0 Meu Paraná - Blog da Ana - 1000 dias

Meu Paraná - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Meu Paraná

Brasil, Paraná, Castro, Ponta Grossa

Moinho, símbolo da holandês, em Castrolanda, distrito de Castro - PR

Moinho, símbolo da holandês, em Castrolanda, distrito de Castro - PR


Quanto mais perto de Curitiba estamos, mais estranho parece fazer turismo. Já me sinto em casa, já vim aqui em algum momento e tudo isso já faz parte da minha história. Ao mesmo tempo em que quero ver como tudo evoluiu e olhar para todos estes lugares com olhos turísticos, quero ir embora correndo, matar as saudades da família que está tão próxima.

Igreja Evangélica Reformada, em Castrolanda, distrito de Castro - PR

Igreja Evangélica Reformada, em Castrolanda, distrito de Castro - PR


A primeira vez que vim à Castrolanda eu tinha uns 10 anos, em uma excursão da escola. Lembrava que era uma comunidade de imigrantes holandeses que formaram uma cooperativa. Havia um moinho em uma pracinha e ao redor algumas lojinhas onde podíamos comprar doces e comidinhas típicas.

Moinho, símbolo da holandês, em Castrolanda, distrito de Castro - PR

Moinho, símbolo da holandês, em Castrolanda, distrito de Castro - PR


Hoje chegamos lá e encontramos uma pequena cidade formada em torno da cooperativa. Porém o pequeno moinho foi substituído por um novo e imenso moinho, construído em 2001 como marco comemorativo dos 50 anos da Castrolanda. As fazendas no entorno estão mais organizadas, modernas.

Paisagem rural no interior do Paraná, região de Tibagi

Paisagem rural no interior do Paraná, região de Tibagi


A fábrica cresceu, são mais de 700 cooperados e outros 700 colaboradores, possui 6 unidades que formam o complexo, batata frita, sementes, rações, leite, etc. Infelizmente passamos por aqui naquele fatídico dia, segunda-feira: dia dos “sem-museu” e do “não-turismo”. Caminhamos pelas ruas, tiramos fotos, mas o museu dos imigrantes estava fechado, assim como a lojinha com os quitutes que eu bem lembrava.

Entrada do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

Entrada do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR


Seguimos viagem para outro ponto do eco-turismo paranaense, ainda pouco conhecido por muitos, mas ainda assim já bem explorados pela turma da farofa dos arredores, o Buraco do Padre. Uma formação arenítica escavada pelo rio Quebra-Pedra, é uma furna que possui uma fenda de acesso lateral e uma trilha que nos leva ao topo do buraco.

Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR


O rio forma uma magnífica cachoeira no seu interior, lugar úmido e esverdeado pelos musgos que recobrem as paredes. No verão um banho de rio é refrescante, mas no inverno, além da escalada técnica, podemos nos contentar apenas em estar dentro de um santuário natural como este.

Venerando a cachoeira do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

Venerando a cachoeira do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR


O Buraco do Padre tem um espaço especial na minha vida de aventureira. Foi aqui que fiz o meu primeiro rapel! Eu tinha 13 anos recém completados e vim para uma atividade com o grupo escoteiro. Recebemos o treinamento básico, nos engatamos no mosquetão, oito e cordas e quando vi eu estava pendurada a 50m de altura, em meio a uma furna, mais alta que a cachoeira, pendurada em um lugar que pertence apenas às andorinhas que vivem ali. Uma adrenalina, misturada com aquela sensação de comunhão com a natureza, foi sensacional! Os chefes escoteiros não imaginavam que ali, estavam forjando em mim uma paixão que iria me acompanhar por toda a vida.

Paredão próximo ao Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

Paredão próximo ao Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR


Além disso, adoooro levar o Rodrigo a lugares que ele não conhece. Ele já havia estado lá, mas não conhecia a trilha para o alto do buraco, as quedas d´água e os pontos de escalada, sem falar da vista dos Campos Gerais. Estes são passeios rápidos, há apenas 1h30 de Curitiba e que pode agradar a todos. Mais um capítulo das belezas do Meu Paraná!

A bela região do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

A bela região do Buraco do Padre, próximo à Ponta Grossa - PR

Brasil, Paraná, Castro, Ponta Grossa, cachoeira, Buraco do Padre, Castrolanda

Veja todas as fotos do dia!

Participe da nossa viagem, comente!

Post anterior Canyon formado pelo rio Iapó, um dos maiores do mundo, no P.E do Guartelá, região de Tibagi - PR

Cânion Guartelá

Post seguinte Bela araucária no Vale do Matutu - MG

Chegando em casa

Blog do Rodrigo Cada vez mais linda, a sobrinha Luiza está quase com 1 ano (em Curitiba - PR)

Chegada em Curitiba

Comentários (1)

Participe da nossa viagem, comente!
  • 20/06/2011 | 18:36 por Patrícia

    Oi Ana,
    Cheguei por acaso no seu blog, quando procurava blogs sobre Guarapari-ES e fiquei encantada com a sua viagem acompanhada do Rodrigo e Fiona.
    Depois de dois dias direto, li e vi todo o blog, desde a partida rumo a todas essas cidades e lindos lugares que vocês visitaram. É claro que me deliciei com a sua visão de Guarapari, São Vicente-SP e Ilha Grande em Angra dos Reis-RJ, cidades que conheço e amo de paixão!
    Parabéns pela aventura e pela ideia de compartilhá-la!

    Beijos e Boa Viagem!!

    Resposta:
    Olá Patrícia! Sem dúvida a visão de uma viajante "passageira" é bem diferente de quem vivenciou estes lugares desde a infância. Além das boas memórias você deve ter boas dicas para nos passar de lá! Obrigada e bem vinda aos 1000dias! Beijos!

Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet