0 A Jovem San José - Blog da Ana - 1000 dias

A Jovem San José - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

A Jovem San José

Costa Rica, San José

O Teatro Nacional, de inspiração francesa, o mais belo da América Central, em San José, capital da Costa Rica

O Teatro Nacional, de inspiração francesa, o mais belo da América Central, em San José, capital da Costa Rica


O caminho a San José é montanhoso e com muitas curvas, uma estrada que exige um pouco de paciência, mas que com sorte e tempo bom proporciona muitas paisagens lindas e interessantes! Subimos o Cerro da Morte, chegando a 3.500m.s.n.m., porém, quando mais subíamos, mais as nuvens e neblina fechavam a nossa visão. Chegamos a San José a tarde e nos instalamos em um Hostal Kaps Place, no Bairro Aranjuez. Um bairro tranquilo e seguro, próximo do centro (10 minutos caminhando) e da cena alternativa da capital durante a noite.

A Av. Central no seu techo peatonal, em San José, capital da Costa Rica

A Av. Central no seu techo peatonal, em San José, capital da Costa Rica


Fundada em 1737, San José tornou-se a capital costa-riquenha em 1823, sendo uma das capitais mais novas da América Latina. Perde o título apenas para Brasília, fundada em 1960. Hoje é uma grande cidade com mais de 350 mil habitantes e mais de 1,5 milhão de habitantes apenas em sua zona metropolitana.

A preocupação com a reciclagem é muito comum na Costa Rica (foto na Av. Central de San José)

A preocupação com a reciclagem é muito comum na Costa Rica (foto na Av. Central de San José)


A Plaza de La Cultura é o centro da agitação comercial, em meio a ruas peatonais e estreitas para dezenas de ônibus, táxis e carros, cadeias de fast foods, museus e hotéis. O centro antigo preservou poucos prédios históricos, sendo o Teatro Nacional o que mais se destaca, ao lado do antigo Hotel Colonial e seu delicioso Café Paris. O Ballet Cascanueces (Quebra Nozes), com corpo de baile principal americano, estava com todas as sessões esgotadas, de sexta a domingo! Também com ingressos variando de 10 a 25 mil colones (20 a 50 dólares), não poderia ser diferente.

Visitando o Teatro Nacional em San José, capital da Costa Rica

Visitando o Teatro Nacional em San José, capital da Costa Rica


Alguns museus são bem indicados nos guias de viagem, como o Museu de Ouro ou o Museu de Jade, porém hoje tiramos o dia para andar pelas ruas da cidade, praças e sentir melhor o clima da capital dos “ticos”, como são conhecidos os costa-riquenhos. Os arredores do Parque Morazán e da Praça Espanha parecem uma vizinhança mais charmosa e convidativa, com opções de bares e restaurantes bem interessantes.

Teatro Nacional visto do Café Paris, em San José, capital da Costa Rica

Teatro Nacional visto do Café Paris, em San José, capital da Costa Rica


A nossa noite foi nas vizinhanças do hostal, perto da antiga Estação Ferroviária. Várias opções de bares alternativos com público diverso. O bar El Cuartel De la Boca del Monte é alternativo, mas de gosto mais refinado, freqüentado por jornalistas e formadores de opinião é uma das melhores opções. Se não gostar ainda tem o Esquina, o Observatório, o San Lucas, Latin Rock Bar e muuuitos outros. Nós comemos uma comida japonesa no Gatos y Generais (acho que era esse o nome) e seguimos para uma cervejinha no La Esquina. Uma noite rodando pelos bares do bairro La é bacana para conhecer a cena alternativa da jovem San José.

Costa Rica, San José,

Veja mais posts sobre

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Magnífico nascer-do-sol visto dos 3.820 metros do pico Chirripó, ponto mais alto da Costa Rica

No Topo da Costa Rica

Post seguinte Celebrando o espetáculo do fim de tarde na praia de Santa Tereza, no litoral Pacífico da Costa Rica, península de Nicoya

Pura Vida!

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet