0 Denali National Park - Blog da Ana - 1000 dias

Denali National Park - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Denali National Park

Alaska, Denali National Park

O colossal Denali ainda está a 30 km de distância! (Denali National Park, no Alaska)

O colossal Denali ainda está a 30 km de distância! (Denali National Park, no Alaska)


Já ouviram falar daquele filme Into the Wild, em português traduzido como Na Natureza Selvagem? É uma história real que aconteceu aqui no Alasca sobre um viajante que resolveu viver uma estação na natureza selvagem e acabou não voltando... nunca mais. O filme é muito bom, recomendo! Desde que entramos no Alasca estávamos nos perguntando aonde teria acontecido a tal fatalidade. Pensamos que devia ser longe de tudo e todos, pra lá da Brooks Range ou do Gates of The Artic. Pois é, a história aconteceu mais perto da civilização do que poderíamos imaginar e foi aqui, pertinho do Denali National Park.

A primeira visão do Denali, a mais alta montanha da América do Norte, no Denali National Park, no Alaska

A primeira visão do Denali, a mais alta montanha da América do Norte, no Denali National Park, no Alaska


O Alasca é uma terra de gigantes. Os animais terrestres e marinhos, as distâncias, as reservas de petróleo, a história humana de mais de 15 mil anos, do frio, das belezas naturais, tudo parece desproporcional. É um lugar onde fica fácil entendermos o nosso tamanho na terra apenas olhando ao redor.

Caminhando um pouco no parque e aproveitando a vista magnífica do Denali National Park, no Alaska

Caminhando um pouco no parque e aproveitando a vista magnífica do Denali National Park, no Alaska


Paisagens sempre grandiosas no Denali National Park, no Alaska

Paisagens sempre grandiosas no Denali National Park, no Alaska


Aqui no Denali fica ainda mais fácil compreender esta grandeza, pois em meio à natureza selvagem surge majestosa a maior montanha da América do Norte: o Mount McKinley com 6.193m, conhecida pelos íntimos como Denali ou apenas “A Montanha”. Denali é o nome original, que na língua Athabascan significa “The High One”, o grande, o alto. Mais tarde algum garimpeiro do Kantishna sugeriu que ele fosse renomeado em homenagem ao então candidato a presidência americana e até hoje os alascans lutam politicamente para voltar ao nome de origem.

A montanha, ao vivo e no painel explicativo, no Denali National Park, no Alaska

A montanha, ao vivo e no painel explicativo, no Denali National Park, no Alaska


Só o Denali National Park possui uma área de 6 milhões de acres, o equivalente à área do Delaware, nos “lower 48 states”. Charles Sheldon, em 1908, foi um visionário ao desejar que esta região deveria permanecer intacta e protegida. Já naquela época ela corria perigo, sendo escavada pelo ouro, modificada pela ferrovia em construção e pelos caçadores em busca de pele e da carne dos pobres animais selvagens, para alimentar a ganância destes pioneiros que queriam enriquecer rapidamente. Após 10 meses conhecendo estas terras e montanhas Sheldon retornou a Washington e não descansou enquanto seu sonho não se tornou realidade. Em 1917 o Presidente Woodrow Wilson declarou os 2 milhões de acres ao redor “da montanha” o Mount McKinley National Park. Foi apenas em 1980, no final do mandato de Jimmy Carter que o parque foi ampliado e recebeu o nome de Denali National Park.

Avistamos nosso primeiro urso no Denali National Park, no Alaska

Avistamos nosso primeiro urso no Denali National Park, no Alaska


A região se tornou famosa quando aventureiros de todas as partes, em busca de fama e patrocínios para suas grandes aventuras, decidiram escalar a montanha e chegar ao ponto mais alto da América. Várias tentativas foram feitas, a primeira reconhecida oficialmente em 1903, um blefe. Frederick Cook chegou ao chamado “pico falso” a meros 4.200m de altitude, fez um recorte de sua foto no topo e recebeu todas as glórias. Isso disparou uma segunda onda de tentativas de conquista do Denali.

Bela foto da bandeira ameicana com o Denali ao fundo, no Denali National Park, no Alaska

Bela foto da bandeira ameicana com o Denali ao fundo, no Denali National Park, no Alaska


Em 1910 a Sourdough Expedition, quatro locais também indignados com a mentira de seu companheiro, o acompanhante de Cook, sem preparo, sem equipamento e sem noção alguma de montanhismo, também decidiu chegar ao ponto mais alto da América. Foram com a cara, a coragem e o sangue forte de quem vive nessa terra de extremos e depois de 3 meses de aproximação, chegaram ao cume norte (5.934m) em 18 horas, um tempo recorde! No dia do ataque ao cume eles carregavam apenas um saco de donuts, chocolate quente e um imenso pau de madeira de 4,2m. Eles achavam que colocando o poste com a bandeira no alto da montanha todos poderiam vê-los e assim comprovariam o feito. Uma pena foi saberem depois que o pico norte é na realidade 259m mais baixo que o cume sul, ainda assim um feito impressionante! Ninguém os levou a sério até 1913, quando Stuck confirmou através de binóculos, que a haste da bandeira no pico norte realmente existia e ainda estava em pé! Stuck foi um dos líderes da primeira expedição a chegar ao cume sul, ponto mais alto do Denali, ao lado de Harry Karstens. Em 7 de Junho de 1913, o primeiro membro da equipe a chegar ao topo foi Walter Harper, um nativo do Alasca.

A estrada nos leva para na direção do Mt. McKinley, no Denali National Park, no Alaska

A estrada nos leva para na direção do Mt. McKinley, no Denali National Park, no Alaska


Anos depois Bradford Washburn refez a trilha de Cook, chegou ao pico falso e comprovou o charlatanismo do aventureiro. A esta altura Cook já havia ganhado os prêmios, a fama e o dinheiro que queria para sua expedição ao Polo Norte.

Rota de subida mais usada do Denali. Os alpinistas chegam de avião à uma geleira próxima e daí começam a subida (Denali National Park, no Alaska)

Rota de subida mais usada do Denali. Os alpinistas chegam de avião à uma geleira próxima e daí começam a subida (Denali National Park, no Alaska)


Escutamos e aprendemos todas estas histórias nos 128 km percorridos no ônibus escolar verde que atravessa a única estrada do parque, até o Wonder Lake. Lisa, nossa motorista e guia, uma apaixonada pela história do parque, da montanha e colecionadora de livros sobre o Alasca, nos envolveu durante as 11 horas de tour sem nem sentirmos o tempo passar. Histórias da montanha, suas experiências durante o inverno e o verão aqui ou na Kodiak Island onde mora, e até alguns detalhes da última fatalidade ocorrida no parque, a morte de um grizzlie após o descuido de um turista e fotógrafo que deixou o urso se aproximar mais que o indicado. O urso morreu por um tiro, depois de ter comido o turista abusado.

Ursa caminha com seu filhote no Denali National Park, no Alaska

Ursa caminha com seu filhote no Denali National Park, no Alaska


Um enorme grizzly macho caminha pelo Denali National Park, no Alaska

Um enorme grizzly macho caminha pelo Denali National Park, no Alaska


Um enorme grizzly macho caminha pelo Denali National Park, no Alaska

Um enorme grizzly macho caminha pelo Denali National Park, no Alaska


No caminho encontramos alces, aves e inúmeros ursos grizzlies, alguns mais distantes nas montanhas nevadas, outros a poucos metros de distância do ônibus. Um deles foi especial, ele estava correndo acelerado às margens do rio de pedra, vindo a nossa direção. Ele seguiu o curso do rio e continuou paralelo à estrada e nós seguimos atordoados com a cena mais selvagem e marcante do dia!

Urso atravessa correndo leito de rio no Denali National Park, no Alaska

Urso atravessa correndo leito de rio no Denali National Park, no Alaska


O centro de visitantes possui uma exposição completa sobre o Denali, suas expedições, história e geologia. A vista da montanha é magnífica, a beleza cênica do Mount McKinley se destaca frente a outras montanhas. Ela sobe praticamente sozinha dos 2 aos 6 mil metros de altitude, imponente e graciosa com seu branco eterno conquistado por poucos bravos montanhistas. Dentre estes está o nosso primo Haroldo, que esteve duas vezes no Denali, a primeira delas, pronto para o ataque ao cume, mas sem as condições climáticas. A segunda, até o topo, onde poucos tiveram o privilégio de pisar. Um esforço sobre-humano em temperaturas baixíssimas, mas recompensado com paisagens maravilhosas, uma das vistas mais lindas do céu e do Alasca e o orgulho da conquista da montanha mais alta da América do Norte. Fica aqui registrada a minha admiração e a homenagem ao Haroldo e aos outros bravos que estiveram no topo do Denali.

Apesar de parecerem próximos, os picos norte e sul da montanha estão a 5 km de distância um do outro (Denali National Park, no Alaska)

Apesar de parecerem próximos, os picos norte e sul da montanha estão a 5 km de distância um do outro (Denali National Park, no Alaska)



DICAS PRÁTICAS

Como chegar?
O Denali National Park é uma das unidades de preservação mais acessíveis do Alasca. Localizada a 380km de Anchorage e 192km de Fairbanks, sua entrada principal está na George Parks Highway (Alaska 3), próxima à vila de Denali. Se a sua opção não é alugar um carro, o trem também pode ser uma boa ideia, mais informações no site da companhia.

visitando o Denali National Park, no Alaska

visitando o Denali National Park, no Alaska


Durante o verão o acesso à estrada do Denali só é permitida no ônibus verde do próprio parque. São vários tours que variam em preço, horários e disponibilidade. O mais procurado, e o que fizemos, foi o tour até o Wonder Lake, com as melhores vistas da montanha.

Nosso ônibus no Denali National Park, no Alaska

Nosso ônibus no Denali National Park, no Alaska


Onde ficar?
A vila de Denali possui alguns hotéis e cabanas, porém os preços no verão são altos. (entre 160 a 350 dólares) Uma boa opção para quem está de carro é seguir 20km adiante e ficar hospedado na vila de Healy, que possui alguns motéis e restaurantes com preços mais acessíveis (abaixo de 100 dólares).

Painéis informativos no ponto até onde podem chegar carros particulares no Denali National Park, no Alaska

Painéis informativos no ponto até onde podem chegar carros particulares no Denali National Park, no Alaska


Eu posso acampar?
Nas duas cidades existem opções de camping, principalmente para traillers. A região é bem fria, então se resolver acampar deve vir preparado com um bom saco de dormir para temperaturas abaixo de zero (-10°C de noite), mesmo no verão. Dentro do parque é possível solicitar permissões especiais para camping, pagando uma taxa e passando por uma consultoria especial com os park rangers sobre como estocar a comida e lixo nos containers a prova de urso. Eu tenho vontade de acampar no parque dentro de um trailler, mas em barraca, depois de ter encontrado uns 10 grizzlies, inclusive mamães ursas com seus filhotes, confesso que eu ficaria cabreira.

Guarda-parque recebe nosso ônibus no Denali National Park, no Alaska

Guarda-parque recebe nosso ônibus no Denali National Park, no Alaska


Onde comer?
Tanto a vila de Denali, quanto Healy oferecem boas opções de restaurantes, cafés e mercadinhos. A dica é estocar-se de lanches para o café da manhã e o almoço e fazer um bom jantar durante a noite, depois que voltar do parque. Em Denali, uma boa pedida é o Salmon Bake, um ambiente divertido e despojado. Os sanduíches e os pratos de salmão com king crab são deliciosos!

Famoso restaurante em frente ao Denali National Park, no Alaska

Famoso restaurante em frente ao Denali National Park, no Alaska


Em Healy não deixe de conhecer a 49th State Brewery, uma cervejaria aconchegante com uma lareira alta ao lado do bar e uma sopa de queijo com cerveja amber imperdível! Ali fica a cópia do ônibus do “Into the wild”. Este é foi utilizado nas gravações do filme. O original fica após o Savage River, na Stampede Trail há uns 30km daqui. Este rio é impossível de ser atravessado no verão, nem a pé, nem de carro, 4x4 ou hummer anfíbio! Se quiser mesmo vê-lo não se aventure sozinho, algumas agências podem levá-lo até lá. Afinal, não foi à toa que o cara virou filme.

Decoração típica no Alaska! (em restaurante na vila em frente ao Denali National Park)

Decoração típica no Alaska! (em restaurante na vila em frente ao Denali National Park)

Alaska, Denali National Park, Montanha, parque nacional, Montanhismo, Denali, Mount McKinley, Healy

Veja todas as fotos do dia!

Não se acanhe, comente!

Post anterior Bela paisagem na Dalton Highway, no norte do Alaska

Além do Alasca!

Post seguinte O colossal Denali, maior montanha da América do Norte, durante sobrevoo do Denali National Park, no Alaska

No Alto do Denali!

Blog do Rodrigo Um enorme grizzly macho caminha pelo Denali National Park, no Alaska

Passeio no Parque, Ursos e Aurora

Comentários (3)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 21/08/2015 | 17:45 por Karla

    Olá,
    Farei a Stampede Trail em maio de 2016.
    Não sabia que tinha agencias q fazim o trajeto. Pode me indicar pfv? e Sabe me dizer se o parque estará aberto no dia 2 de maio em diante? obrigada e parabéns pela página!!

  • 13/06/2015 | 12:04 por Bráulio Garcia Pereira

    Show. Parabéns pela postagem. Tenho este sonho de conhecer o Alaska tb. Conhecer um pouco do Denali e principalmente ver a Aurora Boreal. Setembro será a melhor época do ano pra visitar o Denali e ver as Auroras? Estou precisando de informçoes vcs poderiam me ajudar sobre roupas, ná época que vcs foram estavam muito muito frio. Se eu der a sorte que vcs deram de pegar um tempo aberto ficarei muito feliz e a Aurora aparecer é claro rsrsrs. Amigos foram qts dias de viagem e +o- qts vcs $ gastaram. Só pra ter uma idéia de qt terei que juntar daqui pra frente rsrsrs. Parabéns pelas lindas viagens. Abraçssssss.

  • 07/04/2013 | 14:23 por Cindia

    Uau!!!! Vcs dois são incrivelmente corajosos e aventureiros! Que idéia legal:viajar e CONHECER o mundo! "Achei" o blog de vcs enquanto procurava informações sobre o Aalaska. Muito legal! Agora vcs tem uma fã de Florianópolis! Boas viagens!!!!!

    Resposta:
    Que bom que nos encontrou! Vamos nos encontrar em Floripa então, será uma das últimas paradas dos 1000dias! =) Boas viagens e espero te ver sempre por aqui! Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet