0 Groelândia - Blog da Ana - 1000 dias

Groelândia - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Groelândia

Groelândia, Nuuk, Ilulissat

Gelo cobre pequena baía em Ilulissat, na Groelândia

Gelo cobre pequena baía em Ilulissat, na Groelândia


A primeira pergunta que escutamos é: o que vocês foram fazer na Groelândia? A viagem não é 1000 dias por toda a América? Sim, a viagem é pela América e não, não estamos preocupados com as fronteiras políticas estabelecidas pelo mundo atual e sim com as fronteiras criadas pela mãe natureza. Geograficamente Groelândia está na placa tectônica americana, portanto é parte da América.


Groelândia

Se olharmos um pouco a história, veremos que há 4.000 anos foram populações de paleoesquimós vindos do Alaska e Canadá que colonizaram a Groelândia, o que só corrobora com a sua americanidade.

Jogo de futebol no gelo, em Ilulissat, na Groelândia

Jogo de futebol no gelo, em Ilulissat, na Groelândia


Hoje a maior ilha do mundo é uma Nação Constituinte Autônoma do Reino da Dinamarca, uma espécie de colônia moderna. Uma movimentação política para a independência da Groelândia está em andamento. O sentimento nacionalista groenlandês é forte, sua língua, história e cultura riquíssimas deixam claro que esta ilha já é uma nação.

Bandeiras da Groelândia e da Dinamarca tremulam em Nuuk, capital da Groelândia

Bandeiras da Groelândia e da Dinamarca tremulam em Nuuk, capital da Groelândia


A Groelândia tem uma população de aproximados 60 mil habitantes dos quais 88% são Inuits, ou mestiços. Encontramos vários casais de dinamarqueses e inuits e a amostragem confirma que o resultado dessa mistura é um povo ainda mais bonito! O Kalaallisut (groenlandês) é a língua oficial desde 2009, o dinamarquês ainda é falado por grande parte da população, seguido pelo inglês. A influência cultural dinamarquesa também é notada na culinária que traz ingredientes e receitas mais europeias à cozinha inuit e na própria formação cultural moderna.

O avião que nos levou de Nuuk para Ilulissat, cidade ao norte do Cículo Polar Ártico, na Groelândia

O avião que nos levou de Nuuk para Ilulissat, cidade ao norte do Cículo Polar Ártico, na Groelândia


À primeira vista a colonização dinamarquesa trouxe à Groelândia um desenvolvimento tecnológico e econômico bastante necessário no mundo atual. Também se não fosse a Dinamarca, provavelmente seriam os Estados Unidos a colonizar este povo e ocupar este território, alterando a cultura e explorando o solo rico em minerais. Cá entre nós, acho bem mais interessante uma mescla groenlandesa e dinamarquesa, pelo menos fica tudo entre os nórdicos, vikings e esquimós, este povo quente das terras geladas.

Um Greenland Husky, animal mais popular em Ilulissat, na Groelândia

Um Greenland Husky, animal mais popular em Ilulissat, na Groelândia



POR QUE PRA LÁ?

Conhecer a maior ilha do mundo, um país que tem 80% do seu território coberto por gelo e onde esquimós formam uma nação curiosa e acima de tudo orgulhosa! Sobrevoar um deserto branco, pois esta é a única forma de se locomover, e chegar à cidade dos Icebergs, Ilulissat, que abriga o maior glaciar do mundo, fora do Continente Antártico. Descobrir as verdades e mentiras sobre a caça às baleias no Ártico e ver ao vivo e a cores os principais indícios do tão falado aquecimento global.

A magnífica paisagem gelada que se pode admirar no voo entre Nuuk e Ilulissat, na Groelândia

A magnífica paisagem gelada que se pode admirar no voo entre Nuuk e Ilulissat, na Groelândia


Seja no verão ou no inverno a Groelândia tem atrações e atividades para os amantes da natureza, paisagens de outros planetas e curiosos de plantão. O site de turismo do país é o mais completo que já encontrei, com todas as informações para planejar e organizar a sua viagem. Só para você ter uma ideia do que o país oferece, dá uma olhada nesse vídeo.



Eu poderia listar todos os atributos e curiosidades sobre a Groelândia aqui neste post, porém alguém já fez isso e eu não poderia fazer melhor. Este alguém é o amigo e antigo colega de profissão dos tempos de Dez Propaganda. Gabriel Britto, redator publicitário e viajante inveterado, resolveu investir mais tempo escrevendo sobre curiosidades do mundo e destinos alternativos no seu blog “Gabriel quer viajar”. Gabriel reuniu no seu post Por que pra lá? Groelândia 33 bons motivos, vale a pena conferir.

Vista aérea da paisagem gelada ao redor de Nuuk, capital da Groelândia

Vista aérea da paisagem gelada ao redor de Nuuk, capital da Groelândia


Veja também: Viagem ao Ártico no Blog do Rodrigo.

Groelândia, Nuuk, Ilulissat, viagem, Ártico

Veja todas as fotos do dia!

Diz aí se você gostou, diz!

Post anterior Diversão nas montanhas-russas do parque da Universal, em Orlando, na Flórida - Estados Unidos

Universal Orlando - Island´s of Adventures

Post seguinte Passeando em dia nublado e gelado em Nuuk, capital da Groelândia

Nuuk em Preto e Branco

Blog do Rodrigo Banhistas nas águas quentes da Blue Lagoon, na região de Reykjavik, na Islândia

Um Dia em Reykjavik

Comentários (10)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 05/05/2017 | 09:06 por PêEsse

    Vocês poderiam dizer que empresa contrataram para ir da Islândia à Groenlândia?

  • 22/01/2017 | 20:16 por Margareth Elias

    Adorei o blog de vocês.Parabéns. Gostaria de saber como vocês se deslocaram de Nuuk para Ilulissat?
    Os 5 dias foram suficientes para conhecer o básico?
    Ainda estou na dúvida se vou de Copenhagem para Nuuk,depois Ilulissat, pois já conheço a Islândia.
    Obrigada.

  • 30/10/2015 | 04:10 por Pantera

    Muito boa as informações e tudo que pude ver e ler, paragens por falar da Groelandia que para mim ate enato desconhecido.


  • 30/10/2015 | 04:10 por Pantera

    Muito boa as informações e tudo que pude ver e ler, paragens por falar da Groelandia que para mim ate enato desconhecido.


  • 30/10/2015 | 04:09 por Pantera

    Muito boa as informações e tudo que pude ver e ler, paragens por falar da Groelandia que para mim ate enato desconhecido.


  • 13/10/2014 | 10:29 por Geraldo Filho

    Gostei muito e gostaria ainda mais de entrar em contato com vocês, tenho uma empresa de documentários onde abordamos temas sobre turismo e a nossa grande mãe a natureza, ficaria muito feliz em entrar em contatos com vocês como já tenho dito, um abraço GERALDO FILHO, MEU e-mail geraldojorra@hotmail.com




    Resposta:
    Olá Geraldo! Obrigada! Estamos à disposição no email contato@1000dias.com, pode escrever e falamos mais em detalhe sobre documentários, etc. Abraços!

  • 26/05/2014 | 20:30 por Breno Landim

    Nossa,meu sonho é conhecer Nuuk,porém tô achando bem difícil,tanto pra encontrar voos,e agências de viagem.

    Resposta:
    Oi Breno! As duas rotas para chegar à Groelandia são via Dinamarca (aí vale ver SP-Londres-Copenhagen-Nuuk) ou via Islândia, que você pode investigar vôos tanto via Europa (Londres, Frankfurt, etc) ou via Orlando, já que a maior base da Iceland Air na América é no aeroporto de Orlando. Aí vc faria SP-Orlando-Reikjavik-Nuuk. E já que você vai passar pela Islandia aproveite e tire mais 10 dias para conhecer o país que é lindíssimo! Na Groelandia não deixe de ir a Ilulissat! O melhor site para planejar sua viagem para a Groelândia é http://www.greenland.com/en/, eles tem muitas informações e pacotes também. Nós compramos um pacote de 5 dias com Nukk e Ilulissat saindo de Reikjavik, achamos o melhor custo x benefício, já que transporte na Groelandia é escasso e caro. Espero ter ajudado. Boa viagem e volta nos contar! Beijos

  • 07/01/2014 | 17:17 por mateus

    Olá amigo , excelente seu blog sobre a groenlandia, tenho uma amiga na groenlandia da cidade de aasiaat a qual conheci na dinamarca e ela me convidou para conhecer a groenlandia, portanto faço umas perguntas bem objetivas , para se possivel voce me responder, pretendo ir no inverno para ver a aurora boreal
    1- as coisas lá são muito caras? os produtos sao limitados?
    2-as cidades sao seguras?
    3- como são as pessoas??são receptivas?qual algum costume estranho que voce viu la
    4-É verdade que eles sao abertos a turistas??
    5- qual o sentimento que eles tem perante a dinamarca

    muito obrigado, parabens pelo excelente trabalho

  • 06/10/2013 | 08:01 por Joao

    Não, respondeu tudinho. Obrigadão! E tenho acompanhado o blog de vcs, amo de verdade, principalmente sobre a viagem ade vcs aqui na Guiana, país onde resido. Abração e boa viagem sempre!

  • 21/09/2013 | 09:04 por Joao

    Que legal! E como é o povo da Groelandia? Frios, feios? Que linguas eles usam mais? E afinal, são Europeus ou não? Demaaaaais o seu blog, tô lendo tudo!

    João
    Guiana

    Resposta:
    Oi João! Adorei as perguntas! rsrs! O povo da Groelândia é descendente dos esquimós. Os inuits vieram da Ásia e tem origem mongólica, pele mais escura, olhos puxados, um pouco parecidos com as populações indígenas americanas. São todos muito simpáticos, embora a língua seja um empecilho, já que eles falam groelandês (Kalaallisut), língua falada por umas 54 mil pessoas. O país é um território dinamarquês, portanto eles também são europeus e aprendem o dinamarquês nas escolas. Existe um movimento independentista, mas que pelo que percebemos não tem muita força, já que o investimento da Dinamarca em infraestrutura ainda é maior do que a promessa de petróleo e gás que existe por lá. E aí, respondi tudo ou tem mais?! rsrs! Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet