0 Potosí - Blog da Ana - 1000 dias

Potosí - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Potosí

Bolívia, Potosí

No alto da torre da Catedral, em Potosí - Bolívia

No alto da torre da Catedral, em Potosí - Bolívia


Postosí nasceu em 1545 meio à exploração das minas de prata do Cerro Rico. Durante dois séculos foi a cidade mais rica e importante do Império Espanhol na América Latina.

A cidade de Potosí - Bolívia, ao pé do Cerro Rico

A cidade de Potosí - Bolívia, ao pé do Cerro Rico


Em um cenário de escravidão, onde africanos e indígenas sofreram nas mãos dos colonizadores, a cidade também passava por um processo de aculturamento, onde o desenvolvimento da arquitetura colonial e a cena das artes resplandecia no altiplano Boliviano. As ruas eram pavimentadas com prata, mansões e igrejas ornamentadas davam formas à cidade que hoje se tornou Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco.

A bela fachada da igreja de San Lorenzo, em Potosí - Bolívia

A bela fachada da igreja de San Lorenzo, em Potosí - Bolívia


Hoje estas pérolas da arquitetura colonial foram restauradas e abrigam diversos museus, como o Convento São Francisco, ou o Museu e Convento Santa Teresa, ambos no centro da cidade. A Casa da Moeda, que antes cunhava as moedas do reino feitas com o metal extraído, hojefoi transformada em um dos melhores museus da Bolívia.

Convento São Francisco, em Potosí - Bolívia

Convento São Francisco, em Potosí - Bolívia


Na Praça Central visitamos a Catedral, que está passando por uma longa reforma. As imagens em restauração mostram ícones da maçonaria, presente não apenas na construção das igrejas da época, como dentre os grandes líderes que mais tarde formaram a nova república. Os Generais Simón Bolívar, San Martín, na Argentina e outros grandes personagens da história mundial faziam parte das ordens maçônicas. Um órgão afinadíssimo de nada mais nada menos que 3 toneladas foi trazido da Alemanha, doado por um dos Barões do Estanho.

Restauração da parte interna da Catedral em Potosí - Bolívia

Restauração da parte interna da Catedral em Potosí - Bolívia


O ponto alto, literalmente, é a visita ao Campanário da Igreja de onde temos uma vista 360° da cidade de Potosí. Ele é formado por 5 sinos, 4 menores ao redor feitos de estanho e o principal, feito de estanho e ouro, conhecido por produzir o som mais puro, as melhores e mais altas badaladas de toda a Bolívia, podendo ser ouvido há mais de 30 km.

A torre do relógio da CAtedral em Potosí - Bolívia

A torre do relógio da CAtedral em Potosí - Bolívia


Nosso guia nos surpreendeu com a qualidade das informações e bom humor, tornando o tour à catedral uma passagem obrigatória.

Com nosso ótimo guia da Catedral de Potosí - Bolívia

Com nosso ótimo guia da Catedral de Potosí - Bolívia


Mesmo sob temperaturas próximas a zero, a cidade não perde a sua vivacidade. Próximo à Catedral está o Mercado Central, super movimentado mesmo durante a noite. No momento “gastronomia” resolvemos explorar também a culinária local e ver o que existe além dos “pollos com papas” (frangos com batata frita).

Venda de pão nas ruas de Potosí - Bolívia

Venda de pão nas ruas de Potosí - Bolívia


Fomos ao Restaurante El Mesón e provamos a deliciosa carne de llama, preparada em medalhões e cobertas com um molho vermelho bem concentrado, provavelmente de tomate e ervas. Acompanhavam arroz, legumes e batata cozidos. Delicioso! Para acompanhar, um bom vinho boliviano vindo da região de Tarija. Mais uma vez voltamos ao hotel bem impressionados com a riqueza cultural e turística que nos apresenta esta nova Bolívia.

A torre do relógio da CAtedral em Potosí - Bolívia

A torre do relógio da CAtedral em Potosí - Bolívia

Bolívia, Potosí, Cerro Rico, Catedral

Veja todas as fotos do dia!

A nossa viagem fica melhor ainda se você participar. Comente!

Post anterior Entrando na Mina Rosário, em Potosí - Bolívia

Cerro Rico, Potosí

Post seguinte Lhamas caminham ao lado da estrada, em Potosí - Bolívia

El ojo del Inca

Blog do Rodrigo A cidade de Potosí - Bolívia, ao pé do Cerro Rico

Passeando em Potosí

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet