0 Um dia em Nuuk - Blog da Ana - 1000 dias

Um dia em Nuuk - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Um dia em Nuuk

Groelândia, Nuuk

Nuuk, capital da Groelândia, em um dia frio e ensolarado de primavera

Nuuk, capital da Groelândia, em um dia frio e ensolarado de primavera


Nuuk, a menor capital do mundo, possui apenas 16 mil habitantes, mas uma das maiores cidades da região Ártica. Fundada em 1728 pelo missionário Hans Egede, está localizada na costa sudoeste da ilha e marca o início de um imenso sistema de fiordes. Navegar a costa oeste do país a partir de Nuuk é um dos tours mais procurados pelos turistas que vem à Groelândia, ao lado da viagem à cidade de Ilulissat.

Obra de arte na orla de Nuuk, capital da Groelândia

Obra de arte na orla de Nuuk, capital da Groelândia


Sede política e econômica do país, teve seu nome alterado para Nuuk, "a península", em kalalissut em 1979, até então se chamava Godthab, “boa esperança” em dinamarquês. Hoje abriga o Parlamento da Gronelândia, o Tribunal Gronelandês, a Biblioteca Nacional, o Museu Nacional e o Hospital Especializado Nacional, além da Universidade da Groelândia, única universidade pública no país.

Arte moderna nas ruas de Nuuk, capital da Groelândia

Arte moderna nas ruas de Nuuk, capital da Groelândia


Deixamos as malas em armários no aeroporto e saímos bater perna, já que o nosso voo para a Islândia é só às dez da noite. Um passeio pelas ruas movimentadas da capital e logo percebemos que ir às compras nos deliciosos supermercados é a atividade preferida dos capitalinos. Supermercado lotado, seja para compras ou apenas para fazer um almoço rápido ou atacar as delícias da confeitaria.

Balcão bem sortido em padaria de Nuuk, capital da Groelândia

Balcão bem sortido em padaria de Nuuk, capital da Groelândia


Os cafés também são um ótimo refúgio para os dias frios, na parte alta da cidade encontramos o cantinho que utilizamos como base durante o dia. Tortas de banana, chocolate, blueberry, sanduíches gourmets e indulgências bem internacionais, nada de filezinho de baleia.

Deliciosos pães em padaria de Nuuk, capital da Groelândia

Deliciosos pães em padaria de Nuuk, capital da Groelândia


Uma coisa que me chamou atenção foi a quantidade de bebês nas ruas. As mães saem passear, vão às compras e aos cafés com seus carrinhos. Como? O bebê usa pelo menos 4 camadas de roupas poderosas, mas o segredo está no mini saco de dormir para baixíssimas temperaturas! Em cima de tudo isso ainda está uma capa plástica contra neve, chuva e vento que se encaixa perfeitamente no carrinho, deixando o pequeno em uma estufa particular. No lado de fora dos cafés vemos apenas o estacionamento de carrinhos e pasmem, os bebês estão ali, dormindo, enquanto as mães estão lá dentro! Algumas mães mais tecnológicas levam até a babá eletrônica com elas, caso o bebê acorde. Vivendo e aprendendo!

Estacionamento de carrinhos de bebê em um acolhedor café de Nuuk, capital da Groelândia

Estacionamento de carrinhos de bebê em um acolhedor café de Nuuk, capital da Groelândia


O centro histórico, suas casinhas coloridas e o porto tem uma vista linda do Oceano Atlântico. Aproximamos-nos da Catedral Luterana de Nuuk, com suas portas fechadas, e subimos a pequena trilha do monte onde está a estátua em homenagem ao missionário e fundador da cidade.

A catedral Luterana de Nuuk e a estátua de Hans Egede, na Groelândia

A catedral Luterana de Nuuk e a estátua de Hans Egede, na Groelândia


O Museu Nacional, que oferece exposições sobre a história norse e inuit, estava fechado no dia de folga internacional dos museus, segunda-feira. Fomos então ao Centro Cultural Katuaq, prédio modernoso no centro da cidade que oferece programações de música, cinema e teatro, a melhor programação para um fim de tarde de frio e neve.

Bonequinhos brancos, conhecido artesanato groelandes em loja de Nuuk, capital da Groelândia

Bonequinhos brancos, conhecido artesanato groelandes em loja de Nuuk, capital da Groelândia


Filmes nacionais são exibitos a cada 15 dias ou mês, mas hoje era a programação era a grande estreia do filme The Avengers. Uma fila imensa se formou abaixo de neve e vento para assistir o filme na sessão das 18h. Aqui o mercado de óculos 3D já parece estar avançando rapidamente, pois para assistir o filme somos obrigados a comprá-los e vários modelos e designs são oferecidos. Não era exatamente o que estávamos procurando, mas foi uma experiência e tanto assistir um filme americano, com textos em russo, legendas em dinamarquês, rodeados de inuits por todos os lados!

Cartaz de filme dinamarquês nas ruas de Nuuk, capital da Groelândia

Cartaz de filme dinamarquês nas ruas de Nuuk, capital da Groelândia


Nosso plano inicial era fazer um passeio de barco para avistamento de baleias. Segundo os sites e informações que tínhamos os passeios saem do porto de Nuuk todos os dias durante ao longo do ano. A primeira parada foi no ponto de informações turísticas da cidade que também funciona como agência de turismo. Chegamos cedo, mas infelizmente hoje não havia nenhum barco saindo e mesmo que saíssem o rapaz nos disse que esta não é a melhor temporada para baleias, com sorte veríamos uma jubarte, que também encontramos na costa brasileira. Os arredores da cidade oferecem algumas opções de trilhas e atividades relacionadas à natureza. Nesta época, porém as trilhas não estão muito claras devido à neve.

De volta à Nuuk, capital da Groelândia

De volta à Nuuk, capital da Groelândia


O site da de turismo da Groelândia é belíssimo e tem informações completas sobre todos os passeios que podem ser feitos durante qualquer temporada. Porém se você não está em grupo e chega em um período com menos turistas, ficará bastante amarrado para viabilizar os passeios. Nós que normalmente tentamos fugir dos tours em grupo e das hordas de turistas aqui sentimos falta deles! Então a dica é programar a sua viagem para um período de alta temporada, verão ou inverno, dependendo das atividades que esteja mais interessado. A meia estação tem menos movimento e os preços não ficam mais baixos por isso.

Com muito vento, junto à estátua de Hans Egede, fundador de Nuuk, capital da Groelândia, em 1728

Com muito vento, junto à estátua de Hans Egede, fundador de Nuuk, capital da Groelândia, em 1728


Hoje nos despedidos da Groelândia, quebrando tabus, pois sabemos que sim, a Groelândia existe e merece mais do que 5 dias para ser explorada. O seu povo caloroso e receptivo, a natureza selvagem garantem todo um mundo novo a ser descoberto. O Ártico nos reserva belezas lindas e cada vez mais acessíveis pela tecnologia e infra-estrutura disponível. Com certeza voltaremos.

Aproveitando a bela tarde de Nuuk, capital da Groelândia, para caminhar pela cidade

Aproveitando a bela tarde de Nuuk, capital da Groelândia, para caminhar pela cidade

Groelândia, Nuuk, Ártico

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Nosso 'motorisra' nos levar para passear de dogsleding em Ilulissat, na Groelândia

Dog Sled no Sol Ártico!

Post seguinte Jacaré nada em rio do Parque Nacional Everglades, no sul da Flórida, nos Estados Unidos

Everglades National Park

Blog do Rodrigo A bela Catedral Luterana de Nuuk, capital da Groelândia

Adeus, Groelândia

Comentários (5)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 11/07/2018 | 14:25 por Marco Lopes

    Parabéns pelo blog e pela viagem!
    Gostaria de saber se onde partiu o voo de vcs?
    Vocês saíram de qual cidade, pois o destino seria a Islândia mas teve pit stop em Nuuk.
    Abs,
    Marco

  • 31/07/2017 | 10:21 por leno

    oi muito legal o registro de vocês, eu acompanho o campeonato de futebol da ilha que acontece nessa época agora de verão por la.
    porém tem uma informação errada nuuk não é a menor capital do mundo, mais no resto ta muito bom o texto parabéns.

  • 08/08/2015 | 21:07 por Paulo Rogério Romagna

    Após assistir o filme "A Vida Secreta de Walter Mitte", fiquei com vontade de fazer uma viagem que inclua Groenlândia e Islândia. Poderia me dar uma dica sobre de onde partem os voos? Obrigado e parabéns pela viagem!

  • 25/07/2012 | 16:54 por Marcelo Maragogi

    Gostei muito. Pena que foram mostradas poucas fotos. Que lugar incrível, uma inóspita beleza. Parabéns por terem ido.

    Resposta:
    Oi Marcelo! Todas as melhores fotos de Nuuk e da Groelandia podem ser acessadas neste link - http://www.1000dias.com/fotos/busca-groelandia/#b Abraços!

  • 22/05/2012 | 17:49 por Lurdes

    Olá Ana e Rodrigo,adrenalina pura nesta cidade,linda,colorida e gelada,um abração Lurdes

    Resposta:
    Adrenalina e gelo puro! hahaha! Muuuuito frio lá Lurdes! Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet