0 Salvem as Redwoods! - Blog da Ana - 1000 dias

Salvem as Redwoods! - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Salvem as Redwoods!

Estados Unidos, Califórnia, Crescent City

Impressionada com o tamanho de uma das redwoods do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Impressionada com o tamanho de uma das redwoods do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


As Redwoods são as árvores mais altas do mundo, podendo atingir mais de 100m de altura, o equivalente a um prédio de 30 andares! Elas são tão altas que não conseguimos enxergar o topo da árvore! Lá no alto, em sua copa, vivem salamandras e minhocas, arbustos e até outras árvores como a imensa sitka spruce.

Prestando reverência às redwoods com 100 metros de altura no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Prestando reverência às redwoods com 100 metros de altura no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


Estas gigantes só podem ser encontradas aqui na costa da Califórnia e são as únicas representantes de uma floresta que um dia cobriu todo o hemisfério norte. Não se sabe ao certo por que deixaram de existir em outros lugares, mas sabe-se que dos mais de 8 mil km2 de florestas de redwoods que existiam na costa oeste, foram desmatadas 95%, restando apenas 473 km2. 77% das redwoods existentes hoje estão protegidas, os outros 23% ainda podem ser derrubadas, pois estão em propriedades privadas ou florestas nacionais.

Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


Comparadas com as gigantes sequoias, as redwoods são finas e altas. As sequoias ganham em volume, com troncos muito mais grossos, porém as primas do litoral as ultrapassam em altura. Curioso é que olhando de fora as sequoias é que são vermelhas, enquanto as redwoods (literalmente “madeira vermelha”) tem a casca marrom acinzentada. Sua casca chega a 30cm de espessura e é a sua principal protetora, resistente a insetos, fungos e até a incêndios.

O 'pequeno' tronco de uma redwood, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

O "pequeno" tronco de uma redwood, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


As folhas de uma redwood, uma sequoia e uma 'parente' chinesa, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

As folhas de uma redwood, uma sequoia e uma "parente" chinesa, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


As redwoods se desenvolvem melhor em vales e planícies úmidas, ao lado de rios ou locais que sofrem inundações, pois além de receber uma grande quantidade de água, elas estão mais protegidas do vento salgado que sopra do Pacífico. Quanto mais elevado ou seco o terreno, menores são as árvores, que então crescem até a média de 60m de altura.

Um magnífico exemplar de Redwood, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Um magnífico exemplar de Redwood, no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos



História
Durante a colonização da costa oeste a madeira era matéria prima fundamental para a sobrevivência dos que chegavam. Construção de casas, barcos, aquecimento, preparo de alimentos, enfim, ela era usada para tudo. As Redwoods logo ficaram conhecidas por sua durabilidade e maleabilidade, sem falar na quantidade de madeira que uma única árvore fornecia. Em 1849 o ouro foi descoberto na Califórnia e isso acelerou ainda mais o processo de devastação das florestas de Redwoods, que se tornavam um material ainda mais caro na mão das madeireiras. Em 1853, nove serralherias estavam em funcionamento em Eureka. A fraude na ocupação de terras públicas era comum, passando as áreas para domínio particular sem o conhecimento do estado e desaparecendo com imensas florestas das árvores gigantes.

Trilha no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Trilha no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


O desaparecimento das redwoods começou a preocupar parte da população e principalmente a comunidade científica da época. As árvores, além da sua beleza natural, eram um dos mais vigorosos links com o passado. Algumas delas chegam a mais de 2.000 anos de idade, tão antigas quanto o Império Romano! Assim, no ano de 1918, surgiu a Save the Redwoods League, uma organização sem fins lucrativos que através de doações e alianças com o estado conseguiu adquirir as terras para protegê-las. A maioria dos bosques de redwoods adquiridos está na costa norte da Califórnia, foram mais de 100 mil acres comprados entre 1920 e 1960, hoje transformados nos Parques Estaduais Jedediah Smith, Del Norte Coast, Prairie Creek e Humboldt Redwoods State Park.

Uma das maiores redwoods no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Uma das maiores redwoods no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


A área é uma imensa colcha de retalhos de áreas preservadas entre parques estaduais e nacionais, formando o Redwoods National and State Parks. Os heróis da Liga Salvem as Redwoods continuam seus trabalhos até hoje e administram as áreas em conjunto com o parque nacional.

Roteiro


Rota Redwoods

Vindos do Oregon, foi pelo Jedediah Smith State Park que começamos a nossa visita. Uma estradinha de terra com pouco menos de 20 km cruza o parque entre as árvores gigantes, que guardam silenciosas o tempo e as histórias que presenciaram por mais de um milênio.

A Fiona fica minúscula perto das árvores gigantes do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

A Fiona fica minúscula perto das árvores gigantes do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


Na primeira noite na região dormimos em Crescent City, uma cidade com várias opções de acomodações, Inns, B&Bs e os mais insossos, mas práticos, motéis americanos. Foi em um desses que dormimos depois de assistir à emocionante apuração dos votos da eleição americana na CNN. Dá-lhe Obama!

Litoral em Crescent City, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Litoral em Crescent City, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


No dia seguinte rumamos ao sul passando pelo Del Norte Coast Redwoods State Park e fizemos algumas trilhas no Prairie Creeke no Humboldt Redwoods State Park, onde encontramos os maiores e mais antigos exemplares das árvores. O Lady Bird Johnson Grove possui uma das trilhas mais populares da região, quase toda plana, de fácil acesso e belíssima! Este bosque foi nomeado em homenagem à primeira dama americana que lutou por causas ambientais.

Caminhada no parque das árvores gigantes, o Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Caminhada no parque das árvores gigantes, o Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


As medidas de uma das redwoods do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

As medidas de uma das redwoods do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


Aproveitando ainda a última hora de luz, fizemos um detour para um mirante na Patrick J. Murphy Memorial Drive. O mirante está exatamente acima da foz do rio Klamath, onde está a Klamath Beach e uma bela vista do Pacífico!

Fim de tarde numa linda praia no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Fim de tarde numa linda praia no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


O sol dourava o mar no fim de tarde enquanto nossos olhos ávidos tentavam encontrar as baleias cinzentas. As Baleias Cinzentas migram por mais de 16 mil km ido e vindo entre o México e o Alasca, passando pela costa da Califórnia. A melhor época para encontrá-las por aqui é entre os meses de Dezembro e Janeiro e depois entre Março e Abril.

Encontro do rio com o mar no litoral do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Encontro do rio com o mar no litoral do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


Finalmente chegamos a Arcata, cidade alternativa de democratas felizes pela eleição do Obama. A praça central lembra as cidades de colonização espanhola, diferente da maioria das cidades americanas. Jantamos no japonês da praça e ainda tomamos a Guinnes mais baratas da viagem, no bar e pizzaria perto do nosso motel, 2 dólares por pint!

Elks machos treinam suas habilidades de luta no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Elks machos treinam suas habilidades de luta no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos


No dia seguinte, ainda antes de seguirmos viagem, conseguimos encontrar o casal da Lost World Expedition, Luis e Lacey, americanos que estão rodando as Américas morando na sua Toyota Landcruiser 1987. Hoje o carro está no Chile, enquanto o casal aproveitou a viagem de visita à família, para dar uma trabalhadinha antes de continuar a viagem.

Encontro com o casal da expedição Lost World, em Arcata, na Califórnia, nos Estados Unidos

Encontro com o casal da expedição Lost World, em Arcata, na Califórnia, nos Estados Unidos


Nos encontramos no café mais gostoso da cidade e obviamente o papo se estendeu, com muitas histórias para contar, truques e perrengues para compartilhar. Eles retornam para o Chile no começo de Dezembro e logo logo estarão chegando ao Brasil! Como eles estão com menos pressa, espero ainda encontrá-los aí pela América do Sul. Boa viagem amigos!

Fim de tarde em mirante para ver baleias cinzentas no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Fim de tarde em mirante para ver baleias cinzentas no Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Estados Unidos, Califórnia, Crescent City, Arcata, Redwoods National Park, Jedediah Smith State Park, Redwoods

Veja todas as fotos do dia!

Comentar não custa nada, clica aí vai!

Post anterior As fantásticas cores de Outono nas ruas de Ashland, no sul do Oregon, nos Estados Unidos

Ashland de Shakespeare

Post seguinte Por detrás das nuvens aparece o gigantesco Mount Shasta, com mais de 4.300 metros de altitude, na Califórnia, nos Estados Unidos

Mt. Shasta: a Montanha Sagrada

Blog do Rodrigo Caminhada entre as árvores gigantes do Redwood National Park, no norte da Califórnia, nos Estados Unidos

Entre as Árvores Gigantes

Comentários (2)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 26/11/2012 | 23:42 por suzana Gabriela

    Tão fantásticas como as Samaúmas.


    maravilhosas

    Resposta:
    Eu queria ter o poder de colocá-las uma do lado da outra, já imaginou? A grandeza dessas árvores já é única, juntas então? Duelo de gigantes! rs!

  • 26/11/2012 | 08:45 por Oscar | MauOscar.com

    Não preciso nem falar que amei este Post né?!

    Resposta:
    É Oscar, vou te contar que tenho uma paixão especial por árvores e florestas também! rs! =) E eu não preciso nem falar que morro de vergonha da demora na resposta, né? A correria aqui está imensa, mas tenho acompanhado suas novas peripécias aí na Nova Zelândia! Muito obrigada, manda um beijão para o Mau e espero nos vermos em breve!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet