0 A Caminho da Laguna de Los Tres - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A Caminho da Laguna de Los Tres - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

A Caminho da Laguna de Los Tres

Argentina, El Chaltén

Admirando a paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Admirando a paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Acordamos hoje para nossa última e maior caminhada na região de El Chaltén, aqui no Parque Nacional Los Glaciares, sul da Argentina. Inclusive, diferentemente das outras duas trilhas que fizemos em que retornávamos à cidade ao final do dia, dessa vez a ideia era dormirmos no próprio parque, acampados. Mas antes de começarmos a caminhar, ainda tínhamos outras coisas para resolver.

Início da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Início da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Admirando a paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Admirando a paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Para começar, estávamos saindo da nossa pousada. Quando chegamos à El Chaltén na noite do dia 14, foi um Deus nos acuda para encontrarmos algum lugar para ficar. Nessa época do ano, a cidade é muito concorrida, há muito mais demanda do que oferta. O clima é muito severo por aqui nos outros meses do ano e a grande maioria dos turistas vem mesmo é no verão. Nós, como sempre, não tínhamos reserva. Como viajamos no próprio carro, sem roteiro e datas engessados, nunca sabemos exatamente quando vamos chegar a algum lugar. Quase sempre, isso é uma vantagem. Mas também passamos uns poucos apertos, como quando a cidade em que chegamos está lotada. Foi o caso aqui de El Chaltén, principalmente quando se chega de noite, depois de um dia intenso e algumas centenas de quilômetros de estrada e ainda não se conhece a cidade. Enfim, procura daqui, procura dali, achamos uma pousada bem legal, mas que só tinha lugar até a manhã de hoje.

A bela paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

A bela paisagem da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


A caminho da Laguna de Los Tres, admirando as montanhas famosas do parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

A caminho da Laguna de Los Tres, admirando as montanhas famosas do parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Na verdade, isso até nos ajudou a definir nossa agenda de caminhadas por aqui, deixando essa para a Laguna de Los Tres em que iríamos dormir no parque por último, encaixada com as noites disponíveis da pousada. Mas além das caminhadas, decidimos também fazer um curso de escalada no gelo em uma das geleiras da região. Ou seja, precisaríamos de mais uma noite por aqui. Com calma e de dia, encontramos um quarto em uma pousada mais simples para a noite de amanhã, quando regressarmos do nosso trekking no parque. Então, nossa primeira atividade do dia foi mudar nossa bagagem de pousada. O quarto ainda não era nosso na manhã de hoje, mas pudemos deixar as mochilas e o carro por lá.

Chegando à Laguna Capri e a caminho da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Chegando à Laguna Capri e a caminho da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Chegando à Laguna Capri e a caminho da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Chegando à Laguna Capri e a caminho da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


A segunda atividade foi justamente fecharmos o tal curso de escalada. Já tínhamos reservado antes, mas faltava pagar e testar os equipamentos que iríamos usar, principalmente as botas da Ana. Eu resolvi fazer o curso com minhas botas mesmo, embora eles não sejam tão rígidas como deveriam ser para uma atividade dessas. Separamos grampões e capacetes para nós, conversamos com alguns guias, marcamos a hora do encontro, enfim, deixamos tudo pronto para a manhã do dia 19. Agora, só faltava combinar com São Pedro para que as condições de tempo fossem favoráveis ou, ao menos, não fossem desfavoráveis.

Com o dia limpo, pode-se ver claramente o Fitz Roy e o Cerro Torre, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Com o dia limpo, pode-se ver claramente o Fitz Roy e o Cerro Torre, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Fitz Roy visto da Laguna Capri, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Fitz Roy visto da Laguna Capri, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


E assim, com tudo acertado, mudamos o foco de nossas cabeças novamente para a caminhada que tínhamos à nossa frente. Ainda não sabíamos como estaria o tempo no dia 19, mas hoje de manhã ele estava absolutamente radiante, muito sol e pouco vento. Perfeito para entrarmos no parque mais uma vez e também para vermos e fotografarmos as montanhas maravilhosas no horizonte.

As principais trilhas feitas a partir de El Chaltén, ao lado do Parque Nacional Los Glaciares, na Argentina

As principais trilhas feitas a partir de El Chaltén, ao lado do Parque Nacional Los Glaciares, na Argentina


Característica das principais caminhadas feitas a partir de El Chaltén, ao lado do Parque Nacional Los Glaciares, na Argentina

Característica das principais caminhadas feitas a partir de El Chaltén, ao lado do Parque Nacional Los Glaciares, na Argentina


A trilha que faremos esses dois dias no parque é, na verdade, uma junção de 3 diferentes trilhas, formando uma espécie de circuito ou loop. No mapa de trilhas que há neste post é fácil ver o caminho. Saímos de El Chaltén, fomos em direção à Laguna Capri e de lá para Poincenot. Foi aí que armamos nossa barraca, mesmo antes de subirmos até a Laguna de Los Tres. Descemos de volta para dormir e, amanhã cedo, enfrentaremos os 400 metros de desnível novamente para voltarmos à Laguna de Los Tres. Voltamos uma última vez a Poincenot para desarmarmos e guardarmos nossa barraca e pegamos a trilha que passa pelas Lagunas Madre e Hija. Essa trilha termina no caminho que leva à Laguna Torre, onde estivemos no dia 16. Finalmente, já com caminho conhecido, regressamos à El Chaltén. Total da brincadeira: uns 35 quilômetros.

Cada vez mais pertos do Fitz Roy, Cerro Torre e Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Cada vez mais pertos do Fitz Roy, Cerro Torre e Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Glaciar Piedras Blancas, visto da Laguna Capri, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Glaciar Piedras Blancas, visto da Laguna Capri, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Bem, começamos a trilha mais tarde do que o normal e por isso, caminhamos praticamente sozinho. Depois do dia nublado que tivemos na caminhada anterior, ver aquele céu azul era um colírio para os olhos. Logo depois de deixarmos a cidade, a trilha começa a subir uma encosta e continua subindo por pouco mais de uma hora. Depois, chegamos em um vale e nele seguimos praticamente no plano, algumas subidas e descidas aqui e ali. Atravessamos alguns bosques de lenga e temos sempre o majestoso Fitz Roy a nossa frente, uma espécie de referência do quanto estamos evoluindo em nossa caminhada. Não só ele, mas as belas e escarpadas montanhas ao seu lado, todas vão ficando cada vez maiores no horizonte. A cada bosque que saímos, lá estão elas, as montanhas, nos dando as boas-vindas. Nunca vou me cansar de repetir: lindas, lindas e lindas!

Encruzilhada importante na trilha da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Encruzilhada importante na trilha da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Pontes improvisadas para cruzar trecho encharcado da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Pontes improvisadas para cruzar trecho encharcado da trilha para a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Pouco depois da metade do caminho até o ponto onde vamos dormir, chegamos à Laguna Capri. Também há um camping nesse local, todos querendo aproveitar a beleza da lagoa e a imagem da cadeia de montanhas refletida em suas águas. Num dia sem vento, seria a foto perfeita. Se ficássemos mais tempo por lá e com esse céu azul como inspiração, talvez eu até tivesse coragem para um rápido mergulho. Mas já era tarde e ainda tínhamos muitos quilômetros pela frente. Então a Laguna Capri ficou para trás enquanto o Fitz Roy continuou a crescer no nosso campo de visão.

Cruzando riacho e quase chegando a Poincerot, local de camping da trilha da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Cruzando riacho e quase chegando a Poincerot, local de camping da trilha da Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Pouco antes de chegarmos a Poincenot está a bifurcação da trilha que faz a ligação com as Lagunas Madre e Hija e o caminho para a Laguna Torre. É o sentido que tomaremos amanhã de tarde. Mas hoje, seguimos para o acampamento, atravessando um terreno alagado onde pequenas pontes de madeira nos ajudavam a cruzar os trechos mais encharcados. Por fim, dentro de um aprazível bosque de lengas, o acampamento Poincenot, onde armamos nossa barraca. É aqui que também ficam todos os alpinistas profissionais que vem ao parque para tentar subir o Fitz Roy ou algum outro pico que faz parte da mesma formação, como o Mermoz ou o Guillaumet. São todas montanhas completamente além das habilidades de simples mortais como nós! Só nos resta admirá-las aqui de baixo, torres de pedra que parecem desafiar a gravidade e tentar chegar aos céus.

Mata de Poincerot, local de camping para quem segue até a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Mata de Poincerot, local de camping para quem segue até a Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Nossa barraca armada no camping de Poincerot, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Nossa barraca armada no camping de Poincerot, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Barraca armada e um tempinho para recuperar o fôlego, partimos para os três quilômetros finais, agora com muito menos peso. Ainda bem, pois esse é o pedaço mais duro dessa trilha. Subimos uma verdadeira pirambeira e ganhamos cerca de 400 metros de altitude, tudo isso no quilômetro final da trilha. Nessa escadaria montanha acima cruzamos muita gente descendo, pois éramos praticamente os últimos do dia. Foi aqui que, poucos dias atrás, o Helder e a Lilian, os Nerds Viajantes, tiveram de desistir antes de chegar no alto. O famoso vento patagônico apareceu e era tão forte que chegava a derrubar as pessoas. O Helder seguiu o quanto pôde, mas as pessoas que desciam o desaconselhavam a continuar. Por fim, quase lá no alto, uma rajada mais forte fez ele ver que realmente deveria descer.

Lagunas Madre e Hija no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Lagunas Madre e Hija no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina


Ele tinha contado essa história para nós quando nos encontramos em El Chaltén, dois dias atrás. Então, já estávamos psicologicamente preparados e eu havia decidido que apenas um furacão me faria desistir. Mas não teve nada disso não. Tudo estava calmo e a nossa única dificuldade era mesmo a própria subida, os ziguezagues e degraus que não acabavam mais. Com o fim do dia se aproximando, decidi acelerar e me separar da Ana. Eu queria chegar lá encima ainda com luz para fotografar.

O sol se esconde atrás dos paredões de pedra na Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

O sol se esconde atrás dos paredões de pedra na Laguna de Los Tres, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Argentina, El Chaltén, trilha, Parque, Montanha, Patagônia, Fitz Roy, Parque Nacional Los Glaciares, Laguna Capri

Veja todas as fotos do dia!

Quer saber mais? Clique aqui e pergunte!

Post anterior As nuvens cobrem o Cerro Torre, no Parque Nacional Los Glaciares, em El Chaltén, na patagônia argentina

O Cerro e a Laguna Torre, Morenas e o Tombo

Post seguinte Sem vento, a Laguna de Los Tres se transforma em um espelho, no parque Los Glaciares, região de El Chaltén, no sul da patagonia argentina

Duas Vezes na Laguna de Los Tres

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet