0 Granville Public Market - Blog da Ana - 1000 dias

Granville Public Market - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Granville Public Market

Canadá, Vancouver

Para quem acha que as abóboras são todas laranjas (Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá)

Para quem acha que as abóboras são todas laranjas (Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá)


Granville foi o nome da vila hoje conhecida como Vancouver até o ano de 1886. Deste nome restou apenas uma avenida, a principal do centro, que batizou uma ilha, que por sua vez batizou o mercado municipal.

Chegando ao Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Chegando ao Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


A ilha não passava de um pontal de areia no False Creek até 1893, foi apenas em 1915 que a região foi selecionada para se tornar a área industrial da cidade. A área foi aterrada, recebeu uma estrada e uma linha de trem que a ligavam ao continente. O nome “Industrial Island” nunca pegou, sendo carinhosamente apelidada pela população de Granville Island, nome da rua que cruzava sobre ela.

Ponte sobre a ilha de Granville, em Vancouver, no Canadá

Ponte sobre a ilha de Granville, em Vancouver, no Canadá


Várias indústrias de manufaturas ocuparam o local, a primeira delas foi a B.C. Equipment, onde hoje está localizado um dos lugares mais especiais na metrópole de Vancouver, o Granville Public Market. Na década de 70 ela passou por um projeto de reurbanização e revitalização que custou mais de 19 milhões de dólares. A área industrial que estava praticamente abandonada se transformou e recebe visitantes locais e turistas em busca de um comércio especializado, produtos frescos e boa gastronomia.

Novo e suculento carregamento chega ao Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Novo e suculento carregamento chega ao Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Para quem gosta de cogumelos, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Para quem gosta de cogumelos, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


As pequenas ruas ao redor do mercado são lotadas de lojinhas, bistrôs, pâtisseries, galerias de arte e o que mais imaginar. O mercado é um deleite aos 4 sentidos! A visão fica atormentada com tantas cores, frutas e novidades. King e box crabs em um aquário ou a cor-de-rosa dragon fruit, que mais parece uma lichia gigante, misturada com kiwi psicodélico.

Para quem gosta de comer caranguejo, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Para quem gosta de comer caranguejo, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Tocar, apalpar, cheirar e sentir a textura das frutas, legumes, verduras e flores são parte essencial de um dia de feira. O olfato se atiça ainda mais ao passar pela praça de alimentação, os pães, os doces, as vitrines com as dezenas de tipos de queijos e pastas italianas são de babar!

Para quem gosta de queijos, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Para quem gosta de queijos, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Para quem gosta de berries, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Para quem gosta de berries, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Nos deu vontade de morar aqui só para poder voltar a este mercado todos os sábados, almoçar, passear, escolher um vinho ou algumas das especiarias para deleitar o nosso paladar num domingo chuvoso. Almoçamos na praça de alimentação, eu em um bistrô por quilo, conceito bacaníssimo, com carnes, linguiças e salsichas artesanais maravilhosas, acompanhadas de legumes e batatas preparados à perfeição! Músicos se revezam nas esquinas e praças do mercado, fazendo a trilha sonora do ambiente no tom e volume ideais.

Passeando pelo fascinante Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Passeando pelo fascinante Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Para quem gosta de pães, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Para quem gosta de pães, Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá


Lá fora a vista para os prédios do downtown, alguns com suas marinas privadas. Barcos sob a ponte da Granville Avenue, alguém chega ao mercado no seu caiaque para fazer compras, enquanto um bando de gaivotas ataca a família que saía feliz com suas bandejas para almoçar. O sol aparece, figura rara que finalmente deu o ar da graça aos vancouverites.

Downtown visto da ilha de Granville, em Vancouver, no Canadá

Downtown visto da ilha de Granville, em Vancouver, no Canadá


Do outro lado em terra firme, flertamos com o futuro, quando vemos um smart carregando suas baterias nas novas estações de “combustível”. Qualquer lugar será um posto de gasolina: em frente ao restaurante, no estacionamento do supermercado ou do parque, basta plugar e garantir mais alguns quilômetros de autonomia.

'Combustível' de carro elétrico, em Vancouver, no Canadá

"Combustível" de carro elétrico, em Vancouver, no Canadá


Carro elétrico nas ruas de Vancouver, no Canadá

Carro elétrico nas ruas de Vancouver, no Canadá


Sonhando com este futuro, logo me pego saudosa do passado. Atraída pelo cheiro do broomcorn (Sorghum vulgare), utilizado para fazer as tradicionais vassouras de palha entro em uma loja. Não eram quaisquer vassouras, com trançados e designs especiais feitos à mão, além de fortes e eficientes, se tornam também uma bela peça de decoração! É claro que tive que comprar uma para a Fiona, modelo exclusivo para carros! Rsrs!

Tradicional loja de vassouras na área do mercado de Granville, em Vancouver, no Canadá

Tradicional loja de vassouras na área do mercado de Granville, em Vancouver, no Canadá


Isso sem contar o folclore por trás das vassouras, um símbolo de sorte em várias culturas do mundo, pois varre para longe a má sorte e protege contra o mal. Uma vassoura nova traz boa sorte e harmonia para uma casa e se somada a um saquinho de sal e pão completam um presente tradicional de boas-vindas a uma casa nova:

Pão - Que esta casa nunca saiba o que é fome.
Sal - Que a vida tenha sempre sabor.
Vassoura - Para varrer todos os problemas.

Já no casamento, se a noiva e o noivo de mãos dadas saltam sobre uma vassoura, terão boa sorte e abundância em sua união. Um velho costume dos Welshs diz que se os recém casados entrarem na sua casa dando um passo sobre uma vassoura, a boa sorte irá seguí-los.


É apaixonante a cultura e a história por trás dessa peça que geralmente tem uma participação tão trivial no nosso dia a dia. Se quiser ler mais sobre os usos e dar uma olhadinha nos modelos, aqui está o site da Broom CO.

Loja para bruxas na área do mercado de Granville, em Vancouver, no Canadá

Loja para bruxas na área do mercado de Granville, em Vancouver, no Canadá


Acho que depois desta descrição fica até desnecessário dizer que a visita à Granville Island e principalmente ao mercado é obrigatória! Mas venha logo no primeiro dia, vai que você apaixona e decide voltar?

A Ana mata a vontade de segurar uma abóbora, no Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

A Ana mata a vontade de segurar uma abóbora, no Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

Canadá, Vancouver, mercado municipal, British Columbia, Columbia Britânica, Granville Public Market

Veja mais posts sobre mercado municipal

Veja todas as fotos do dia!

Diz aí se você gostou, diz!

Post anterior Bruno, Gabriel, Gustavo e Leonardo, da expedição 4x1, saltam para foto na Wreck Beach, em Vancouver, no Canadá

Amigos na Estrada

Post seguinte Café da manhã na casa do Len e da Irmi, em Chilliwack, interior da British Columbia. oeste do Canadá

Nossa Família Canadense

Blog do Rodrigo Chegando ao Granville Island Public Market, em Vancouver, no Canadá

O Fascinante Mercado e o Milagre do Tripé

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet