0 Dia Intenso - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Dia Intenso - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Dia Intenso

Brasil, Minas Gerais, Delfinópolis (P.N. Serra da Canastra)

Chegando na 'Casinha Branca' no alto da serra, em Delfinópolis - MG

Chegando na "Casinha Branca" no alto da serra, em Delfinópolis - MG


Começamos bem por aqui! Nosso primeiro dia em Delfinópolis teve de tudo: muita estrada poeirenta com lindas vistas de serras e vales; cachoeiras com muita ou pouca água, sempre frias e cristalinas; trilhas sombreadas com muito ar puro; bastante conversa fiada e instrutiva com gente da terra, acompanhada de cerveja gelada e deliciosos petiscos mineiros; e até mesmo um jantar caseiro acompanhado de música tradicional ao vivo!

Começamos o dia de barriga cheia depois do café da manhã na Mariângela. seguindo o conselho dela, subimos de carro pela estrada do Complexo do Claro e do Paraíso até um mirante perto do alto da serra, onde além da vista maravilhosa tínhamos também sinal de celular. Em Delfinópolis, nem pensar em TIM. Só Vivo. No alto da serra, aparece o sinal.

Explorando rio e a vista no alto da serra em Delfinópolis - MG

Explorando rio e a vista no alto da serra em Delfinópolis - MG


Depois, passamos pelo "Condomínio de Pedra", formações rochosas que parecem castelos-fantasma. Um pouco mais à frente, passamos por uma ponte sobre o rio do Paraíso e Claro, mas lá no alto. Largamos o carro e seguimos para o rio para o primeiro banho do dia. Água cristalina, muitos poços e vista para todo o vale. Maravilhoso! E tudo na faixa, o que é coisa rara hoje em dia aqui em Delfinópolis. Em quase todas as cachoeiras se cobra entrada, até 15 reais por pessoa. Para quem for visitar 10 grupos de cachoeiras, lá se vai uma fortuna! Que diferença com 10 anos atrás! É o progresso, dizem...

Enorme aranha em rio no alto da serra em Delfinópolis - MG

Enorme aranha em rio no alto da serra em Delfinópolis - MG


Fortalecidos pelo rio, seguimos até a "Casinha Branca", um dos pontos de referência da região, quase no alto da serra e com uma vista de encher os olhos. Depois, sempre à brdo da fiel Fiona, descemos a serra do lado de lá, no localmente famoso Vale da Gurita.Vamos até a Cachoeira do Ouro onde conhecemos o simpático proprietário, o Lopes. É ele mesmo que prepara e nos server deliciosos petiscos, entre eles uma porção de pernil e outra de pão de queijo. Melhor ainda é misturar as duas num delicioso sanduíche de pernil com pão de queijo! Hmmmmm!!!

Com o Lopes na Cachoeira do Ouro em Delfinópolis - MG

Com o Lopes na Cachoeira do Ouro em Delfinópolis - MG


Depois de tanta conversa, ele nos convida nos mostra a bela cachoeira do Ouro. Um tesouro escondido no meio da mata, água verde-esmeralda, um convite à contemplação. Ele insiste para que nademos mas o tempo urge, infelizmente, e temos de seguir para a próxima parada.

Cachoeira do Zé Carlinhos em Delfinópolis - MG

Cachoeira do Zé Carlinhos em Delfinópolis - MG


É a cachoeira do Zé Carlinhos, uma velha conhecida minha. Só que antes, quano eu vinha aqui, era preciso uma caminhada de 45 min para chegar lá, atravessando o rio numa ponte tipo Indiana Jones. Agora, é a Fiona que passa o rio e nos deixa a 100 metros da cachoeira. Ao contrário da cachoeira do Ouro, ela é bem mais caudalosa e tem uma lago enorme. Uma delícia para nadar. O canyon acima da cachoeira também é um convite à exploração. Vale um dia inteiro só para isso, desde que bem equipado. Algum dia, quem sabe? Hoje, já no final da tarde, o mais sensato foi iniciar o longo caminho de volta, com direito a assistir um incrível nascer da lua, amarelada, gigante. É a décima-quinta lua desde que casamos (também na lua cheia!). Foi emocionante lembrar isso...

Atravessando rio com a Fiona em Delfinópolis - MG

Atravessando rio com a Fiona em Delfinópolis - MG


Para terminar o dia, jantamos num restaurante tradicional de comida caseira, na cidade. É o restaurante da Gerusa, conhecida de todos na cidade. Lá, encontramos outro conhecido das antigas, bem amigo do Guto, o Serjão, que se encantou com e se mudou para Delfinópolis, casando e tendo uma filhinha linda por aqui. Juntos, assistimos todos, embevecidos, a um show de música tradicional, inclusive com a própria Gerusa cantando. Muito jóia mesmo!

O Sejão reforçou o conselho da Mariângela: amanhã, vamos explorar a região do Paraíso Selvagem. Adivinhem as atrações! CACHOEIRAS!!! Muitas cachoeiras. Obaaaa!

Brasil, Minas Gerais, Delfinópolis (P.N. Serra da Canastra),

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Pôr-do-sol em Delfinópolis - MG

De Volta às Minas Gerais

Post seguinte Cachoeira Solitária no Paraíso Selvagem em Delfinópolis - MG

Paraíso Selvagem

Blog da Ana Chegando na 'Casinha Branca' no alto da serra, em Delfinópolis - MG

Vale do Gurita

Comentários (2)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 02/08/2010 | 14:39 por Rodrigo

    Oi karina!

    Queria ver vc colocar a mão lá perto!!!
    He he he
    Beijos

  • 01/08/2010 | 23:43 por Karina

    Por que você não colocou a mão mais perto da aranha? Não deu para comparar... rsrsr
    Que horror!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet