0 Pipa - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Pipa - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Pipa

Brasil, Rio Grande Do Norte, Praia da Pipa

Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN

Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN


Pipa foi "descoberta" em fins dos anos 80 e começou a "bombar" na metade da década seguinte. Desde então, as mudanças tem sido rápidas. A primeira vez que estive aqui foi em 93. Vim numa excursão de Kombi, partindo de Natal. Estava aproveitando minhas férias de Julho para conhecer um pouco do nordeste. Viajando só e de ônibus, tinha chegado há poucos dias na capital potiguar e no albergue, indicaram-me um passeio ao litoral norte e outro ao sul. Lembro-me que o passeio para o litoral norte (Genipabu) já era todo estruturado e concorrido. Eram dezenas de bugues cruzando as praias e dunas daquela região. Já para o sul, foi custoso encher uma mísera kombi com turistas. O guia (que era o próprio motorista) veio glorificando as belezas da região, mas eu fiquei até com uma certa pena dele: "Coitado, aquele movimento todo para o norte e ele tendo de inventar para arrastar alguém para cá...".

Avenido dos Golfinhos, em Praia da Pipa - RN

Avenido dos Golfinhos, em Praia da Pipa - RN


Pois é, tempos idos e passados. A avenida dos Golfinhos, única rua de então, era de terra. Uma pousada aqui e outra ali. E só. Lembro-me de achar lindo e quente. Principalmente numa kombi sem ar condicionado. Aí, algo aconteceu. Sete anos depois, quando cheguei aqui dirigindo a "Maria" (minha valente Pampa 4x4), a rua já estava com paralelepípedos. Mas era mão-dupla. Um inferno! Meia hora para atravessar um quilômetro de cidade. Muitas pousadas, restaurantes e guias na rua enchendo nossa paciência. Segui viagem!

Criança brinca na Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN

Criança brinca na Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN


Agora, dez anos mais tarde, a cidade cresceu mais. Mas também se organizou. A enorme afluência e influência de viajantes, brasileiros e gringos, muitos dos quais aqui resolveram ficar, aumentou muito a qualidade dos serviços. Hoje é posível dormir e comer em grande estilo. A concorrência não deixou os preços subirem demais e quem ganha são os visitantes. A população local ficou mais safa, meio blazé. Ao contrário das pequenas cidades vizinhas, onde impera a música brega, axé de 3a categoria e sertanejo, aqui se ouve reagge, boa MPB e lounge. Nossos ouvidos agradecem!

Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN

Praia do Amor, em Praia da Pipa - RN


Hoje eu e a Ana passamos boas horas numa praia que antes tinha o nome de Afogados, já que é uma praia de ondas fortes. Nada bom para o marketing de uma cidade que crescia e queria atrair mais turistas. O nome foi mudado para algo mais singelo: Praia dos Amores. Certo... Na maré baixa, é uma caminhada pela areia de uns 10 minutos. É o que basta para nos tirar da muvuca da praia do Centro para nos levar à beleza e tranquilidade dos Amores.

Igreja na Praia da Pipa - RN

Igreja na Praia da Pipa - RN


Depois, comida de boa qualidade no centro e mais um passeio pela night agitada, mais uma vez enfrentando os rigores de uma greve etílica. Aumenta a provação, hehehe. Amanhã, vamos dar um pulo rápido no interior do Rio Grande do Norte, fronteira com a Paraíba. Um lugar que também usa o nome como ferramenta de marketing: "Passa e Fica".

Piscina natural na Praia da Pipa - RN

Piscina natural na Praia da Pipa - RN

Brasil, Rio Grande Do Norte, Praia da Pipa,

Veja todas as fotos do dia!

Não se acanhe, comente!

Post anterior O magnífico Chapadão, no caminho entre a praia do Sagi e a Praia da Pipa - RN

Viajando para Pipa

Post seguinte Praia da Cacimbinha, em Praia da Pipa - RN

Encontros e Despedidas

Blog da Ana Tomando sol na praia do Amor, em Praia da Pipa - RN

Um dia na Pipa

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 12/01/2011 | 11:20 por Karen

    Nossa Rô, estou impressionada com a maravilhosa forma que você descreve os lugares e as situações! Conforme vou lendo seus textos eu sinto uma emoção tal como se eu realmente estivesse na viagem com vocês. Parabéns, você é um excelente escritor! Que orgulho de te ter como tio (espero que meu sogro jornalista não fique com ciúmes, hehehe). Eu só senti falta de ter foto de uma Pipa na Praia da Pipa...

    Resposta:
    Puxa, assim vc me deixa até encabulado, Karen!
    Que bom que consigo passar parte da emoção que sinto nesses lugares. Eu me esforço!

    Pois é, não tinha pipa por lá mesmo. Que falta de idéia deles!
    Um beijão para vc e abraço para o Leo

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet