0 Carmelo e Nosso Roteiro no Uruguai - Blog do Rodrigo - 1000 dias

Carmelo e Nosso Roteiro no Uruguai - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

Carmelo e Nosso Roteiro no Uruguai

Uruguai, Carmelo

O rio Uruguay, na simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai

O rio Uruguay, na simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai


Começamos hoje nossa viagem pelo Uruguai. Já havíamos entrado no país ao final da tarde de ontem, na cidade de Paysandú, onde estivemos passeando até o meio da manhã de hoje. Foi apenas depois disso que pegamos estrada no país pela primeira vez, o trecho inicial de nossa volta por esse pequeno país ao sul do Brasil. De forma geral, vamos seguir no sentido anti-horário, primeiramente ao longo do rio Uruguay, no oeste do país, depois ao longo das margens do rio da Prata, ao sul e passando pela capital Montevideo, e depois pela costa atlântica, já no litoral leste e seguindo para o norte, rumo ao Brasil.



Apenas hoje estaremos viajando sozinhos. Isso porque amanhã, no aeroporto de Montevideo, vamos pegar dois convidados muito importantes, meus octogenários pais, que viajarão conosco pelas próximas duas semanas, boa parte desse tempo aqui no Uruguai. Nossa ideia é passar alguns dias com eles na capital e depois regressar a Colonia del Sacramento, a joia colonial do país. Aí sim seguiremos ao belo litoral atlântico, viajando desde a internacional Punta del Este até a paradisíaca Cabo Polonio, além de outras pequenas e agradáveis cidades de frente ao mar. A exceção nesse roteiro será uma rápida entrada no interior do país, visitando a região serrana de Minas. Com um nome simpático desses e ainda mais na serra, só pode ser muito interessante!

O rio Uruguay na cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai

O rio Uruguay na cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai


Viajando com meus pais, vamos ter de mudar um pouco alguns hábitos. A principal mudança será quanto aos hotéis. A partir de agora, vamos reservar, pelo menos nos locais mais concorridos. Afinal, não queremos chegar de noite e cansados em algum lugar e ainda ter de encontrar algum quarto para dormir. Fizemos muitas vezes isso em outros países e a principal razão era o fato de não termos uma agenda precisa ou datas pré-definidas para se chegar ou sair de alguma cidade. Preferíamos manter a liberdade de tempo, apesar do risco do perrengue de ter de encontrar algum hotel em cima da hora. Quase sempre deu certo, mas passamos também por algumas chateações. Aqui no Uruguai, acompanhados dos pais e num roteiro de menos de duas semanas, achamos melhor nos precaver e deixar quase tudo marcado.

Parque na orla do rio Uruguay, na cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai

Parque na orla do rio Uruguay, na cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai


O rio Uruguay, na simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai

O rio Uruguay, na simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai


Por isso, ainda hoje, passaremos em Colonia del Sacramento para escolher algum hotel charmoso e com preço razoável. Ainda mais que nossa ideia é voltar lá no fim de semana com os pais, período mais concorrido de turistas. Depois, já de noite, vamos a Montevideo para também já nos garantir por lá pelos próximos dias. Faltará, então, reservar algo em Cabo Polonio. Faremos isso por internet nos próximos dias. Nas outras cidades, creio que não encontraremos dificuldade de encontrar pouso quando chegarmos a elas.

Caminhando pelas ruas da pequena e simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai

Caminhando pelas ruas da pequena e simpática cidade de Carmelo, no sudoeste do Uruguai


Pois bem, nossa primeira parada hoje foi na pequena e simpática Carmelo, pouco mais de 200 km ao sul de Paysandú, no sudoeste do país. Também está na beira do rio Uruguay e, do outro lado do rio, lá está a vizinha Argentina. Aliás, é nesta cidade que se inicia uma das mais belas viagens ao país vizinho. De barco, pelo delta do rio da Prata, chegando aos subúrbios da capital portenha, uma região conhecida como Tigre. Pena que não tivemos tempo de fazer esse passeio, muito recomendado por quem já fez.

O restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país

O restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país


O restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país

O restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país


Carmelo é a única cidade Uruguai que foi fundada pelo herói nacional da independência, General Artigas, e seus habitantes tem muito orgulho disso. É uma cidade pequena, com 20 mil habitantes, super agradável e ainda desconhecida pela maioria dos turistas internacionais. A exceção são os argentinos, os vizinhos, que são quase-nacionais por aqui.

O interior do charmoso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país

O interior do charmoso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país


O interior do charmoso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país

O interior do charmoso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país


Fora da cidade, a principal atração (e atividade!) são as vinícolas. Aqui se produzem os melhores vinhos da variedade tannat, a estrela da mesa no país. Vai ser o vinho que vai nos acompanhar pelos próximos dias! Já dentro da cidade, a melhor coisa a se fazer é passear ao longo do rio (na verdade, um “arroyo”) de Las Vacas, um pequeno afluente do rio Uruguay, que aqui quase já virou o Rio da Prata. Há um parque, muito verde e área de pedestres ao longo do rio. Uma delícia caminhar por ali e observar o movimento de pequenos barcos pelo rio.

Almoçando no delicioso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país

Almoçando no delicioso restaurante Fay-fay, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay, no sudoeste do país


Além disso, outra boa pedida é almoçar na cidade, na praça principal. Lá está o charmoso restaurante familiar Fay Fay. Para quem quiser comer uma boa parrilla, como nós queríamos, não pode haver melhor lugar. Nosso primeiro almoço no país e queríamos algo bem típico para nos esbaldar. N]ao poderíamos ter escolhido lugar melhor. Ainda mais que chovia um pouco do lado de fora, tornando seu interior ainda mais acolhedor. Uma boa (e pequena, para mim, motorista) taça de tannat, uma caminhada para a digestão e estávamos prontos para continuar viagem. Ainda tínhamos de encontrar hotel em Colonia e Montevideo, então, mãos à obra!

Nosso primeiro almoço no Uruguai, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay

Nosso primeiro almoço no Uruguai, na cidade de Carmelo, às margens do rio Uruguay

Uruguai, Carmelo, viagem, comida

Veja todas as fotos do dia!

Faz um bem danado receber seus comentários!

Post anterior A Ana admira um glorioso pôr-do-sol logo na nossa chegada ao Uruguai, na cidade de Paysandú

Uruguai, o Último País dos 1000dias

Post seguinte O charme do centro histórico de Colonia del Sacramento, no sul do Uruguai

Colonia e a Busca por Hotéis

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 29/04/2015 | 10:38 por Dona Helen

    Cidadezinha gostosa essa de Carmelo ! Devíamos ter voltado de Colonia para. conhecê-la .Adoro cidades onde se possa passeR
    beira-rio Me lembra Campos eo Paraíba nos bons tempos .
    Quando não tinham exaurido nem contaminado suas águas .Bj




Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet