0 Depois do Mergulho, Praias da Infância! - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Depois do Mergulho, Praias da Infância! - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Depois do Mergulho, Praias da Infância!

Brasil, Espírito Santo, Guarapari

Onde as águas se encontram, na praia de Setiba, em Guarapari - ES

Onde as águas se encontram, na praia de Setiba, em Guarapari - ES


Depois de um mergulho mais complicado, nada melhor que aproveitar o sol que brilhava em praias que marcaram nossas infâncias! Ainda mais que elas estavam ali, tão pertinho uma da outra e também do ponto onde mergulhamos.

A praia de Setiba, em Guarapari - ES

A praia de Setiba, em Guarapari - ES


Primeiro, foi a vez de Setiba. Faz tempo que a Ana fala dessa praia. Quando ela tinha uns 10-11 anos, os pais da Ana se encheram de coragem, botaram as três filhas num carro e saíram para uma longa viagem desde o Paraná até Minas, Rio e Espírito Santo. Foi cerca de um mês na estrada e eu vivo ouvindo histórias da Ana sobre trechos e fatos dessa longa viagem. Um dos trechos preferidos foi o litoral capixaba e foi exatamente dessa praia, Setiba, que as meninas mais gostaram. Só que todas elas guardam o trauma de não ter podido nadar aqui porque eles estavam com uma programação mais apurada e tinham se programado para ir a outro lugar. Por mais que insistissem, os pais resolveram continuar. Setiba acabou virando sinônimo de uma praia linda que não pôde ser desfrutada. Quase que a Terra Prometida de Moisés, que nunca chegou lá.

A Ana na praia de Setiba, em Guarapari - ES

A Ana na praia de Setiba, em Guarapari - ES


Vinte anos mais tarde, chegamos à Terra Prometida da Ana, a praia de Setiba. E ela continua uma gracinha mesmo! Do modo que ela tinha descrito, embora com "umas" casas a mais. Em um lado da praia há uma pequena ilha, bem próxima da areia. Tão próxima que acaba virando uma península, unida à praia por uma pequena língua de areia. Este ponto é o mais bonito. As ondas vêm dos dois lados e passam por cima da língua de areia, se encontrando. Muito jóia mesmo. Adoramos! Tanto que ficamos lá o resto do dia. Corremos, nadamos nos dois lados da ponte de areia, exploramos a península/ilha, tomamos uma cerveja pra celebrar. Vidinha bem difícil...

Praia de Setiba, em Guarapari - ES. A Ana é o pontinho ao fundo, nadando.

Praia de Setiba, em Guarapari - ES. A Ana é o pontinho ao fundo, nadando.


Bem no final da tarde, já a caminho de Iriri, no sul, paramos em Guarapari, na famosa, bela e em processo de reurbanização Praia do Morro. Fim de tarde bem bonito, céu meio avermelhado e nós, na praia, nos deliciamos com uma maravilhosa empadinha.

Comendo uma empadinha na Praia do Morro, em Guarapari - ES

Comendo uma empadinha na Praia do Morro, em Guarapari - ES


Eu tinha estado em Guarapari há quase 40 anos!!! É claro que eu não me lembro, pois tinha só um ano de idade. Mas me lembro muito bem das fotos tiradas dessa temporada, do lindo nenê que eu era, disputado pelas irmãs. Fotos em preto e branco emoldurando porta-retratos e álbuns espalhados pela minha casa. Isso acabou tornando a cidade, pelo menos na minha cabeça em formação, uma coisa meio mítica. Seis anos mais tarde, passando uma temporada na pequena Carapebus, um pouco ao norte, eu já era um "adulto", seis anos de idade. Daí sim, tenho muitas lembranças. Inclusive de um passeio que fizemos à Guarapari, para revisitar os lugares que tínhamos frequentado anos antes. Engraçado... quando lembro disso, lembro de já me achar um cara mais velho, experiente. Com seis anos! Hoje, dou risada... Estranho também é pensar que, naquela época, achava os 5 anos que me separavam da outra vez uma eternidade. Nossa, hoje, cinco anos são ontem...

Praia do Morro, em Guarapari - ES

Praia do Morro, em Guarapari - ES


O tempo vai passando e nossas referências, tanto espaciais como temporais, vão mudando. O que era enorme, ficou pequeno. O que era uma eternidade, virou um lapso. Que saudade da minha infância, que lembro tão bem e que saudade da infância da Ana, apesar de não tê-la vivido. Deve ser o sangue português em minhas veias...

Observando os prédios de Guarapari, na praia de Setiba, em Guarapari - ES

Observando os prédios de Guarapari, na praia de Setiba, em Guarapari - ES

Brasil, Espírito Santo, Guarapari, Setiba, Praia do Morro

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Usando a lanterna no mergulho no naufrágio Victory 8B, em Guarapari - ES

Um Mergulho Complicado

Post seguinte Linda amendoeira em frente à igreja de Anchieta - ES

Dia Cinzento, Dia de Eleições

Blog da Ana Onde as águas se encontram, na praia de Setiba, em Guarapari - ES

Setiiiiiba!

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet