0 Dive in Montserrat - Blog da Ana - 1000 dias

Dive in Montserrat - Blog da Ana - 1000 dias

A viagem
  • Traduzir em português
  • Translate into English (automatic)
  • Traducir al español (automático)
  • Tradurre in italiano (automatico)
  • Traduire en français (automatique)
  • Übersetzen ins Deutsche (automatisch)
  • Hon'yaku ni nihongo (jidö)

lugares

tags

arqueologia cachoeira Caribe cidade histórica Estrada mar Mergulho Montanha parque nacional Praia Rio roteiro Trekking trilha

paises

Alaska Anguila Antígua E Barbuda Argentina Aruba Bahamas Barbados Belize Bermuda Bolívia Bonaire Brasil Canadá Chile Colômbia Costa Rica Cuba Curaçao Dominica El Salvador Equador Estados Unidos Galápagos Granada Groelândia Guadalupe Guatemala Guiana Guiana Francesa Haiti Hawaii Honduras Ilha De Pascoa Ilhas Caiman Ilhas Virgens Americanas Ilhas Virgens Britânicas Jamaica Martinica México Montserrat Nicarágua Panamá Paraguai Peru Porto Rico República Dominicana Saba Saint Barth Saint Kitts E Neves Saint Martin San Eustatius Santa Lúcia São Vicente E Granadinas Sint Maarten Suriname Trinidad e Tobago Turks e Caicos Venezuela

arquivo

SHUFFLE Há 1 ano: Há 2 anos:

Dive in Montserrat

Montserrat, Little Bay

Gigantescas esponjas negras são muito comuns em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe

Gigantescas esponjas negras são muito comuns em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe


O turismo na ilha caribenha de Montserrat simplesmente acabou depois da destruição da cidade de Plymouth. Era lá que estavam os principais hotéis e toda a vida cultural e turística da ilha. Agora para aqueles que procuram uma experiência mais real e próxima do povo caribenho, Montserrat não irá decepcionar. Aos poucos o povo aprendeu a trabalhar e lidar com a nova situação econômica da ilha e você vai encontrar um Caribe mais autêntico.

Dia de sol e cores vivas em Montserrat, no Caribe

Dia de sol e cores vivas em Montserrat, no Caribe


Em Montserrat a natureza é o centro das atenções e é ela que vamos explorar. Além de trilhas no meio da mata, morros e mirantes maravilhosos de um lado para o Mar do Caribe, de outro para o gigante Soufriere. As praias de areias negras são prova da história geológica da ilha e logo ali, sob as águas verde-esmeralda, continua intacto um dos maiores tesouros de Montserrat.

Navegando ao redor de Montserrat, no Caribe, em direção ao ponto de mergulho

Navegando ao redor de Montserrat, no Caribe, em direção ao ponto de mergulho


As águas mornas do Mar do Caribe abrigam milhares de espécies marinhas e os arrecifes de corais dessa ilha vulcânica são um show de cores e vida. Um dos principais motivos para estes corais estarem tão saudáveis e reluzentes é justamente o mesmo do desastre acima d´água. Depois que o Soufriere entrou em atividade a ilha quase não recebe navios, o que se traduz em menos poluição e menor entrada de espécies invasoras, como turistas estabanados ou gramíneas e outros pequenos animais que matam os corais.

Navegando ao redor de Montserrat, no Caribe, em direção ao ponto de mergulho

Navegando ao redor de Montserrat, no Caribe, em direção ao ponto de mergulho


Tivemos dois dias e meio na ilha, que intercalamos entre atividades embaixo e acima d´água. No post anterior falei sobre o vulcão e sua história, a melhor forma de ver o vulcão é indo até o Mirante de Plymouth, depois de uma passada rápida pelo Observatório do Vulcão, que possui um filme e informações sobre o Soufriere. Um passeio pela nova praia formada pelo vulcão também é obrigatório para sentir na pele como a natureza se transforma.

Nosso jipinho em Montserrat, no Caribe, nos leva para perto do vulcão

Nosso jipinho em Montserrat, no Caribe, nos leva para perto do vulcão


As atividades submersas tiveram um destaque especial na nossa passagem por Montserrat. As saídas operadas pela Green Monkey Dive foram feitas sob-medida já que estamos em baixa temporada em uma ilha que o turismo já é devagar-quase-parando. Troy armou rapidamente todo o esquema quando dissemos que estávamos aqui para mergulhar, pelo menos dois dias.

Entrando em uma esponja gigante em Yellow Monkey, na costa de Montserrat, no Caribe

Entrando em uma esponja gigante em Yellow Monkey, na costa de Montserrat, no Caribe


Os pontos selecionados foram o Pot of Gold, recifes coralíneos a 27m de profundidade com uma quantidade imensa de esponjas, vermelhas em formato de vasos ou potes de ouro. Vimos uma raia pequena, várias barracudas, moréia pintada, hermitão e peixeinhos coloridos típicos do mar caribenho. Estas esponjas são imensas e servem de proteção e esconderijo para vários animais, como esse “pequeno” carangueijo que encontramos, com pelo menos uns 40cm de pata a pata!

Um gigantesco carangueijo se esconde dentro de esponja em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe

Um gigantesco carangueijo se esconde dentro de esponja em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe


O segundo mergulho foi mais raso, em outro arrecife chamado Rendezvous Bay, profundidade máxima de 11m. Lindos corais rasos e por isso com mais luz e mais cores. Muita vida, uma linda tartaruga, moréias pintadas e peixinhos de todos os tipos, inclusive os intrusos e maléficos lion fishes, uma peste aqui no Caribe. Eles podem comer um peixinho de coral por minuto, se reproduzem como coelhos e não possuem predadores, além dos mergulhadores, que possuem permissão para matá-los numa tentativa de controlar a praga.

Pequena moréia pintada em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe

Pequena moréia pintada em Pot of Gold, em Montserrat, no Caribe


Os mergulhos do dia seguinte foram em um pináculo, ponto conhecido como Yellow Monkey, a 26m de profundidade e o Three Anchors, 15m de profundidade, onde encontramos ambientes parecidos com os de ontem, barracudas e muita vida! Neste último há um lindo jardim de corais moles, vimos uma moréia verde, muitos lion fishes, um belo spotted drum fish e uma arraia pequena. Encontramos também duas das três ancoras de navios antigos que dizem existir no local.

Drum Fish em Three Anchors, em Montserrat, no Caribe

Drum Fish em Three Anchors, em Montserrat, no Caribe


Uma das âncoras de Three Anchors, em Montserrat, no Caribe

Uma das âncoras de Three Anchors, em Montserrat, no Caribe


Os mergulhos foram ótimos, um literal quebra gelo para os dois aqui que andaram se aventurando nos mergulhos técnicos nas cavernas da Flórida e nas águas glaciais da Islândia. Cair em um mar com boa visibilidade e temperatuda de 29°C é brincadeira de criança! Perfeito para relaxar e entrar em contato com a intensa natureza de Montserrat.

Caminhando na praia de woodland, em Montserrat, no Caribe

Caminhando na praia de woodland, em Montserrat, no Caribe



DICAS PRÁTICAS

Conhecendo mais uma ilha do Caribe!

Conhecendo mais uma ilha do Caribe!


A dica de ouro para quem quer ir e aproveitar ao máximo Montserrat é planejamento, principalmente na baixa temporada. Não se espante se uma pousada disser que está fechadapor que estão cansados ou se o barco da operadora de mergulho for uma voadeira de alumínio. Lembrem-se as pessoas que ficaram na ilha estão aprendendo e reconstruindo o turismo aos poucos, aprendendo na prática.

Belo entardecer na praia de Woodland, em Montserrat, no Caribe

Belo entardecer na praia de Woodland, em Montserrat, no Caribe


Hospedagem: existem algumas pousadas mas o esquema mais comum é o aluguel de vilas. Dependendo de quanto tempo ficar vale muito mais a pena. A melhor fonte de informações é o site da Green Monkey Dive Shop, que além de quartos para alugar, possui dicas de onde ficar e contato das melhores pousadas. Lembrando, reserve com antecedência, pois assim não terá a surpresa que nós tivemos da pousada que escolhemos no nosso guia de viagens estar tirando uns dias de folga.

Café da manhã na nossa varanda em Baker Hill, em Montserrat, no Caribe

Café da manhã na nossa varanda em Baker Hill, em Montserrat, no Caribe


Transporte: se você quer um táxi é bom tentar agendar antes, eles não estarão no ferry ou no aeroporto te esperando, afinal eles tem mais o que fazer. A dica é alugar um carro para poder rodar a ilha, fica muito mais barato que táxi e como a ilha é montanhosa a pé não vai rolar. Não existe nenhuma Hertz ou Budget, são locadoras locais e pequenas, eles sabem os melhores preços e conhecem como funciona o pessoal da ilha. A melhor forma de fazer a reserva é com a ajuda da pousada ou da operadora de mergulho.

Num belo dia de sol, saindo de  carro do nossa hotel em Montserrat, no Caribe

Num belo dia de sol, saindo de carro do nossa hotel em Montserrat, no Caribe


Mergulho: A Green Monkey Dive Shop é a melhor operadora da ilha, os donos são um casal de americanos, Troy e Melody, que se mudaram para a ilha logo após a erupção do Soufriere em 2003. A infra-estrutura é enxuta, mas eles possuem o melhor barco e o profissionalismo e agilidade comum aos seus conterrâneos. Eles também têm um bar bem aconchegante que reúne o expats e locais mais descolados.

Pura alegria na noite do jubileu da rainha no bar Green Monkey, em Little Bay, em Montserrat, no Caribe

Pura alegria na noite do jubileu da rainha no bar Green Monkey, em Little Bay, em Montserrat, no Caribe

Montserrat, Little Bay, Mergulho, dive, Caribbean, dicas

Veja todas as fotos do dia!

Não se acanhe, comente!

Post anterior Vulcão fumegante visto do observatório em Montserrat, no Caribe

A Nova Montserrat

Post seguinte Cara de Bahia, mas é a praia de Grande Anse, em Basse Terre, em Guadalupe, no Caribe

Basse Terre - Guadalupe

Blog do Rodrigo Início do segundo dia de mergulho em Montserrat, no Caribe (Yellow Monkey)

Montserrat: o Mar

Comentários (0)

Participe da nossa viagem, comente!
Blog da Ana Blog da Rodrigo Vídeos Esportes Soy Loco A Viagem Parceiros Contato

2012. Todos os direitos reservados. Layout por Binworks. Desenvolvimento e manutenção do site por Race Internet