da manhã, ainda no hotel, foi com um simpático casal também em viagem por aqui, ela curitibana e ele uruguaio, o único país que ainda nos falta visitar nesses 1000dias por todos os países da América. Conversamos sobre viagens, Curitiba e o próprio Uruguai, desocupamos nosso quarto que foi nossa casa aqui em Buenos Aires e saímos para um último passeio nesse lindo bairro.

Uma simpática quitanda nas ruas de Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Uma simpática quitanda nas ruas de Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina


Cães esperam pacientemente enquanto esperam seu dono em loja de Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Cães esperam pacientemente enquanto esperam seu dono em loja de Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina


Palermo é o bairro preferido da classe média portenha, seja de dia ou de noite, nas tardes ensolaradas ou nas manhãs de finais de semana. Há por aqui uma grande quantidade de parques e áreas verdes que incluem o Jardim Botânico e o Jardim Zoológico da cidade, e os portenhos aproveitam para fazer piquenique, uma caminhada ou simplesmente respirar ar puro.

Plaza Armênia em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Plaza Armênia em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina


Restaurantes com mesas disputadas na calçada, um típico sábado em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Restaurantes com mesas disputadas na calçada, um típico sábado em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina


Para quem prefere uma vida mais urbana, na região conhecida como Palermo Soho se encontram muitos restaurantes dos mais variados tipos de comida, uma infinidade de lojas e boutiques e a deliciosa Plaza Armênia. Foi aqui que decidimos ficar hospedados, num hotel muito bem localizado na rua Malabaia, a poucos quarteirões de boas quitandas, padarias, cafés, confeitarias, restaurantes transados, praças e da estação de metrô na Plaza Italia. É o lugar que recomendo para qualquer pessoa que venha passar alguns dias em Buenos Aires.

Nosso ótimo e prático hotel na rua Malabaia, em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Nosso ótimo e prático hotel na rua Malabaia, em Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina


Já instalados no grande hotel da expedição à Antártida, no centro de Buenos Aires, na Argentina

Já instalados no grande hotel da expedição à Antártida, no centro de Buenos Aires, na Argentina


Um pouco mais longe, mas também perto o suficiente para uma caminhada, está a região do Palermo Hollywood (que nome!), conhecido por sua agitada vida noturna. Estivemos aí uma dessas noites, mas confesso que me atraem mais a tranquilidade dos restaurantes da Plaza Armênia onde, aliás, almoçamos hoje para nos despedir daqui.

De volta ao centro de Buenos Aires, na Argentina

De volta ao centro de Buenos Aires, na Argentina


De volta ao centro de Buenos Aires, na Argentina

De volta ao centro de Buenos Aires, na Argentina


Feitas as devidas despedidas, inclusive do nosso simpático hotel, fomos de táxi para o centro, onde está o hotel que dormiríamos hoje. Esta noite já está incluída no pacote que compramos para a Antártida, num daqueles hotéis grandes do centro, quase na Plaza de Mayo. A gente se instalou no nosso novo quarto, fizemos o check-in da expedição e aproveitamos a tarde para nosso último tempo livre antes de nos juntarmos, definitivamente, ao grupo. Hoje de noite já está programado um jantar em um restaurante com direito a show de tango e amanhã, antes de embarcarmos, ainda teremos tempo para um rápido city tour pelas principais atrações de Buenos Aires. Vai ser a nossa chance de visitarmos La Boca e seu Caminito, outro ponto obrigatório de visita para quem vem conhecer a cidade. O que não vai estar no roteiro do city tour é o tradicional bairro de San Telmo e foi para lá que seguimos para passar essa nossa última tarde na capital argentina.

Caminhando rumo a San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Caminhando rumo a San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


Basílica de Santo Domingo, em Buenos Aires, na Argentina

Basílica de Santo Domingo, em Buenos Aires, na Argentina


San Telmo é um dos bairros mais antigos da cidade e foi em suas ruas estreitas e de paralelepípedo que ocorreu um dos feitos históricos mais celebrados da cidade: a resistência quase espontânea aos invasores ingleses em 1806. Em guerra contra a Espanha na Europa, os britânicos imaginaram que não encontrariam dificuldades para ocupar a cidade, de grande valor estratégico para dominar a bacia do Prata. Com efeito, as tropas oficiais logo bateram em retirada e os ingleses entraram triunfantes. Mas não demorou muito para os habitantes da Buenos Aires dentão perceberem que só estavam trocando de patrões e, pior, que os novos nem falavam a sua língua. Assim, trataram de colocar os ingleses para correr e ainda hoje é possível ver vestígios dessas ferozes batalhas pelas ruas do bairro como, por exemplo, nas paredes da bela Basílica de São Domingos.

Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


Bloco de carnaval em rua estreita de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Bloco de carnaval em rua estreita de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


Expulsados os ingleses e, alguns anos depois, os próprios espanhóis, o bairro se tornou a região preferida da cidade pela alta classe da época, que construíram aqui suas mansões. Assim foi por quase um século, até que uma forte epidemia de doença fez com que os mais abastados procurassem os novos bairros mais arejados do norte da cidade, abandonando seus antigos casarões. Com o tempo, esses foram divididos em casas menores e ocupados por diversas famílias mais simples, quase como cortiços.

Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Carnaval fora de época nas estreitas ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


O processo de deterioração se inverteu em décadas recentes, quando artistas, boêmios e estudantes começaram a voltar ao bairro, atrás da boa localização, preços baixos, charme histórico e peças amplas. San Telmo renasceu! Numa espécie de círculo virtuosos, bares e restaurantes foram sendo abertos, atraindo turistas e dinheiro que era usado na renovação de outras casas do bairro. Hoje, San Telmo voltou aos bons tempos, uma das regiões mais atraentes de Buenos Aires.

Bandeira boliviana é agitada em bloco de carnaval com as cores daquele país, em ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Bandeira boliviana é agitada em bloco de carnaval com as cores daquele país, em ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


Bandeira boliviana é agitada em bloco de carnaval com as cores daquele país, em ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Bandeira boliviana é agitada em bloco de carnaval com as cores daquele país, em ruas de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina


E para lá fomos, caminhando, desde o nosso hotel no centro. Entrando no bairro, já começamos a ouvir boa música reverberando pelas paredes das antigas mansões nas ruas estreitas. Era um desfile de carnaval fora de época, nossos hermanos com ginga de brasileiros, bailando, tocando tambores e atabaques e até arriscando na capoeira. Um momento inusitado para nós, mais uma lembrança para levar desse bairro que tanto admiramos.

O famoso mercado de San Telmo, no bairro de mesmo nome, em Buenos Aires, na Argentina

O famoso mercado de San Telmo, no bairro de mesmo nome, em Buenos Aires, na Argentina


A sempre agitada Plaza Dorrego, coração do bairro de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina

A sempre agitada Plaza Dorrego, coração do bairro de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina


Depois do carnaval, passamos pelo mercado e chegamos ao coração do bairro, a praça Dorrego. Aí, nos finais de semana, sempre há uma feirinha animada, portenhos e turistas buscando alguma pechincha ou lembrança para levar para casa.. Nós demos nossa volta por lá também, mas nosso objetivo maior era um delicioso bar na esquina da praça, talvez o mais charmoso e tradicional do bairro. Nele já estive algumas vezes, mas é da última que mais me lembro, já junto com minha amada esposa. Buscamos a mesma mesa para tentar tirar a mesma foto, de 6 anos atrás, que a Ana usa no topo de seu blog aqui no site. A foto nnão saiu igual, mas tão bela quanto, assim como a minha esposa, 150 mil quilômetros mais experiente do que 6 anos atrás!

O mais tradicional e charmoso bar de San Telmo, na Plaza Dorrego, em Buenos Aires, na Argentina

O mais tradicional e charmoso bar de San Telmo, na Plaza Dorrego, em Buenos Aires, na Argentina


Voltando ao mesmo bar e mesmo chopp de 6 anos atrás, na PLaza Dorrego, coração de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina

Voltando ao mesmo bar e mesmo chopp de 6 anos atrás, na PLaza Dorrego, coração de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina


Choppes gelados, deliciosos bocadilhos e o prazer de estarmos no lugar certo, na hora certa, por momentos preciosos da nossa última tarde na cidade. Depois, junto com o so0l que se punha, era hora de caminharmos de volta para o hotel. Afinal, já tínhamos programação para a noite: a primeira chance de conhecer e conviver com as pessoas do nosso grupo de viagem. Tudo isso num delicioso jantar temperado com muito tango!

Voltando ao mesmo bar e mesmo chopp de 6 anos atrás, na PLaza Dorrego, coração de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina

Voltando ao mesmo bar e mesmo chopp de 6 anos atrás, na PLaza Dorrego, coração de San Telmo, Buenos Aires, na Argentina


Depois de 6 anos, a mesma foto, no mesmo bar de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Depois de 6 anos, a mesma foto, no mesmo bar de San Telmo, em Buenos Aires, na Argentina

Argentina, Buenos Aires, história, cidade, Palermo, San Telmo

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior Almoçando em restaurante de Palermo, bairro de Buenos Aires, na Argentina

Adeus Fiona e a Deliciosa Tarde Preguiçosa

Post seguinte Dançarinos de tango em palco na noite de Buenos Aires, na Argentina

Uma Noite de Tango

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 29/06/2014 | 18:57 por Ana Christ

    San Telmo é um dos meus lugarezinhos preferidos em Buenos Aires. Amo cada cantinho daquele bairro! :)
    (tô aqui ansiosa pra que vocês embarquem logo nesse navio pra Antártida!!! rsrs)

    Resposta:
    Oi Ana Christ

    Nós também ADORAMOS San Telmo e sempre voltamos lá quando temos a oportunidade.

    E estamos muito ansiosos tb para reviver nossa viagem à Antártida, hehehe

    Um abs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet