0 Rumo à Cordillera Blanca! - Blog da Ana - 1000 dias

Rumo à Cordillera Blanca! - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Rumo à Cordillera Blanca!

Peru, Lima, Huaraz

A linda paisagem da região de Huaraz, no Peru

A linda paisagem da região de Huaraz, no Peru


Hoje pegamos estrada entre Lima e Huaraz. Tínhamos as mais diversas informações, que levariam 8, 10 ou até 12 horas para subirmos a cordilheira e chegarmos à cidade base para explorar a Cordillera Blanca.


Exibir mapa ampliado

Pegamos a Panamericana Norte em direção à Patilvilca, onde encontramos a rodovia 14, que vê-se no mapa do Google abaixo da linha traçada. Sabe lá por que o Googlemaps não consegue traçar este caminho, mas é o mais indicado e também um dos mais bonitos.

A estrada que leva à Huaraz, no Peru

A estrada que leva à Huaraz, no Peru


Paisagens bucólicas, vilas campesinas em festas típicas, venda de queijo e mel na estrada. Uma viagem linda que durou em torno de 6 horas e meia. Huaraz fica em um vale entre duas cordilheiras, a Blanca e a Negra, uma coberta de neve e a outra, apenas alguns metros mais baixa, toda negra pelas rochas negras escarpadas. A explicação disso é curiosa, diz-se que os ventos que sopram do oeste, direto do Oceano Pacífico, são chamados de Vientos Salados (ventos salgados).

Laguna altiplânica na estrada que vai à Huaraz, no Peru

Laguna altiplânica na estrada que vai à Huaraz, no Peru


Aqui, sobre este vale eles se encontram com os Vientos Dulces (ventos doces) que sopram da região amazônica. A massa de ar doce barra os ventos salgados sobre a Cordilheira Negra, que não deixam com que a neve se acumule durante os dias de inverno. Estas montanhas chegam a ficar com uma fina camada de neve nos dias mais frios do ano, porém não esta neve não dura mais de 3 horas e logo está derretida com a ajuda do sal. Já a Cordillera Blanca se mantém sempre doce e por isso sempre nevada.

As primeiras neves da Cordillera Blanca, chegando em Huaraz, no Peru

As primeiras neves da Cordillera Blanca, chegando em Huaraz, no Peru


Chegamos à Huaraz, nos hospedamos no Churup Hostal, um dos preferidos dos guias de viagem, trazendo mochileiros de todo o mundo. Nossa primeira preocupação foi agendarmos o Trekking Santa Cruz, um dos mais famosos da Cordillera Blanca, tido como um dos mais bonitos do mundo! Fechamos com a Huascarán, agência indicada pela pousada e fomos logo procurar um restaurante para matar a fome. Todas estas horas de estrada sem almoço, ninguém merece! Compra de lanches, água, pílulas purificadoras de água e estamos prontos para o trekking! Cordillera Blanca, aí vamos nós!

Peru, Lima, Huaraz,

Veja mais posts sobre

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior Visita às ruínas da Huaca Pucllana, em Miraflores, bairro de Lima - Peru

Civilização Lima

Post seguinte Início do Trekking de Santa Cruz, na região da Cordillera Blanca, próximo à Huaraz - Peru

Trekking Santa Cruz

Blog do Rodrigo A linda paisagem da região de Huaraz, no Peru

Belezas e Tragédias

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 14/11/2011 | 15:14 por Paulinha Ribas

    Oie!
    Finalmente consegui começar a ler Setembro...
    Que saudade d vcs!
    Estou amando essa parte da viagem mas ansiosíssima para ler sobre Galápagos!!!
    Mas me conte o que é essa pílula purificadora de água!

    Resposta:
    É uma pílula potalizadora, tem cloro dentre os componentes, que mata todos os bichos possíveis e deixa a água com um gosto de cloro puro. rsrsrs! mas qdo não tem outra opção vale a pena! Vc vai terminar de ler exatamente qdo eu conseguir finalmente ficar em dia! hahaha! =) Saudades amigaaa! Bjs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet