0 Os Reis e o Cajueiro - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Os Reis e o Cajueiro - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Os Reis e o Cajueiro

Brasil, Rio Grande Do Norte, Natal, Pirangi

Venerando o maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN

Venerando o maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN


O primeiro programa de hoje foi ir conhecer um dos mais belos fortes da costa brasileira, o Forte dos Reis Magos. Na verdade, tudo é belo por lá, desde o caminho para chegar ao forte até o próprio nome, não acham?

Parque das Dunas, em Natal - RN

Parque das Dunas, em Natal - RN


Saindo de Ponta Negra, a gente segue pela Via Costeira entre o mar esverdeado e o Parque das Dunas. Esse parque é a maior área de dunas urbanas do Brasil. Se o Rio tem o maravilhoso Parque da Tijuca (maior floresta urbana do mundo), Natal tem o Parque das Dunas!

Deixando o Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN, ao lado do rio Potengi

Deixando o Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN, ao lado do rio Potengi


Ao final da Via Costeira, chegamos à Praia dos Artistas, antigo reduto dos turistas e da boemia. Para quem visitou Natal há mais de dez anos, sabe do que estou falando. Hoje, pelo que me disseram, a região está meio caída, de noite. De dia, pelo menos num sábado, a praia estava bem cheia, assim como a Praia do Meio. De lá podemos admirar a grande ponte que cruza o rio Potengi, em direção ao norte.

Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN

Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN


Falando neste rio, é bem na sua desembocadura que se encontra o Forte dos Reis Magos. Bem na ponta da península, cercado pelas águas verde-esmeralda do mar e do rio, em formato de estrela, lá está o forte. Sua construção é do final do séc XVI e iniciou-se num 06 de Janeiro (daí o nome!). Serviu para consolidar o domínio português na região, que na época era ameaçada por corsários e comerciantes franceses e seus aliados índios potiguares.

Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN. Ao fundo, a bela ponte sobre o rio Potengi

Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN. Ao fundo, a bela ponte sobre o rio Potengi


No maior evento de sua história, resistiu bravamente, por quatro dias, à invasão holandesa. O ano era 1634 e os holandeses, que já controlavam Pernambuco, despacharam para cá uma frota com dois mil homens. Metade deles desembarcou perto do forte para cercá-lo por terra também. Lá dentro, um obstinado comandante e seus 80 comandados não se rendiam e mantiveram seus postos por quatro dias. Finalmente, um grave ferimento no comandante e a fome e a sede que começavam a apertar forçaram os portugueses a um acordo.

Capela dentro do Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN

Capela dentro do Forte dos Três Reis Magos, em Natal - RN


O forte está muito bem conservado e de lá tem-se vistas deslumbrantes da cidade, do rio e do mar. Programa obrigatório para quem visita Natal!

Chegando ao maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN

Chegando ao maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN


Outro programa OBRIGATÓRIO é ir conhecer o maior cajueiro do mundo, que fica em Pirangi, pouco mais de 20 km ao sul de Natal. A árvore centenária (seria de 1888) sofre de uma anomalia genética que faz seus galhos crescerem até a terra, criar novas raízes e "nascer de novo" do lado de lá. Hoje, ocupa uma área de mais de 8 mil metros quadrados! Isso é quase um hectare. Um quadrado com 90 metros de lado!

Admirando a gigantesca copa do maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN

Admirando a gigantesca copa do maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN


Todos os números impressionam. Por exemplo, só de cajus, ela produz cerca de 2 toneladas por safra! A árvore continua crescendo e atualmente invade as vias que margeiam o quarteirão onde se encontra. Existe uma briga para decidir se o cajueiro deve (ou pode) ser podado ou não. Se não for, muita gente vai acabar sendo desapropriado. Mas, ao mesmo tempo, é o cajueiro que atrai tantos turistas (e dinheiro!) para a região. Além disso, como podar sem danificar essa maravilha da natureza?

O tronco principal do maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN

O tronco principal do maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN


Fiquei tentando imaginar o quanto o cajueiro cresceu, desde que o vi pela primeira vez, em 1993. Desde essa data, não sei, mas vi um cartaz que reproduz uma notícia de jornal de 1956. Muito legal! Na época, o cajueiro tinha 2 mil metros quadrados e tinha sido visitado pelo então governador Juscelino Kubtscheck, que também se maravilhou com a árvore. O jornal reclama o descaso das autoridades e diz que aquela deveria se uma atração turística internacional! Por coincidência, o segundo maior cajueiro do mundo, que sofre da mesma doença, também está aqui no Rio Grande do Norte e tem o mesmo tamanho que seu irmão mais velho tinha há 50 anos: 2 mil metros quadrados. Será que vai chegar ao tamanho do cajueiro de Pirangi?

Praia em Pirangi - RN

Praia em Pirangi - RN


Nosso final de tarde foi num dos restaurantes da bonita orla de Pirangi. De noite, a coisa ferve por lá. Quase toda a juventude bacana de Natal vai para os bares de Pirangi. Mas nós voltamos para Ponta Negra e experimentamos a night daqui mesmo. Agitada, lotada de turistas e de todos esses "seres sociais" que gravitam em volta de viajantes com bolsos recheados de dólares e euros. Uma expécie de zoológico humano.

Restaurante em Pirangi - RN

Restaurante em Pirangi - RN


Eu e a Ana passamos por essa "muvuca", comemos um risoto de camarão e queijo coalho absolutamente maravilhoso e terminamos a noite num pub anexo a um hostel em forma de castelo. Banda de blues e rock das antigas, bem legal!

Hostel e pub em forma de castelo, em Natal - RN

Hostel e pub em forma de castelo, em Natal - RN


Amanhã, Genipabu e Maracajaú. Adoro os nomes daqui!

Curtindo a noite em Natal - RN

Curtindo a noite em Natal - RN

Brasil, Rio Grande Do Norte, Natal, Pirangi, Cajueiro, Forte dos Reis Magos

Veja todas as fotos do dia!

Não nos deixe falando sozinhos, comente!

Post anterior Chegando na praia de Ponta Negra, em Natal - RN

Em Natal

Post seguinte Conhecendo as dunas de Genipabu - RN

G(J)enipabu e Maracajaú

Blog da Ana Caminhando sob o maior cajueiro do mundo, em Pirangi - RN

Um cajueiro só!

Comentários (4)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 14/01/2012 | 16:01 por Rosana Araujo

    Adorei conhecer do seu ponto de vista um pouco desse paraizo onde vou passar a morar aparti de fevereiro, curti muito, um forte abraço.

    Resposta:
    Oi Rosana

    Morar em Natal deve ser uma delícia! Eu é que vou querer conhecer seu ponto de vista depois de alguns meses na cidade!

    Abs e boa sorte!

  • 17/04/2011 | 14:48 por cinthya

    rsrs... correção... "Norte" e não Nordeste..rsrs..

    Resposta:
    Oi Cinthya
    Acho que é "Nordeste" mesmo, não?
    Abs

  • 17/04/2011 | 14:45 por Cinthya

    Ei Rodrigo, sou mineira de BH e estou indo sozinha para Natal dia 06 de maio a passeio. Vi fotos suas e de sua esposa lá... Bacana!!! Nunca fui a Natal e não tenho noção de locais.. Gostaria, se pudesse, que me passasse nomes de praias e alguns bares bacanas para eu conhecer. A questão é a seguinte, estou indo para desestressar mesmo e não posso alugar um carro para me locomover lá, pois estou tirando ainda a Carteira de motorista.. Então gostaria de ir em praias legais, com gente bonita e que não sejam tão longe... Pq tb não estou indo com grana para fazer um tur pelo Nordeste! Agradeceria muito se pudessem me ajudar. Abraço.

    Resposta:
    Olá Cinthya, minha conterrânea!
    Então, à pé, em Natal, você só vai poder ficar na praia de Ponta Negra, a mais conhecida de lá. No próprio bairro tem umas baladas legais, a melhor delas num albergue que tem também um pub, toda a construção parecendo um castelo medieval.
    Para outras praias, só de carro. É bem fácil achar algum tour para Genipabu, ao norte, ou Pirangi e Pipa, ao sul. Mas vc vai depender desses tours, sempre em grupos. Se quiser ficar mais independente, melhor seria, de Natal, ir passar alguns dias na Praia da Pipa. Acho lá melhor para "desestressar" do que Natal...
    Espero ter ajudado um pouco
    Abs

  • 16/01/2011 | 21:42 por Rodrigo assis

    Boa noite!
    Ana e Rodrigo,
    É, um prazer enorme ver que existe pessoas como vocês nesse mundo de coisas lindas, mas de cabeças pequenas.
    Apartir de hoje, além de fã de vocês dois, sempre estarei aqui no blog vendo as fotos e dando apoio mesmo que pequeno, mas de um sentimento bem nobre para os dois.
    Abraços e felicidades...

    Resposta:
    Olá Rodrigo, meu xará!
    Vai ser ótimo contar com seu apoio valoroso!
    Sempre que recebemos comentários, é um sorriso a mais em nossos rostos! E um estímulo para continuarmos a relatar as experiências por que temos passado
    Um grande abraço

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet