0 Tempo ao tempo - Blog da Ana - 1000 dias

Tempo ao tempo - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Tempo ao tempo

Brasil, Amapá, Macapá

Na orla do rio Amazonas, em Macapá - AP

Na orla do rio Amazonas, em Macapá - AP


Um dia planejado para viagem à Oiapoque, acabou virando um dia de revisão de planejamentos. Ainda sem retorno do consulado francês e com vários afazeres para o site e organização do carro, acabamos decidindo dar tempo ao tempo para ver se as coisas se revolviam. Tiramos o dia para nos empenhar em encerrar as pendências e dedicá-lo a novas pesquisas e planejamento. A etapa caribenha da viagem é a preocupação do momento, já que não iremos deixar o carro em Georgetown, na Guiana Inglesa, qual pode ser o nosso novo hub para os vôos às ilhas do Caribe Sul, onde teremos segurança para estacionar a Fiona?

Observando a orla em Macapá - AP

Observando a orla em Macapá - AP


República Dominicana, Barbados, Sait Marteen e Saint Martin, Saba, St Kits and Neves, Anguila, St Bartholomeu, Antigua e Barbuda... enfim, vários países minúsculos no Caribe que tem que se encaixar em nosso bolso e nosso tempo. Tudo isso parecia resolvido partindo de Georgetown, mas a nossa segurança e a da Fiona estão em primeiro lugar. O Rodrigo estudou como novo hub o Suriname, Colômbia e até Barbados e Trinidad e Tobago, como ilhas maiores e estrategicamente posicionadas. Já temos novas opções de vôo, mas nenhuma delas ainda parece a solução ideal. Com tudo isso em mente, resolvemos sair para arejar, para um almoço tardio lá na orla do Rio Amazonas.

Kite surfing no Rio Amazonas, em Macapá - AP

Kite surfing no Rio Amazonas, em Macapá - AP


Finalmente provamos o tal tucunaré na manteiga, frito inteiro, com cabeça, rabo, espinha e tudo. É gostoso, mas acho que esses peixes de rios, mais fibrosos, podem ter um jeito mais favorável de preparo, que amaciem a carne. Olhando o Rio Amazonas não consigo parar de pensar no que conversei com o taxista ontem, indo para a concessionária buscar a Fiona. Passamos por um canal que parecia ter “coisas” boiando nele. Perguntei se os esgotos aqui eram tratados e ele disse que não, que eram todos jogados sem tratamento direto nos canais e este no Rio Amazonas! Não é possível! Estamos falando de uma capital brasileira às margens do maior rio do mundo e um dos mais importantes rios brasileiros! Tudo bem, a quantidade de água é imensa e a água acaba no mar, mas são os dejetos de 350 mil pessoas no Rio Amazonas! Sem falar que deve ser a mesma água que é utilizada para o abastecimento da cidade e para corajosos banhistas. O nosso taxista confessou, “o canal é um fedor desgraçado!” e quando perguntei se as pessoas tomavam banho no rio principal, ele disse que sim, muitas pessoas, mas ele não se atreve. Se alguém tiver uma informação mais apurada sobre o tratamento de esgoto em Macapá e a qualidade de água do Amazonas, por favor, acalme meu coração e comente aqui, pois estou prestes a perder a esperança na humanidade.

Kite surfing no Rio Amazonas, em Macapá - AP

Kite surfing no Rio Amazonas, em Macapá - AP


Hoje tivemos a prova, vários kite surfers estavam lá praticando um dos esportes mais difundidos dos tempos, até por que onde tiver vento e uma poça d´água eles conseguem se divertir!

Polícia Militar aproveira a 'maré baixa' do Rio Amazonhas para treinamento de cadetes, em Macapá - AP

Polícia Militar aproveira a "maré baixa" do Rio Amazonhas para treinamento de cadetes, em Macapá - AP


Um batalhão da Polícia Federal em treinamento, passou correndo e cantando tche-tchecolê! O Ro não entendeu nada, mas eu conhecia a música da época do escoteiro, boas lembranças de um tempo que ajudaram a formar a minha personalidade e o gosto pela aventura. Eles aproveitaram a maré baixa do Amazonas para treinar técnicas de rolamento e etc, nas margens barrentas do Amazonas. Chegaram limpinhos e saíram assim. Fazer o que? São ossos do ofício!

Cadetes da PM correm pelas ruas de Macapá - AP

Cadetes da PM correm pelas ruas de Macapá - AP


Deixamos tudo pronto, reorganização da bagagem no carro, internet em dia para nos despedimos da nossa última capital do país pelos próximos 30, quiçá 60 dias! Amanhã temos uma longa viagem pela frente, vamos cruzar os dedos para dar tudo certo!

Belo fim de tarde na orla em Macapá - AP

Belo fim de tarde na orla em Macapá - AP

Brasil, Amapá, Macapá,

Veja mais posts sobre

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Bem encima da linha do Equador (em Macapá - AP)

Linha do Equador

Post seguinte Além do asfalto, são 160 km de terra e barro na viagem entre Macapá e Oiapoque - AP

Macapá à Oiapoque

Blog do Rodrigo Kite surfing no Rio Amazonas, em Macapá - AP

Dificuldades e o Visto

Comentários (9)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 20/12/2015 | 03:39 por alex

    vc tem que pegar informaçoes certas de pessoas que saibam e nao de pessoas que so saibam criticar....so assim vc nao ira tirar certas conclusoes....sou do amapa....

  • 19/12/2015 | 03:06 por alex

    vc tem que pegar informaçoes certas de pessoas que saibam e nao de pessoas que so saibam criticar....so assim vc nao ira tirar certas conclusoes....sou do amapa....

  • 19/12/2015 | 03:06 por alex

    vc tem que pegar informaçoes certas de pessoas que saibam e nao de pessoas que so saibam criticar....so assim vc nao ira tirar certas conclusoes....sou do amapa....

  • 19/12/2015 | 02:51 por alex

    vc tem que pegar informaçoes certas de pessoas que saibam e nao de pessoas que so saibam criticar....so assim vc nao ira tirar certas conclusoes....sou do amapa....

  • 07/11/2012 | 17:41 por Lopes

    Nem um projetinho; nem unzinho se quer! Nós não temos nem internet banda larga. Veja os preços praticados aqui http://www.vocetelecom.vc/ .As vezes chego a acreditar que nem fazemos parte do Brasil. E pelo preço da internet acho que estou no caribe rsrsrs.

    Resposta:
    A internet varia bastante, mesmo aqui nos EUA (o primeiro mundo e tal) muitas vezes não encontramos banda larga e são cobrados valores altíssimos... As empresas ainda tem muito para evoluir neste quesito. Só com o tempo ou trabalhando e cobrando as empresas para que elas entreguem melhores serviços.Boa sorte!
    Abraços!

  • 03/11/2012 | 22:37 por Lopes

    O taxista só esqueceu de informar que apenas o centro e 3 ou 4 bairros proximo ao centro de Macapá e que possui acesso a esgoto. o resto, mais de 50 bairros só fossa séptica.

    Resposta:
    Olá Lopes, então o que vai direto para o rio é "apenas" o esgoto do centro e dos 3 ou 4 bairros? Ele tem tratamento? O restante do esgoto pelo menos tem um tratamento básico prévio nas fossas sépticas (se estas são bem construídas), e vai acabar no rio ou no lençol freático igual. Será que existe algum projeto para mudar isso?
    Abs!

  • 06/03/2011 | 01:11 por Aldemário Filho

    O Brasil só se tornará um país desenvolvido, quando nossos cursos d'agua deixarem de ser esgotos a céu aberto.

    Resposta:
    Sem dúvida este é um ótimo indicativo Aldemário! Assim as pessoas terão acesso a saneamento básico, água de qualidade em suas casas e os rios estarão a salvo.

  • 05/03/2011 | 20:22 por mario sergio silveira

    É muito cocô, né filha? Enquanto EUA e Europa mantém os rios belos, limpos, nóis aqui "piiiiiii" e andamos para a ecologia humana. Saudades. Legal que vocês deram prioridade para a segurança. Vão com Deus.

    Resposta:
    Oi Pai! Alguns rios europeus até podem ser poluídos, mas hoje lutam "como o quê" para despoluí-los e tem total consciência ecológica. Vemos muitos rios poluidos no Brasil, sabemos dos problemas de saneamento básico, investimento, etc. Mas isso acontecer em uma capital de 350 mil pessoas, foi o que me chocou! Ali não é tão difícil tratarem o esgoto, a cidade é pequena e é a principal do estado! Se não priorizam a saúde e o meio ambiente ali, imagina no resto! Sistema de esgoto para 350mil habitantes deve ser simples, mas 350 mil cocôs diariamente é realmente muito cocô, e vc os vê passando ali no canal direto para o rio! surreal! Bem, seguimos em frente, seguros e em paz. Beijos!

  • 04/03/2011 | 16:00 por Tatiana Queiroz

    Fiquei assustada com essa história da água.

    Resposta:
    Nem me fale, eu tb! Realmente quero acreditar que não é verdade... mas infelizmente já não duvido de mais nada...

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet