0 Névoa nos Ausentes - Blog da Ana - 1000 dias

Névoa nos Ausentes - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Névoa nos Ausentes

Brasil, Rio Grande Do Sul, São José dos Ausentes

A Ana caminha pela neblina nos campos mais altos do estado do Rio Grande do Sul, na região de São José dos Ausentes

A Ana caminha pela neblina nos campos mais altos do estado do Rio Grande do Sul, na região de São José dos Ausentes


São José dos Ausentes é uma cidadezinha do Rio Grande do Sul, a mais fria do estado. Durante esta semana fria e úmida. A Rádio Nevasca de São Joaquim está anunciando neve para domingo pela manhã e geada na segunda-feira cedo. Olhando para fora da janela não é difícil de acreditar, pois está tudo completamente branco, mal conseguimos enxergar o galpão que fica há 50m da casa principal.

Hotel Fazenda Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS

Hotel Fazenda Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS


Não foi a toa que a cidade foi assim batizada. Nos tempos da colônia tentaram ocupar a região, um dos maiores latifúndios da região sul. Foi construída uma vila com uma pequena igreja, que depois de alguns invernos rigorosos foram abandonados pelos seus moradores. “Naquela época o frio era ainda mais intenso do que nos tempos de hoje”, nos conta o Seu Domingos, proprietário da pousada.

Lareira acolhedoura do hotel Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS

Lareira acolhedoura do hotel Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS


Abandonada, a terra dos “ausentes” foi levada a leilão por três vezes, até que o Seu José Antônio Manuel Velho arrematou-a e passou a desenvolver atividades pecuárias no local. Anos depois Manuel Velho foi morto em uma emboscada, tiro de fuzil e luneta há 3 mil metros de distância, atingido na copa do chapéu. Existe até um poema com 123 versos que conta a sua história, a ser resgatado pelo Seu Domingos.

Na beira do canyon Monte Negro em dia de muita neblina na região de São José dos Ausentes - RS

Na beira do canyon Monte Negro em dia de muita neblina na região de São José dos Ausentes - RS


Afinal, além de frio, o que viemos procurar em São José dos Ausentes? Fácil, aqui começa a região dos “perais de serra”, os tão famosos cânions do Rio Grande do Sul. Há apenas 5 km da pousada ficam o Cânion e o Pico do Monte Negro, ponto mais alto do estado.

Placa indicativa do Pico do Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS

Placa indicativa do Pico do Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS


Em um dia tão fechado de cerração não se pode avistar nada, mas ainda assim o Rodrigo decidiu sacudir a poeira e dar uma “corridinha” até o cânion. Foram 10 km de corrida, ida e volta, e eu fui atrás como equipe de terra, levando luvas, casacos, gorros e tudo que pudessem salvar meu marido de uma hipotermia.

Correndo num fim de tarde fantasmagórico nos campos de altitude, na região de São José dos Ausentes - RS

Correndo num fim de tarde fantasmagórico nos campos de altitude, na região de São José dos Ausentes - RS


No cânion não pudemos enxergar absolutamente nada. Só deixamos a nossa imaginação criar o desenho do tal cânion que nos disseram existir ali na frente. Na trilha, enquanto eu procurava o Rodrigo gritando o seu nome, o ouvia responder perto, mas não conseguia enxergá-lo. O cenário dos campos de araucárias cobertos de neblina nos transportava ao filme “A Bruxa de Blair”, sinistro!

Paisagem nublada e gelada na região de São José dos Ausentes - RS

Paisagem nublada e gelada na região de São José dos Ausentes - RS


Retornamos ao nosso Hotel Fazenda (e Spa de Engorda) Monte Negro. Uma rodada de chimarrão e pinhão assado no fogão à lenha abrem o nosso apetite todas as noites. Aí vem a deliciosa comida gaúcha, churrasquinho, comida tropeira e saladas ali da horta. Com toda essa comida boa e tempo chuvoso, realmente fica difícil mantermos a forma. Amanhã o tempo promete abrir e a previsão continua de neve para domingo, veremos!

Com a família proprietária do Hotel Fazenda Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS

Com a família proprietária do Hotel Fazenda Monte Negro, na região de São José dos Ausentes - RS

Brasil, Rio Grande Do Sul, São José dos Ausentes, Estrada do Monte Negro

Veja mais posts sobre Estrada do Monte Negro

Veja todas as fotos do dia!

Comentar não custa nada, clica aí vai!

Post anterior Araucária, árvore típica na região de Urubici - SC

Rota da Neve

Post seguinte Observando o mar de nuvens que preenche o canyon Monte Negro, em São José dos Ausentes - RS

Monte Negro

Blog do Rodrigo Correndo num fim de tarde fantasmagórico nos campos de altitude, na região de São José dos Ausentes - RS

Correndo nas Nuvens

Comentários (2)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 06/07/2011 | 02:34 por Luiz Miranda

    Mas agora vcs estão branquinhos de novo!
    Aqui é o Guto (Ponta do Mutá - Barra Grande).
    Vira e mexe penso aonde vcs estão. Que tudo esteja bem com vcs!
    Beijão Ana! Manda um abraço pro Rodrigo e pra Fiona!

    Resposta:
    Oi Guto! Eu tb sempre lembro daquele seu aniversário, luau, fogueirinha, música boa, foi demais! Nós depois de tanto sol estamos nos adaptando novamnete ao frio, brrr! É até estranho ficarmos tantos dias sem banho de cachoeira ou praia... hahaha! Beijos pra Carol tb! Bjão! Ana

  • 04/07/2011 | 15:03 por Celso Eduardo

    Aposto que vocês já estão com saudades de dar aquele mergulho em uma cachoeira...

    Resposta:
    Nem me fale Celso! E eu que estava ficando enjoada de cachoeiras, não podemos reclamar nunca mesmo! rsrs! Beijos

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet