0 1000dias no Espaço - Blog do Rodrigo - 1000 dias

1000dias no Espaço - Blog do Rodrigo - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

Arquitetura Bichos cachoeira Caverna cidade Estrada história Lago Mergulho Montanha Parque Patagônia Praia trilha vulcão

paises

Alaska Anguila Antártida Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Falkland Galápagos Geórgia Do Sul Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Islândia Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Uruguai Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Rio De Janeiro Há 2 anos: Rio De Janeiro

1000dias no Espaço

Estados Unidos, Califórnia, Mojave

Nave experimental no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos

Nave experimental no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos


O caminho entre o parque das sequoias e o Death Valley era longo e tínhamos de achar um lugar no meio do caminho para quebrar a viagem, principalmente tendo saído já no final da manhã. O lugar escolhido foi o deserto de Mojave, conhecido pelo vento que nunca para e pelas bases aéreas e espaciais. Aqui, por exemplo, é o lugar onde pousavam os ônibus espaciais quando o tempo na Flórida estava muito ruim.
Já chegando lá perto, pudemos observar os milhares de moinhos de vento espalhados pelas encostas tentando aproveitar a força ininterrupta da energia eólica. Bom para os humanos, ruim para os pássaros. Acho que eles preferem a boa e velha energia hidráulica mesmo. Ou a nuclear ou a térmica. Tudo menos a eólica. Os morcegos concordam com eles, hehehe!

Milhares de moinhos aproveitando o vento que nunca para em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos

Milhares de moinhos aproveitando o vento que nunca para em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos


Mas não foi isso que nos atraiu à Mojave, não! A história é outra. Sou de uma geração em que a corrida espacial estava no auge. Nasci no ano da chegada do homem à lua e quando era criança, todos os livros e adultos eram unânimes em afirmar que, antes que eu virasse adulto, o homem teria chegado à Marte e que existiriam hotéis no espaço. Era uma verdade inquestionável e apenas uma questão de (pouco!) tempo para virar realidade.

Milhares de moinhos aproveitando o vento que nunca para em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos

Milhares de moinhos aproveitando o vento que nunca para em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos


Que nada! A corrida espacial freou e deu marcha à ré. Nem na lua chegamos mais. E eu, que tinha certeza que um dia flutuaria num mundo sem gravidade, tristemente passei a aceitar o fato que nasci uma ou duas gerações antes da hora.
Mas, uma nova esperança apareceu no ar. Ou no espaço! Na década passada uma organização ofereceu 10 milhões de dólares à primeira empresa privada que conseguisse mandar alguém para o espaço e, uma semana depois, mandá-la novamente, usando a mesma nave. Cientistas malucos do mundo inteiro se animaram e passaram a concorrer pelo prêmio, pelas glórias e pelo bilionário mercado que se abriria em seguida. Acabou ganhando um Professor Pardal aqui de Mojave, um cientista chamado Burt Rutan, financiado por ninguém menos que Paul Allen, o número 2 da Microsoft. Um avião estranho chamado SpaceShip 1 levou uma espécie de foguete, o White Knight 1, até 15 km de altura e esse disparou até 100 km de altura, levando seu piloto ao espaço e à ausência de gravidade por uns 3 minutos. Depois, foi só planar de volta para Mojave.

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço (no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço (no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)


Daí para a próxima geração foram mais alguns anos de trabalho. No final de 2012, ou provavelmente à partir de 2013, essa nova tecnologia começará a levar turistas para o espaço. Vários passageiros em um mesmo avião, tudo pelo módico preço de 250 mil dólares. Agências do mundo inteiro já vendem a viagem, inclusive no Brasil. Dizem que alguns conterrâneos nossos já até pagaram, mas os nomes são mantidos em segredo. Pelo menos por enquanto.

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço, com patrocínios de grandes empresas (em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço, com patrocínios de grandes empresas (em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)


Eu, se tivesse o dinheiro, não pensaria duas vezes. Mas, queria mesmo era ser ainda mais rico e pagar 100 vezes mais do que essa “miséria” de 250 mil dólares e ir passar uma semana na Estação espacial Internacional. Coisa para gente bacana, que enriqueceu com a internet ou com o Cirque de Soleil, para citar alguns dos felizardos. Uma semana lá encima... nossa!, que sonho!!!

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço (no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)

O Space Ship 1, avião para levar turistas ao espaço (no aeroporto de Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos)


É, por enquanto, vou matando minha vontade viajando pela América mesmo, aqui pertinho. E aproveitando para passar em Mojave e dar uma olhada no SpaceShip 1. Mas, a esperança é a última que morre. Dizem que essa viagem de 3 min ao espaço custará 10 vezes menos daqui a alguns anos. Quem sabe, outros anos mais e custe apenas um centésimo. Aí sim poderei ir. Já a viagem de uma semana, essa aí, acho que vai ficar para os filhos e netos. É nessa hora que gosto de acreditar em reencarnação...

Estados Unidos, Califórnia, Mojave, Estrada

Veja todas as fotos do dia!

Gostou? Comente! Não gostou? Critique!

Post anterior Junto a um imponente grupo de enormes sequoias no Sequoia National Park, na Califórnia - EUA

Caminhando entre Gigantes

Post seguinte Chegando ao Red Rock Canyon State Park, perto de Mojave, na Califórinia - EUA

State Parks

Blog da Ana Milhares de moinhos aproveitando o vento que nunca para em Mojave, na Califórnia, nos Estados Unidos

Mojave e o Spaceship One

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 18/04/2012 | 08:31 por gabebritto

    Que massa! =)

    Resposta:
    Joia!

    Sabia que vc iria gostar do post!

    O negócio é viver bastante para conseguirmos chegar até a época em que dar um pulinho no espaço não seja tão caro...

    Abs

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet